Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.ufrn.br/jspui/handle/123456789/13444
Title: Avaliação dos parâmetros de estresse oxidativo no lúpus eritematoso
Authors: Costa, Tatiana Xavier da
Keywords: Lúpus Eritematoso Sistêmico;Estresse oxidativo;Espécies Reativas do Oxigênio;Antioxidantes;Systemic Lupus Erythematosus;Oxidative Stress;Reactive Oxygen Species;Antioxidants
Issue Date: 27-Mar-2009
Publisher: Universidade Federal do Rio Grande do Norte
Citation: COSTA, Tatiana Xavier da. Avaliação dos parâmetros de estresse oxidativo no lúpus eritematoso. 2009. 66 f. Dissertação (Mestrado em Bioanálises e Medicamentos) - Universidade Federal do Rio Grande do Norte, Natal, 2009.
Portuguese Abstract: OBJETIVO: Analisar os parâmetros de estresse oxidativo no Lúpus Eritematoso Sistêmico. PACIENTES E MÉTODOS: Foram realizadas as determinações do conteúdo de glutationa reduzida no sangue total, da atividade da superóxido dismutase, da glutationa peroxidase e da catalase nos eritrócitos e da concentração de Substâncias Reativas ao Ácido Tiobarbitúrico no plasma de 19 pacientes do sexo feminino com LES sem atividade de doença (Mex-SLEDAI < 2), com média de idade de 32 ± 11 anos, através de métodos espectrofotométricos e comparada a um grupo de 30 indivíduos sadios nas mesmas condições. As pacientes com LES apresentaram tempo de doença em torno de 5 ± 3 anos. Os dados estatísticos foram analisados através do teste tstudent considerando um nível de significância de P<0,05. RESULTADOS: Foi verificado que a concentração de Substâncias Reativas ao Ácido Tiobarbitúrico foi significantemente mais elevada e a atividade da catalase foi significantemente diminuída nos pacientes com LES em comparação ao controle. Não houve diferença significativa nos outros parâmetros. CONCLUSÃO: O aumento da peroxidação lipídica e a diminuição da atividade da catalase sugerem que o estresse oxidativo tem um papel na patogênese da doença no LES, mesmo em pacientes sem doença ativa
Abstract: OBJECTIVE: The aim of this work was to analyse some oxidative stress parameters in patients of Systemic Lúpus Erythematosus. PATIENTS AND METHODS: Determinations of reduced glutathione content in whole blood were carried out. The activity of superoxide dismutase, gluthatione peroxidase and catalase in erythrocytes and the concentration of reactive substances of acid thiobarbituric in plasma of patients female (n =19) with SLE no activity of disease (Mex-SLEDAI < 2), with average ages of 32 ± 11 years, through the spectrophotometrical methods and from healthy individuals (n =30). Statistical data were analyzed by student t-test, p<0,05. RESULTS: Our data indicated a significant decrease on the activity of catalase and significant increase on the concentration of reactive substances of acid thiobarbituric in patients with SLE comparing with healthy individuals. There was no significant difference in other parameters. CONCLUSION: The results showed that oxidative stress has a role in the pathogenesis of the disease in SLE, even in patients without active disease.
URI: https://repositorio.ufrn.br/jspui/handle/123456789/13444
Appears in Collections:PPGCF - Mestrado em Ciências Farmacêuticas

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
AvaliacaoParâmetrosEstresse_Costa_2009.pdf533.44 kBAdobe PDFThumbnail
View/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.