Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://repositorio.ufrn.br/jspui/handle/123456789/18721
Título: Proposta de critérios adicionais para definição de Área Prioritária para Conservação no Semiárido brasileiro
Título(s) alternativo(s): Additional criteria proposed for definition priority area for conservation in brazilian semiarid
Autor(es): Lucena, Mycarla Míria Araújo de
Palavras-chave: Complexo Serrano. Comunidades rurais. Conservação. Semiárido;Serrano Complex. Rural Communities. Conservation. Semiarid
Data do documento: 20-Fev-2014
Editor: Universidade Federal do Rio Grande do Norte
Citação: LUCENA, Mycarla Míria Araújo de. Additional criteria proposed for definition priority area for conservation in brazilian semiarid. 2014. 161 f. Tese (Doutorado em Meio Ambiente, Cultura e Desenvolvimento) - Universidade Federal do Rio Grande do Norte, Natal, 2014.
Abstract: Environmental changes and their consequences on the global level have challenged the different fields of study to integrate towards effective solutions to minimize and /or equate the negative impacts of these changes in different types of environments. In this context, the Environmental Perception has been a widely used and relevant in studies that consider the relationship between the environment and human actions, by allowing analysis of perceptions, attitudes and values, key influencers of topophilia that resonates in conservation tool. Allied to Environmental Perception, Integrated Analysis of the Landscape is relevant because it allows to analyze in a systematic way the geographical space where all its elements are interrelated in a way that supports needed to understand the complex physical and human environment of a given environment. In this perspective, we have studied the João do Vale Serrano Complex, located in semiarid of Rio Grande do Norte state, which features a set of landscapes with different faces, which are being replaced by various economic activities and disordered population growth, with consequent exploitation the potential of natural resources. This thesis main goal was to combine the Environmental Perception of rural communities to the of Serrano Complex Landscape Analysis as additional criteria for the definition of Priority Areas for Conservation. The perception data were collected through direct observation, questioning, interviews and application forms to 240 people (100 % of occupied households in the mountain community) during the months of february and august 2011, with theoretical and methodological basis Environmental Perception. Integrated Landscape Analysis was performed by GTP (Geosystem - Territory - Landscape) method, using the Geographic Information System (GIS), using the technique of GIS for mapping the landscape. The results showed that respondents have a sense of topophilia by where they live, hold a vast knowledge of the natural resources in this Serrano Complex, and responded positively regarding the choice of an exclusive area for conservation. The Integrated Analysis of Landscape possible to identify the different forms of existing uses and occupations in Serrano Complex, have caused significant changes in space, especially on the plateau where vegetation was virtually replaced by human dwellings and cashew plantations. Through the maps of slope and environmental vulnerability was identified that areas with high slopes (gullies) are limiting factor for occupation by communities and therefore relevant and amenable to conservation, including by being Permanent Preservation Areas. These results, together, made possible to define a map of Priority Areas for Conservation in Serrano Complex, with three priority categories: low, medium and high. Therefore, the use of these additional criteria are relevant for the definition /designation of Priority Areas for Conservation
Resumo: As transformações ambientais e suas consequências em nível global têm desafiado os diferentes campos de estudo a se integrarem em prol de soluções efetivas para minimizar e/ou equacionar os impactos negativos causados por essas transformações nos diversos tipos de ambientes. Nesse contexto, a Percepção Ambiental tem sido um instrumento bastante utilizado e relevante em estudos que contemplam as relações entre meio ambiente e ações humanas, por possibilitar análises das percepções, atitudes e valores, principais formadores da topofilia, que repercute em ações de conservação. Aliada à Percepção Ambiental, a Análise Integrada da Paisagem é relevante por possibilitar analisar de forma sistêmica o espaço geográfico, onde todos os seus elementos estão interrelacionados de forma que dão suporte necessário para compreensão da complexidade do meio físico e antrópico de um determinado ambiente. Nessa perspectiva, foi estudado o Complexo Serrano João do Vale, situado no Semiárido do Estado do Rio Grande do Norte, que apresenta um conjunto de paisagens com diferentes fisionomias, as quais vêm sendo substituídas por diversas atividades econômicas e crescimento populacional desordenados, com consequente exploração das potencialidades dos recursos naturais. Esta tese teve como objetivo geral aliar a Percepção Ambiental de comunidades rurais à Análise da Paisagem do Complexo Serrano como critérios adicionais para definição de Áreas Prioritárias para Conservação. Os dados de percepção foram obtidos por meio de observação direta, questionamentos, entrevistas e aplicação de formulários a 240 pessoas (100% dos domicílios ocupados na comunidade serrana), durante os meses de fevereiro a agosto de 2011, com base teórico-metodológica da Percepção Ambiental. A Análise Integrada da Paisagem foi efetuada através do método GTP (Geossistema- Território- Paisagem), por meio do Sistema de Informação Geográfica (SIG), utilizando a técnica de geoprocessamento para o mapeamento da paisagem. Os resultados obtidos evidenciaram que os entrevistados apresentam um sentimento de topofilia pelo local onde vivem, detêm um vasto conhecimento sobre os recursos naturais existentes nesse Complexo Serrano, e responderam positivamente quanto à escolha de uma área exclusiva para conservação. A Análise Integrada da Paisagem possibilitou identificar as diversas formas de usos e ocupações existentes no Complexo Serrano, que têm causado mudanças significativas no espaço, principalmente no platô onde a vegetação foi praticamente substituída pelas habitações humanas e plantações de cajueiros. Através dos mapas de declividade e vulnerabilidade ambiental foi possível identificar que as áreas com elevadas declividades (grotas) constituem fator limitante para a ocupação pelas comunidades e, portanto, relevantes e passíveis de conservação, inclusive por serem Áreas de Preservação Permanente. Esses resultados, em conjunto, possibilitaram definir um mapa de Áreas Prioritárias para Conservação nesse Complexo Serrano, com três categorias de prioridade: baixa, média e alta. Portanto, o uso desses critérios adicionais são relevantes para definição/designação de Áreas Prioritárias para Conservação
URI: http://repositorio.ufrn.br:8080/jspui/handle/123456789/18721
Aparece nas coleções:PRODEMA - Doutorado em Desenvolvimento e Meio Ambiente

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
MycarlaMAL_TESE.pdf6,21 MBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.