Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.ufrn.br/handle/123456789/16715
Title: Tradução, adaptação cultural e propriedades psicométricas da versão brasileira do Short-Form of the Mobility Assessment Tool (MAT-sf)
Authors: Oliveira, Bruna Silva
Keywords: envelhecimento;idoso;confiabilidade;validade;limitação da mobilidade;Brasil;aging;elderly;reliability;validity;mobility limitation;Brazil
Issue Date: 23-Apr-2012
Publisher: Universidade Federal do Rio Grande do Norte
Citation: OLIVEIRA, Bruna Silva. Tradução, adaptação cultural e propriedades psicométricas da versão brasileira do Short-Form of the Mobility Assessment Tool (MAT-sf). 2012. 171 f. Dissertação (Mestrado em Movimento e Saúde) - Universidade Federal do Rio Grande do Norte, Natal, 2012.
Portuguese Abstract: Objetivos: traduzir e avaliar as propriedades psicométricas da versão brasileira do short-form of the Mobility Assessment Tool (MAT-sf) em idosos comunitários brasileiros. Métodos: os 12 itens do MAT-sf passaram pelo processo de tradução e retrotradução para a língua portuguesa do Brasil, considerando a equivalência semântica e adaptação cultural. Em uma amostra de 150 idosos de 65 a 74 anos residentes em comunidade, as propriedades psicométricas do instrumento foram avaliadas através da análise das validades concorrente e de constructo e da confiabilidade teste-reteste. Os principais desfechos utilizados para a validação incluíram o desempenho na bateria de testes de avaliação da capacidade física, medidas de auto-relato de limitações funcionais, de saúde auto-percebida, sintomatologia depressiva, função cognitiva e sexo. A confiabilidade teste-reteste do instrumento foi avaliada por meio do coeficiente de correlação intra classe (CIC), para isso, 40 idosos foram reavaliados após um intervalo de 14 dias da avaliação. Resultados: a validade concorrente para o MAT-sf foi evidenciada por significativas correlações com o SPPB (r = 0,53), número de limitações funcionais (r = -0,62) e sintomatologia depressiva (r = -0,45). A validade de constructo do instrumento foi verificada pelo aumento significativo e gradual dos escores do MAT-sf com altos níveis de desempenho físico e relato de boa saúde auto percebida, além disso, observou-se que os escores do MAT-sf foram estatisticamente diferentes de acordo com o sexo. A variação dos escores do MAT-sf (R2= 0,41) foi explicada pelos escores do SPPB, número de limitações para atividades da vida diária e sintomatologia depressiva. Valores elevados para confiabilidade teste-reteste foram verificados pelo CIC = 0,94, IC 95% = 0,90 - 0,97. Conclusões: a versão brasileira do short-form of the Mobility Assessment Tool (MAT-sf) possui valores de validade e confiabilidade que asseguram o seu uso em populações idosas que vivem em comunidades
Abstract: Objectives: to translate and assess the psychometric properties of the Brazilian short-form of the Mobility Assessment Tool (MAT-sf) in Brazilians community elderly. Methds: the 12 items MAT-sf went through the process of translation and back translation into Portuguese of the Brazil, considering the semantic and cultural adaptation. In a sample of 150 aged 65-74 years living in the community, the instrument's psychometric properties were evaluated by analysis of convergent and construct validity and test-retest reliability. The main outcomes measures used for validation included in the battery of tests of physical ability, self-repor measures of functional limitations, health, depression, cognitive and sex. The test-retest reliability of the instrument was assessed using the intra-class correlation coefficient (ICC), 40 subjects were reassessed after an interval of 14 days of assessment. Results: the concurrent validity for the MAT-sf was evidenced by significant correlations with SPPB (r = 0,53), number of functional limitations (r = -0,62) and depressive symptoms (r = -0,45). The construct validity of the instrument was measured by gradual and significant increase of the MAT-sf scores with high levels of physical performance and with positive self-reported health, also found that MAT-sf scores were statistically differents according to sex. The variation in MAT-sf scores (R2 = 0,41) was explained by SPPB, number of limitations for activities of daily life and depressive symptoms. High values for test-retest reliability was evidencend by ICC = 0,94, 95% CI = 0,90 0,97. Conclusions: the Brazilian version of the short-form of the Mobility Assessment Tool has values of validity and reliability to ensure its use in elderly populations living in communities
URI: https://repositorio.ufrn.br/jspui/handle/123456789/16715
Embargoed until: 2020-01-01
Appears in Collections:PPGFS - Mestrado em Fisioterapia

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
BrunaSO_DISSERT.pdf3,45 MBAdobe PDFThumbnail
View/Open
BrunaSO_DISSERT_PARCIAL.pdf2,66 MBAdobe PDFThumbnail
View/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.