Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.ufrn.br/jspui/handle/123456789/17069
Title: Aspectos clínicos, radiográficos e histológicos da superfície oclusal de molares decíduos com e sem lesão de cárie: estudo in vitro
Authors: Medeiros, Gisele Chaves de
Keywords: Cárie dentária;Diagnóstico;Histologia;Microscopia;Odontologia preventiva
Issue Date: 6-Jun-2011
Publisher: Universidade Federal do Rio Grande do Norte
Citation: MEDEIROS, Gisele Chaves de. Aspectos clínicos, radiográficos e histológicos da superfície oclusal de molares decíduos com e sem lesão de cárie: estudo in vitro. 2011. 128 f. Dissertação (Mestrado em Odontologia Preventiva e Social; Periodontia e Prótese Dentária) - Universidade Federal do Rio Grande do Norte, Natal, 2011.
Portuguese Abstract: A detecção precoce de uma lesão de cárie oclusal incipiente torna-se de extrema importância, frente à relevância na adoção de um plano de tratamento preventivo e interceptador. O objetivo desse estudo foi realizar, in vitro, uma avaliação comparativa entre os métodos de diagnóstico clínico visual, radiográfico interproximal (bitewing) e histológico em superfície oclusal de molares decíduos. Dentre o método de diagnóstico histológico, objetivou-se realizar uma análise ultraestrutural e morfológica desses elementos dentários, por meio da Microscopia de Luz (ML) e Microscopia Eletrônica de Varredura (MEV), no intuito relacionar as características clínicas e radiográficas com os aspectos histológicos. Três examinadores não-calibrados efetuaram os exames visual e radiográfico interproximal (bitewing) em 66 sítios de 33 molares decíduos esfoliados apresentando pigmentação em fóssulas e fissuras. Após a análise histológica (padrão ouro), foi constatada a presença de lesões cariosas em 34 sítios, sendo 23 restritas ao esmalte e 11 com envolvimento dentinário. Observou-se que, quanto ao exame visual, no cut-off todas as lesões, obteve-se menores valores de sensibilidade, especificidade e acurácia, quando comparado ao exame radiográfico. Para a maioria dos examinadores no cut-off lesões em dentina, o exame visual apresentou especificidade e acurácia superiores ao exame radiográfico. O exame radiográfico, por outro lado, revelou os maiores valores de sensibilidade, especificidade e acurácia no cut-off todas as lesões, e o maior valor de especificidade no cut-off lesões em dentina. Através do teste Cohen s kappa (k) foi possível observar uma grande variação entre os examinadores, sendo que o exame visual apresentou os melhores valores de concordância (moderada confiabilidade). A concordância intra-examinador variou de baixa a moderada confiabilidade para ambos os métodos avaliados. De modo complementar, foram também descritas as características das 11 lesões em dentina, em diferentes níveis, considerando os aspectos macroscópicos, radiográficos, histológicos por meio da microscopia de luz polarizada (MLP) e ultra-estruturais por meio da microscopia eletrônica de varredura (MEV). A cárie em superfície oclusal ao nível dentinário apresentou, nas 11 lesões avaliadas, a presença de dentina desmineralizada, esclerose dentinária, zona translúcida, tratos mortos dentinários, dentina reacional e deposição de dentina intra-tubular
URI: http://repositorio.ufrn.br:8080/jspui/handle/123456789/17069
Appears in Collections:PPGOPS - Mestrado em Odontologia

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
GiseleCM_DISSERT.pdf4,95 MBAdobe PDFThumbnail
View/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.