Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.ufrn.br/handle/123456789/17533
Title: O contato em um click: ser-com em um mundo supervirtualizado
Authors: Tokuo, Bianca Galván
Keywords: Fenomenologia heideggeriana. Redes sociais. Psicologia fenomenológica. Pesquisa fenomenológica;Social networks. Phenomenological psychology. Phenomenological research
Issue Date: 15-Mar-2013
Publisher: Universidade Federal do Rio Grande do Norte
Citation: TOKUO, Bianca Galván. O contato em um click: ser-com em um mundo supervirtualizado. 2013. 149 f. Dissertação (Mestrado em Psicologia, Sociedade e Qualidade de Vida) - Universidade Federal do Rio Grande do Norte, Natal, 2013.
Portuguese Abstract: O presente estudo tem como objetivo compreender os sentidos da experiência de jovens e adultos com a interação social virtual, partindo de suas narrativas. Inspiradas nas ideias de Martin Heidegger, especialmente em seu seminário A Questão da Técnica , refletiremos sobre os modos de ser-com, em tempos de tecnologia, internet, consumo e hipermodernidade, contexto deste estudo, onde as coisas são vivenciadas em seu extremo (hiperconsumo, hipercorpo, hipermercado, hipercartões). Neste cenário, a Internet e as Tecnologias de Informação e Comunicação estão mediando, cada vez mais o contato do homem com o mundo, reconfigurando a vida em sociedade. Diante disso, apresentamos A Era do Click , em que são possibilitados novos meios de estar com os outros. Este é um estudo qualitativo, baseado na fenomenologia de Heidegger, por ser favorecedora da compreensão dos sentidos da experiência em relação à questão problematizada. Como estratégias de pesquisa foram utilizadas sondagem de campo e entrevistas individuais, inspiradas nas narrativas de Walter Benjamin. Cinco colaboradores relataram suas experiências de ser-com no mundo virtual. A partir de seus relatos foi possível compreender que o espaço virtual se revela como mais um lócus, dentre tantos, no cotidiano do ser do homem, em que emergem diferentes modos de ser-com. Dependendo de sua abertura, a proximidade ou o distanciamento tornam-se relativos, do mesmo modo que o pessoal e o impessoal, o próprio e o impróprio. Além disso, tornou-se claro que, a virtualidade pode ajudar a lidar com a solidão e a angústia temporariamente, da mesma forma que pode tornar-se uma barreira para um contato mais aprofundado e autêntico com os outros. Os colaboradores demonstraram uma atitude de serenidade, um poder dizer sim e não simultaneamente à técnica moderna, além de uma postura de meditar sobre os modos como se conectam. Questionamos as implicações em longo prazo da virtualização do contato, estimulando novos estudos, sob a luz da fenomenologia heideggeriana
URI: https://repositorio.ufrn.br/jspui/handle/123456789/17533
Appears in Collections:PPGPSI - Mestrado em Psicologia

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
BiancaGT_DISSERT.pdf844.32 kBAdobe PDFThumbnail
View/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.