Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.ufrn.br/handle/123456789/24943
Title: Polimorfismos do gene alfa-sinucleína: risco para a doença de Parkinson e suas relações com sintomas motores e não-motores
Authors: Bezerra, Clarissa Loureiro Campêlo
Keywords: Doença de Parkinson;Alfa-sinucleína;SNCA;Polimorfismos;Alterações clínicas
Issue Date: 14-Mar-2017
Citation: BEZERRA, Clarissa Loureiro Campêlo. Polimorfismos do gene alfa-sinucleína: risco para a doença de Parkinson e suas relações com sintomas motores e não-motores. 2017. 119f. Tese (Doutorado em Psicobiologia) - Centro de Biociências, Universidade Federal do Rio Grande do Norte, Natal, 2017.
Portuguese Abstract: Crescentes evidencias indicam que a susceptibilidade genética contribui para a etiologia da doença de Parkinson esporádica (DP). Variações genéticas no gene SNCA, responsável pela codificação da alfa-sinucleína, foram bem estabelecidas através de estudos de linkage e GWAS. Estudos em todo o mundo encontraram associação positiva com polimorfismos de nucleotídeo único (SNPs) no gene SNCA e o aumento do risco para DP. Além disto, variações no SNCA podem influenciar características ou fenótipos da DP esporádica. Este estudo teve como objetivo investigar associações entre os SNPs no gene SNCA e a sintomatologia motora e não-motora da DP em uma população brasileira. 206 sujeitos (grupo DP= 105 e grupo controle= 101) participaram do estudo. Os pacientes com DP foram recrutados no ambulatório de neurologia do Hospital Onofre Lopes, na cidade de Natal (RN). Foram utilizados questionários e escalas para avaliar o histórico de saúde, fatores ambientais, aspectos motores (Hoehn & Yarh e Unified Parkinson´s Disease Rating Scale), funcionais (Schwab & England), cognitivos (Bateria de Avaliação Frontal e Mini-Exame do Estado Mental) e emocionais (Inventário de Depressão de Beck e Inventario de Ansiedade de Beck) dos participantes. Também foi coletada uma amostra de sangue para a realização da extração do DNA e posterior genotipagem dos SNPs rs11931074, rs356219, rs2583988, rs2736990. Quanto a avaliação clínica, o grupo DP apresentou comprometimento motor de moderado a severo associado a uma moderada redução da capacidade funcional. Os déficits cognitivos foram mais presentes nos sujeitos com baixa escolarização. Os sintomas depressivos e ansiosos foram evidenciados com maior frequência e gravidade no grupo DP. Os dados da genotipagem mostraram todos os SNP mais frequentes no grupo DP, e a associação dos SNPs rs356219, rs2583988, rs2736990 aumentando o risco para DP foi confirmada. Também foi encontrada uma associação dos alelos de risco com a DP de início precoce. T-rs2583988, G-rs356219 e C-2736990 foram significativamente mais frequentes nos pacientes com alterações cognitivas quando comparados aos controles com a mesma condição. Além disto, a presença de alterações cognitivas foi mostrou-se um fator preditivo para a DP em um modelo de regressão logística. Este estudo é o primeiro a demonstrar a associação de polimorfismos no gene SNCA em uma população da América do Sul.
Abstract: Increasing evidence indicate that genetic susceptibility contributes to the etiology of sporadic Parkinson´s Disease (PD). Genetic variations in SNCA gene, which encodes alpha-synuclein protein, are already well established in linkage and GWAS studies. Worldwide studies have find positive association of single nucleotide polymorphism (SNP) in SNCA and the increase risk for PD. In addition, variants in SNCA can influence individual traits or phenotypes of sporadic PD. The present study investigated associations between SNPs in SNCA gene and motor and non-motor symptoms of PD in a Brazilian population. 206 subjects (PD group= 105 and Control group = 101) participated in this study. The patients with PD were recruited from the neurology clinic of Onofre Lopes University Hospital, in Natal (RN, Brazil). We used questionnaires and scales to evaluate the healthy history, environmental factors, motor (Hoehn & Yarh e Unified Parkinson´s Disease Rating Scale), functional (Schwab & England), cognitive (Frontal Assessment Battery and Mini Mental State Examination) and emotional (Beck Depression Inventory and Beck Anxiety Inventory) aspects of the subjects. We also collected a blood sample to DNA extraction and genotyping of SNPs rs11931074, rs356219, rs2583988 and rs2736990. Regarding clinical assessment, the PD group presented motor impairment associated to a moderate decrease of functional capacity. The cognitive impairments were more evident in individuals with low education. Depressive and anxiety symptoms had a higher frequency and severity in PD group. All SNPs were more frequent in PD patients (p<0.05), and the associations of SNPs rs2583988, rs356219 and rs2736990 with increased PD risk were confirmed. The G-rs356219 and C-rs2736990 alleles had a significant higher frequency in patients with early onset PD. T-rs2583988, G-rs356219 and C-2736990 risk alleles were significantly more frequent in PD patients with cognitive impairments than controls in this condition. Furthermore, the presence of cognitive impairment was a predictor for PD in a logistic regression model. This study demonstrated for the first time an association of SNCA polymorphisms and PD in a South-American sample.
URI: https://repositorio.ufrn.br/jspui/handle/123456789/24943
Appears in Collections:PPGPSICO - Doutorado em Psicobiologia

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
ClarissaLoureiroCampeloBezerra_TESE.pdf6,78 MBAdobe PDFThumbnail
View/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.