Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.ufrn.br/jspui/handle/123456789/26613
Title: Avaliação da qualidade dos registros em prontuários de um Hospital do Nordeste Brasileiro
Authors: Oliveira, Patrícia Lopes
Keywords: Registros de saúde pessoal;Comunicação;Qualidade da assistência à saúde;Segurança do paciente;Ciência da melhoria
Issue Date: 20-Jul-2018
Citation: OLIVEIRA, Patrícia Lopes. Avaliação da qualidade dos registros em prontuários de um Hospital do Nordeste Brasileiro. 2018. 56f. Dissertação (Mestrado Profissional em Gestão da Qualidade em Serviços de Saúde) - Centro de Ciências da Saúde, Universidade Federal do Rio Grande do Norte, Natal, 2018.
Portuguese Abstract: Introdução: o prontuário é o elemento de comunicação entre profissionais, usuários e serviços de saúde passível de mensurar e avaliar o tipo e qualidade do atendimento prestado portando um conjunto de informações sobre as intervenções realizadas e servindo para o acompanhamento da história de saúde do usuário. O registro adequado das informações torna-se ferramenta importante no cuidado e segurança do paciente, bem como respaldo legal para instituição e profissionais. Objetivo: avaliar a implantação do programa de melhoria dos registros em prontuários do Hospital Geral de Farias Brito. Metodologia: estudo de natureza quantitativa com desenho quase experimental do tipo antes e depois de avaliação de critérios de qualidade. Os dados foram obtidos através da análise dos registros realizados nos prontuários dos pacientes internados na unidade. Foi realizado um ciclo de melhoria com análise do problema, intervenção e monitoramento, para tanto foram elaborados oito critérios para verificar a qualidade dos registros relacionados à identificação do paciente e do profissional assistente, legibilidade e aspectos da evolução multiprofissional. Os resultados obtidos foram apresentados através do Gráfico de Pareto, no qual foi observado se houve melhoria da qualidade e sua significância. Resultados: Na medição inicial verificaram-se índices de cumprimento de 36,30% em média, com destaque para o critério 4 que diz que os registros em prontuários devem conter a identificação do profissional, data, hora e número do conselho de classe, com 100,00% de não cumprimento. Já na segunda medição, notou-se um aumento na média de cumprimentos de todos os critérios em 19,45%. Conclusão: Considerando-se as melhorias alcançadas, percebe-se que o ciclo de melhoria é uma ferramenta efetiva para qualidade dos serviços desenvolvidos especialmente o registro em prontuário médico.
Abstract: Introduction: the medical record is the communication element among professionals, users and health services that can measure and evaluate the type and quality of the care provided by carrying a set of information about the interventions performed and serving to follow the health history of the user. Proper recording of information becomes an important tool in patient care and safety, as well as legal backing for institutions and professionals. Objective: to evaluate the implantation of the program of improvement of the records in medical records of the General Hospital of Farias Brito. Methodology: quantitative study with almost experimental design of the type before and after evaluation of quality criteria. The data were obtained through the analysis of the records made in the records of patients admitted to the unit. An improvement cycle was performed with problem analysis, intervention and monitoring. Eight criteria were used to verify the quality of records related to patient and assistant identification, legibility and aspects of multiprofessional evolution. The results were presented through the Pareto Chart, in which it was observed if there was an improvement in quality and its significance. Results: In the initial measurement, compliance rates of 36.30% were observed on average, with emphasis on criterion 4, which says that the records in the medical records must contain the professional identification, date, time and number of the class council, with 100.00% non-compliance. In the second measurement, an average increase in compliance with all criteria was observed at 19.45%. Conclusion: Considering the improvements achieved, it is perceived that the improvement cycle is an effective tool for the quality of services specially developed for medical records.
URI: https://repositorio.ufrn.br/jspui/handle/123456789/26613
Appears in Collections:QUALISAÚDE - Mestrado Profissional Gestão da Qualidade em Serviços de Saúde

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Avaliaçãoqualidaderegistros_Oliveira_2018.pdf1.25 MBAdobe PDFThumbnail
View/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.