Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.ufrn.br/jspui/handle/123456789/26740
Full metadata record
DC FieldValueLanguage
dc.contributor.advisorFreitas, Marise Reis de-
dc.contributor.authorCunha, Eduardo Queiroz da-
dc.date.accessioned2019-03-11T22:51:43Z-
dc.date.available2019-03-11T22:51:43Z-
dc.date.issued2018-09-26-
dc.identifier.citationCUNHA, Eduardo Queiroz da. Implementação de um sistema de alerta precoce em um Hospital Universitário. 2018. 48f. Dissertação (Mestrado Profissional em Gestão da Qualidade em Serviços de Saúde) - Centro de Ciências da Saúde, Universidade Federal do Rio Grande do Norte, Natal, 2018.pt_BR
dc.identifier.urihttps://repositorio.ufrn.br/jspui/handle/123456789/26740-
dc.description.abstractIntroduction: In the hospital environment, the complexity of care and the heterogeneity of care make it difficult to properly identify a potentially ill patient. Adherence to early warning scores allows redirection of the deteriorating patient to an appropriate care and monitoring environment. Objectives: To implement the National Early Warning Score (NEWS) in a university hospital setting using the improvement cycle technique. Methodology: A quasiexperimental study, in which NEWS was implemented in the cardiovascular disease ward of a university hospital, from December 2017 to June 2018. Three improvement cycles were performed, based on the qualification of the medical staff and nursing. Eight indicators were used to evaluate the adequacy of the process. Unilateral Z-test was used to analyze the effect of the interventions and absolute and relative improvement values were calculated. Noncompliance data from subsequent evaluations were analyzed using a Pareto before-and-after graph. Results: A total of 86 professionals were trained. Four of the eight criteria achieved adherence above 95% and two criteria with significant improvement before and after the intervention (P <0.05). There was a 42.2% reduction in the number of nonconformities in the third and last evaluation after the intervention (P = 0.017). The total number of compliments of the indicators at the end was 75.2%. Conclusions: Quality improvement tools, particularly improvement cycles, can be used to implement an early warning system, thus ensuring greater safety in the inpatient care and with the possibility of clinical deterioration.pt_BR
dc.languagept_BRpt_BR
dc.rightsAcesso Abertopt_BR
dc.subjectCuidados críticospt_BR
dc.subjectSegurança do pacientept_BR
dc.subjectGestão da qualidadept_BR
dc.subjectMelhoria da qualidadept_BR
dc.titleImplementação de um sistema de alerta precoce em um Hospital Universitáriopt_BR
dc.typemasterThesispt_BR
dc.publisher.countryBrasilpt_BR
dc.publisher.initialsUFRNpt_BR
dc.publisher.programPROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM GESTÃO DA QUALIDADE EM SERVIÇOS DE SAÚDEpt_BR
dc.contributor.authorID06751347499pt_BR
dc.contributor.advisorID30594766320pt_BR
dc.contributor.referees1Paiva, Aldair de Sousa-
dc.contributor.referees1ID31528910400pt_BR
dc.contributor.referees2Piuvezam, Grasiela-
dc.contributor.referees2ID02371412481pt_BR
dc.contributor.referees3Capucho, Helaine Carneiro-
dc.contributor.referees3ID05264394679pt_BR
dc.description.resumoIntrodução: No ambiente hospitalar, a complexidade da assistência e a heterogeneidade dos cuidados dificulta a identificação adequada de paciente potencialmente grave. A adesão à escores de alerta precoce permitem o redirecionamento do paciente em deterioração para um ambiente adequado de cuidado e monitorização. Objetivos: Implementar o National early warning score (NEWS) num cenário hospitalar universitário por meio do uso da técnica de ciclo de melhoria. Metodologia: Estudo quase-experimental, na qual o NEWS foi implementado na enfermaria de doenças cardiovasculares de um hospital universitário, no período de dezembro de 2017 a junho de 2018. Foram realizados três ciclos de melhoria, a partir da capacitação da equipe médica e de enfermagem. Oito indicadores foram analisados para avaliar a adequação do processo. Teste Z unilateral foi utilizado para analisar o efeito das intervenções e foram calculados os valores de melhoria absoluta e relativa. Os dados de não-cumprimento das avaliações subsequentes foram analisados por meio de um gráfico antes-e-depois de Pareto. Resultados: Um total de 86 profissionais foram treinados. Quatro dos oito critérios obtiveram adesão acima de 95% e dois critérios com melhora significante antes e depois da intervenção (P<0,05). Houve uma redução de 42,2% no número de não conformidades na terceira e última avaliação após a intervenção (P=0,017). O número de cumprimentos totais dos indicadores ao final foi de 75,2%. Conclusões: Ferramentas de melhoria da qualidade, em particular os ciclos de melhoria, podem ser utilizadas para implementar um sistema de alerta precoce, garantindo assim uma maior segurança na assistência ao paciente internado e com possibilidade de deterioração clínica.pt_BR
dc.subject.cnpqCNPQ::CIENCIAS DA SAUDE: GESTÃO DA QUALIDADE EM SERVIÇOS DE SAÚDEpt_BR
Appears in Collections:QUALISAÚDE - Mestrado Profissional Gestão da Qualidade em Serviços de Saúde

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Implementaçãoumsistema_Cunha_2018.pdf648,12 kBAdobe PDFThumbnail
View/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.