Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.ufrn.br/handle/123456789/17472
Title: A água nossa de cada dia : percepção, uso e predisposições comportamentais de alunos do ensino médio de Natal, Rio Grande do Norte
Authors: Quevedo, Violeta Odete Ribeiro de
Keywords: Psicologia ambiental;Sustentabilidade;Água;Comportamento próambiental;Environmental psychology;Sustainability;Water;Pro-environmental behavior
Issue Date: 12-Sep-2005
Publisher: Universidade Federal do Rio Grande do Norte
Citation: QUEVEDO, Violeta Odete Ribeiro de. A água nossa de cada dia : percepção, uso e predisposições comportamentais de alunos do ensino médio de Natal, Rio Grande do Norte. 2005. 91 f. Dissertação (Mestrado em Psicologia, Sociedade e Qualidade de Vida) - Universidade Federal do Rio Grande do Norte, Natal, 2005.
Portuguese Abstract: Embora a escassez de água seja reconhecida como um dos principais problemas mundiais a ser enfrentado pela humanidade, padrões comportamentais ecologicamente insustentáveis ainda persistem. Assim, o objetivo deste estudo foi analisar determinantes do comportamento pró-ambiental relativo à água, bem como os significados que lhe são atribuídos por alunos do ensino médio do Centro Federal de Educação Tecnológica do Rio Grande do Norte, em Natal. Compuseram a amostra de conveniência 315 estudantes, 146 mulheres e 169 homens, que responderam a um questionário sobre uso e percepção da água, contendo também indicadores de pró-ambientalismo, cuidado ambiental, desenvolvimento sustentável, perspectiva temporal, externalidades e coletivismo, além de inquérito sócio-demográfico. Para os participantes, água é sinônimo de vida, muito embora a relação que mantém com ela parece dúbia e, muito mais funcional que ecológica; consideram-na um recurso finito, um patrimônio indispensável à vida, contudo não foi observada coerência entre as concepções manifestadas e os comportamentos auto-relatados de uso da água. Os resultados encontrados apontaram preditores importantes do comportamento pró-ambiental relativo à água: sexo do respondente, Escala Novo Paradigma Ecológico e deixar forma de contato para participar de campanhas futuras. Seja para aprofundamento teórico em novos estudos, seja para auxiliar na elaboração de programas de educação ambiental, que poderiam contribuir para inibir os efeitos de uma cultura de consumo e de uma visão utilitarista da água, ampliando esforços individuais e coletivos para a preservação de bens comuns, como a água
Abstract: Embora a escassez de água seja reconhecida como um dos principais problemas mundiais a ser enfrentado pela humanidade, padrões comportamentais ecologicamente insustentáveis ainda persistem. Assim, o objetivo deste estudo foi analisar determinantes do comportamento pró-ambiental relativo à água, bem como os significados que lhe são atribuídos por alunos do ensino médio do Centro Federal de Educação Tecnológica do Rio Grande do Norte, em Natal. Compuseram a amostra de conveniência 315 estudantes, 146 mulheres e 169 homens, que responderam a um questionário sobre uso e percepção da água, contendo também indicadores de pró-ambientalismo, cuidado ambiental, desenvolvimento sustentável, perspectiva temporal, externalidades e coletivismo, além de inquérito sócio-demográfico. Para os participantes, água é sinônimo de vida, muito embora a relação que mantém com ela parece dúbia e, muito mais funcional que ecológica; consideram-na um recurso finito, um patrimônio indispensável à vida, contudo não foi observada coerência entre as concepções manifestadas e os comportamentos auto-relatados de uso da água. Os resultados encontrados apontaram preditores importantes do comportamento pró-ambiental relativo à água: sexo do respondente, Escala Novo Paradigma Ecológico e deixar forma de contato para participar de campanhas futuras. Seja para aprofundamento teórico em novos estudos, seja para auxiliar na elaboração de programas de educação ambiental, que poderiam contribuir para inibir os efeitos de uma cultura de consumo e de uma visão utilitarista da água, ampliando esforços individuais e coletivos para a preservação de bens comuns, como a água. Palavras-chave: psicologia ambiental; sustentabilidade; água; comportamento próambiental. x xi Abstract Although water scarcity is recognized as one of the main world-wide problems to be faced by human kind, ecologically unsustainable patterns of behavior still persist. Thus, the objective of this study was to analyze pro-environmental behavior related to water, as well as meanings associated to it by high school students of Federal Center of Technological Education of Rio Grande do Norte, in Natal. The convenience sample was composed by 315 students, 146 women and 169 men, who answered a questionnaire about use and perception of water, containing indicators of proenvironmentalism, environmental care, sustainable development, time perspective, externalities and collectivism, besides socio-demographic items. According to participants, water is synonymous of life, even though the relationship they present with it is ambiguous, much more functional than ecological; they consider it a finite resource, an indispensable life patrimony, however there was no coherence between such conceptions and the self-reported behaviors of water use. Results indicated three important predictors of pro-environmental behavior: sex of respondent, New Ecological Paradigm Scale and telephone/address left for eventual contact to participate in future environmental campaigns. They may be used in additional studies for theoretical development, or to assist in the planning of programs of environmental education, aimed at the inhibition of the effects of a culture of consumption and of an utilitarian perception of water, extending individual and collective efforts towards the preservation of common resources as water
URI: https://repositorio.ufrn.br/jspui/handle/123456789/17472
Appears in Collections:PPGPSI - Mestrado em Psicologia

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
VioletaORQ_DISSERT.pdf477,91 kBAdobe PDFThumbnail
View/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.