Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.ufrn.br/handle/123456789/13933
Full metadata record
DC FieldValueLanguage
dc.contributor.advisorNobre Júnior, Edilson Pereirapt_BR
dc.contributor.authorLima, Raimundo Marcio Ribeiropt_BR
dc.date.accessioned2014-12-17T14:27:18Z-
dc.date.available2012-11-19pt_BR
dc.date.available2014-12-17T14:27:18Z-
dc.date.issued2012-07-06pt_BR
dc.identifier.citationLIMA, Raimundo Marcio Ribeiro. Participação administrativa processual na administração pública dialógica. 2012. 529 f. Dissertação (Mestrado em Constituição e Garantias de Direitos) - Universidade Federal do Rio Grande do Norte, Natal, 2012.por
dc.identifier.urihttps://repositorio.ufrn.br/jspui/handle/123456789/13933-
dc.description.abstractThe dissertation, which is based on the deductive method, by using general concepts of the theory of the administrative participation in the administrative process, addresses the importance of strengthening administrative and procedural activities of citizen involvement in public administration for the administrative consolidation of democracy in Brazil. The emergence of Administrative Law has particular importance for the understanding of its institutions and, of course, for the different fields of public administration. The authoritarian profile of this area of law still exists as a clear recollection of their origin, mainly based on a relationship of superiority of the state over the individuals. Indeed, does not even modern constitutionalism could print a true democracy administrative, since the constitutions were not properly observed by the Government. Furthermore, only the process of constitutionalization of administrative law legal relations took a more democratic profile. That is, the creation of an environment of dialogue with civil society is a recent achievement of the Brazilian government. As the administrative process involves dilemmas and solutions of state action, because it is revealed the expression government, the strengthening of institutions and principles related to the administrative procedure is important for role in making a more participatory relationship between state and citizen. Thus, administrative participation can be considered not only a mechanism of control and legitimacy of state action, but also for improvement and reduction of administrative costs, as a requirement of the principle of efficiency. The objective of this investigation is to assert as the administrative legal relation, the administrative legality, the administrative jurisdiction, the processuality administrative, the consensuality administrative and administrative justice, together with administrative participation, can contribute to a more democratic role of the Public Administration and, therefore, more dialogic and consolidator of the fundamental rights of citizens. Therefore, we highlight the importance of the administrative process and administrative participation as mechanisms for improving public policy and thus as a means of reducing administrative costs mediate the stateeng
dc.formatapplication/pdfpor
dc.languageporpor
dc.publisherUniversidade Federal do Rio Grande do Nortepor
dc.rightsAcesso Abertopor
dc.subjectParticipação administrativapor
dc.subjectProcesso administrativopor
dc.subjectAdministração pública dialógicapor
dc.subjectAdministrative participationeng
dc.subjectAdministrative procedureeng
dc.subjectPublic administration dialogicaleng
dc.titleParticipação administrativa processual na administração pública dialógicapor
dc.typemasterThesispor
dc.publisher.countryBRpor
dc.publisher.initialsUFRNpor
dc.publisher.programPrograma de Pós-Graduação em Direitopor
dc.contributor.authorIDpor
dc.contributor.authorLatteshttp://lattes.cnpq.br/5377040861007439por
dc.contributor.advisorIDpor
dc.contributor.advisorLatteshttp://lattes.cnpq.br/6219856215182127por
dc.contributor.referees1Cavalcanti, Francisco de Queiroz Bezerrapt_BR
dc.contributor.referees1IDpor
dc.contributor.referees1Latteshttp://lattes.cnpq.br/3955753736912728por
dc.contributor.referees2França, Vladimir da Rochapt_BR
dc.contributor.referees2IDpor
dc.contributor.referees2Latteshttp://lattes.cnpq.br/5120480321290362por
dc.description.resumoA dissertação, elaborada com base no método dedutivo, mediante utilização de conceitos gerais da teoria da participação administrativa no processo administrativo, trata da importância do fortalecimento da atividade processual administrativa e do envolvimento do cidadão na Administração Pública para a consolidação da democracia administrativa no Brasil. O surgimento do Direito Administrativo possui particular importância para a compreensão dos seus institutos e, claro, para a forma de atuação da Administração Pública. O perfil autoritário desse ramo jurídico ainda persiste como clara reminiscência de sua origem, notadamente pautada numa relação de superioridade do Estado em face dos particulares. Aliás, nem mesmo o constitucionalismo moderno conseguiu imprimir uma verdadeira democracia administrativa, porquanto os textos constitucionais não foram devidamente observados pelo Poder Público. Além disso, somente com o processo de constitucionalização do Direito as relações jurídicas administrativas assumiram um perfil mais democrático. É dizer, a constituição de uma ambiência de diálogo com a sociedade civil é uma conquista incipiente da Administração Pública brasileira. Como o processo administrativo comporta os dilemas e as soluções da atuação do Estado, porque nele é revelada a manifestação estatal, o fortalecimento dos institutos e princípios relacionados à atividade processual administrativa cumpre o importante papel de tornar mais participativa à relação entre o Estado e o cidadão. Desse modo, a participação administrativa pode ser considerada não apenas um mecanismo de controle e de legitimação da atuação estatal, mas, também, de aperfeiçoamento e de redução dos custos administrativos, como exigência do princípio da eficiência. O objetivo principal do trabalho consiste em afirmar como a relação jurídica administrativa, a juridicidade administrativa, a jurisdição administrativa, a processualidade administrativa, a consensualidade administrativa e a justiça administrativa, conjuntamente com a participação administrativa, podem contribuir para uma atuação mais democrática da Administração Pública e, consequentemente, mais dialógica e consolidadora dos direitos fundamentais do cidadão. Portanto, destaca-se a importância do processo administrativo e da participação administrativa como mecanismos de aperfeiçoamento das políticas públicas e, dessa forma, como instrumentos de redução dos custos administrativos mediatos do Estadopor
dc.publisher.departmentConstituição e Garantias de Direitospor
dc.subject.cnpqCNPQ::CIENCIAS SOCIAIS APLICADAS::DIREITOpor
Appears in Collections:PPGDIR - Mestrado em Direito

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
ParticipaçãoAdministrativaProcessual_Lima_2012.pdf4,22 MBAdobe PDFThumbnail
View/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.