Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.ufrn.br/handle/123456789/12181
Full metadata record
DC FieldValueLanguage
dc.contributor.advisorSousa Neto, Manoel Veras dept_BR
dc.contributor.authorCardoso, Monique Fonsecapt_BR
dc.date.accessioned2014-12-17T13:53:30Z-
dc.date.available2011-04-07pt_BR
dc.date.available2014-12-17T13:53:30Z-
dc.date.issued2010-12-06pt_BR
dc.identifier.citationCARDOSO, Monique Fonseca. Vigilância eletrônica no trabalho bancário: do controle consentido ao totalitarismo corporativo. 2010. 139 f. Dissertação (Mestrado em Políticas e Gestão Públicas; Gestão Organizacional) - Universidade Federal do Rio Grande do Norte, Natal, 2010.por
dc.identifier.urihttps://repositorio.ufrn.br/jspui/handle/123456789/12181-
dc.description.abstractThis dissertation addresses the electronic surveillance theme in the banking context. The research that originated it, which was held in an organization called for the fiction name Banco Total, started from the following driving question: How do workers at a bank perceive electronic surveillance at their process of work? The research s main objective was to comprehend how workers perceive electronic surveillance at their process of work. The study adopted an interdisciplinary perspective, having Management as the original field, establishing a dialogue with others disciplines, like Philosophy and Sociology. About its methodology, it s a qualitative research that addressed its object in oral (interviews with live history elements) way. . Ten individuals were interviewed. The analytical process utilized the hermeneutical-dialectics technique.. From the analyses (hermeneutics) of the data, the following themes have emerged: (i) Acquiescence ; (ii) Monitoring; (iii) Time and Motion; (iv) Fear; (v) Interdiction; and (vi) Resistance . From the discussion (dialectic) of the results, this work presents three synthetic propositions that culminate in the following dimensions (i) control; (ii) acquiescence; (iii) corporative totalitarianism. It can be concluded that electronic surveillance is one mechanism of control emerged from the apply of technology at Total Bank; that information technology has been improving the control mechanisms of management theories; and that the imbrications between management and material technology control mechanisms at a context where there is acquiescence by workers contribute for the emergency of corporative totalitarianism componentseng
dc.formatapplication/pdfpor
dc.languageporpor
dc.publisherUniversidade Federal do Rio Grande do Nortepor
dc.rightsAcesso Abertopor
dc.subjectVigilância eletrônicapor
dc.subjectControlepor
dc.subjectTecnologiapor
dc.subjectTeoria das organizaçõespor
dc.subjectElectronic surveillanceeng
dc.subjectControleng
dc.subjectTechnologyeng
dc.subjectManagement theorieseng
dc.titleVigilância eletrônica no trabalho bancário: do controle consentido ao totalitarismo corporativopor
dc.typemasterThesispor
dc.publisher.countryBRpor
dc.publisher.initialsUFRNpor
dc.publisher.programPrograma de Pós-Graduação em Administraçãopor
dc.contributor.authorIDpor
dc.contributor.authorLatteshttp://lattes.cnpq.br/9672860133840416por
dc.contributor.advisorIDpor
dc.contributor.advisorLatteshttp://buscatextual.cnpq.br/buscatextual/visualizacv.do?id=K4789716A1&dataRevisao=nullpor
dc.contributor.referees1Ramos, Anatália Saraiva Martinspt_BR
dc.contributor.referees1IDpor
dc.contributor.referees1Latteshttp://buscatextual.cnpq.br/buscatextual/visualizacv.do?id=K4782144T2por
dc.contributor.referees2Brito, Lydia Maria Pintopt_BR
dc.contributor.referees2IDpor
dc.contributor.referees2Latteshttp://lattes.cnpq.br/4486886157670655por
dc.contributor.referees3Alloufa, Jomária Mata de Limapt_BR
dc.contributor.referees3IDpor
dc.contributor.referees3Latteshttp://buscatextual.cnpq.br/buscatextual/visualizacv.do?id=K4780080H5por
dc.description.resumoEsta dissertação aborda o tema vigilância eletrônica no contexto do trabalho bancário. A pesquisa que lhe origina, realizada numa organização ficticiamente chamada de Banco Total, partiu da questão mobilizadora: Como os trabalhadores bancários percebem a vigilância eletrônica em seu processo de trabalho? O objetivo geral da pesquisa foi compreender como os trabalhadores do Banco Total percebem a vigilância eletrônica sobre o seu processo de trabalho. Adotou-se uma perspectiva interdisciplinar, tomando a Administração como campo originário, e estabelecendo diálogo com outros campos, como a Filosofia e a Sociologia. Metodologicamente, trata-se de uma pesquisa de natureza qualitativa, , para a qual dez sujeitos foram entrevistados. Quanto ao processo analítico, a técnica utilizada foi a análise hermenêutico-dialética,. Da análise (hermenêutica) dos dados, emergiram os seguintes temas: (i) Aquiescência ; (ii) Monitoramento; (iii) Tempos e Movimentos; (iv) Medo; (v) Interdição; e (vi) Resistência . Da discussão (dialética) dos resultados, o trabalho apresenta três proposições sintéticas, que culminam nas seguintes dimensões-síntese da pesquisa: (i) controle; (ii) aquiescência; (iii) totalitarismo corporativo. O trabalho conclui que a vigilância eletrônica é um dos mecanismos de controle, possibilitado pelo emprego da TI no Banco Total; que a TI atualiza a TO, no que se refere ao controle do trabalho, na medida em que aperfeiçoa os mecanismos de controle; e que a imbricação entre os mecanismos de controle das tecnologias gerenciais e das tecnologias materiais, em um contexto de aquiescência dos trabalhadores, contribui para a emergência de um totalitarismo corporativopor
dc.publisher.departmentPolíticas e Gestão Públicas; Gestão Organizacionalpor
dc.subject.cnpqCNPQ::CIENCIAS SOCIAIS APLICADAS::ADMINISTRACAOpor
Appears in Collections:PPGA - Mestrado em Administração

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
VigilânciaEletrônicaTrabalho_Cardoso_2010.pdf1,57 MBAdobe PDFThumbnail
View/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.