Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.ufrn.br/handle/123456789/18139
Title: Turismo em jogo: a dinâmica da reterritorialização em Tibau do Sul/RN
Authors: Gonçalves, Salete
Keywords: (Des)(re)Territorialização;Turismo;Agentes produtores do espaço turístico;Relações de poder;(Dis) (Re) Territorialization;Tourism;Staff producers of the tourism space;Power relations
Issue Date: 25-Jun-2010
Publisher: Universidade Federal do Rio Grande do Norte
Citation: GONÇALVES, Salete. Turismo em jogo: a dinâmica da reterritorialização em Tibau do Sul/RN. 2010. 172 f. Dissertação (Mestrado em Turismo e Desenvolvimento Regional e Gestão em Turismo) - Universidade Federal do Rio Grande do Norte, Natal, 2010.
Portuguese Abstract: O trabalho busca compreender o processo de reterritorialização desencadeado pelo desenvolvimento do turismo em Tibau do Sul/RN, observando suas implicações econômicas, socioculturais e políticas para a sociedade local. A atividade turística foi abordada enquanto fenômeno sociocultural, considerando-se o processo de (des) (re) territorialização e as relações de poder entre os agentes produtores do espaço turístico. Tendo em vista a complexidade dessa temática e a necessidade de aprofundar estudos que enfoquem os processos desencadeados pela reterritorialização turística no litoral nordestino, tendo em vista a ação dos agentes envolvidos na construção dos espaços produzidos pelo turismo, justifica-se o trabalho. Para tanto foi realizado um estudo exploratório e qualitativo, através de levantamento de dados secundários e primários, e a realização de entrevistas com as lideranças do poder público, iniciativa privada, terceiro setor e comunidade do município pesquisado. Nesse sentido, constatou-se que o processo de (des)(re)territorialização no município investigado, perpassa por contradições resultantes dos conflitos de poder existentes na localidade e embora traga implicações nas dimensões econômicas e socioculturais, seu cerne é verificado no âmbito político, na relação entre o empresariado marcado predominantemente por outsiders que possuem negócios em Pipa e o Poder Público local integralmente composto por insiders que atuam na sede municipal, que até então, além de deter o poder político também detinham o poder econômico. Dessa forma, compreender a territorialização pelo turismo é analisar suas dimensões econômica, sociocultural e política; remetendo-se à complexidade das relações entre os agentes produtores do espaço. Acredita-se que a reterritorialização pode ser capaz de produzir territorialidades contextualizadas à cultura, à história, à economia e à política local, entendendo que a participação ativa dos nativos vai contribuir para um processo menos perverso, uma vez que essa tem sido uma das faces vividas pela população local
Abstract: The work seeks to understand the process of reterritorialization triggered by tourism development in Tibau do Sul / RN, noting its economic, socio-cultural and political implications to the local society. Tourist activity was addressed as socio-cultural phenomenon, considering the case of (dis) (re) territorialization and power relations between staff producers of the tourism space. Given the complexity of this issue and the need for further studies that focus on the reterritorialization cases generated by tourism in the northeastern coast, given the action of the agents involved in the construction of the spaces generated by tourism, this work is then justified. For such a study an exploratory and qualitative study was conducted, through a survey of secondary and primary data, and interviews with leaders of public, private nonprofit community in the investigated county. In this sense, it was found that the process of (dis) (re) territorialization in the city investigated, permeates the contradictions resulting from the conflicts existing power while providing the location and implications for economic and sociocultural dimensions, its heart is found in the political, the relationship between entrepreneurship - established mainly by outsiders who own businesses in Pipa - and local government - composed entirely by insiders who work in the municipal headquarters, that until then, hold the political and the economic power. Thus, to understand the regionalization of tourism it is necessary to analyze its economic, socio-cultural and political dimensions, referring to the complexity of relationships between producing space agents. It is believed that the reterritorialization can be capable of producing territorialities contextualized to the culture, history, economy and local politics, understanding that the active participation of the natives will contribute to a less perverse, since this has been one of the faces experienced by local people
URI: https://repositorio.ufrn.br/jspui/handle/123456789/18139
Appears in Collections:PPGT - Mestrado em Turismo

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
SaleteG_DISSERT.pdf3.27 MBAdobe PDFThumbnail
View/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.