Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.ufrn.br/handle/123456789/18941
Title: O Circuito inferior da economia urbana em Mossoró: a dinâmica do comércio ambulante
Authors: Silva, Romero Rossano Tertulino da
Keywords: Circuito da economia urbana. Comércio. Vendedor ambulante. Espaço público. Mossoró;Circuit of the urban economy. Trade. Street vendor. Public space. Mossoro
Issue Date: 14-Dec-2012
Publisher: Universidade Federal do Rio Grande do Norte
Citation: SILVA, Romero Rossano Tertulino da. O Circuito inferior da economia urbana em Mossoró: a dinâmica do comércio ambulante. 2012. 120 f. Dissertação (Mestrado em Dinâmica e Reestruturação do Território) - Universidade Federal do Rio Grande do Norte, Natal, 2012.
Portuguese Abstract: Este estudo se fundamentou na análise e na compreensão da dinâmica do circuito inferior da economia e na dimensão do comércio ambulante na cidade de Mossoró (RN). A operacionalização da teoria dos dois circuitos da economia urbana, com base em Santos (2008a) foi imprescindível para se entender o comércio ambulante como parte da totalidade da cidade de Mossoró. Deu-se ênfase ao estudo do circuito inferior da economia e sua abrangência ilegal no centro comercial da cidade, mais especificamente no comércio ambulante na Rua Coronel Gurgel. A dinâmica da referida rua revela as diferentes formas que o território é usado, simultaneamente, por diversos agentes sociais como pedestres, consumidores, proprietários de estabelecimentos comerciais e, sobretudo, pelos vendedores ambulantes. Estes vendedores ocupam os espaços do centro comercial, instalando suas barracas ou bancas, especialmente, nas calçadas, locais estratégicos por excelência, para a comercialização de seus produtos, devido ao grande fluxo pessoas que buscam bens e serviços no local. Como procedimentos metodológicos e técnicos, para o levantamento de dados primários, optou-se pela aplicação de questionários e realização de entrevistas, com diversos usuários do circuito inferior, tanto consumidores, como vendedores. A análise destes questionários, juntamente com o embasamento teórico, nos revelou que existem vários conflitos sociais e políticos ligados ao uso dos espaços públicos, como calçadas e canteiros, no centro comercial, e que estes conflitos demonstram cada vez mais que os ambulantes necessitam de um espaço dotado de infraestrutura para a realização de suas atividades. A falta de eficiência do poder público, assim como a lentidão de suas ações, em organizar um espaço que tenha condições de instalar adequadamente os vendedores ambulantes, se constitui como um dos principais problemas enfrentados por estes pequenos comerciantes, que dispõem de poucos recursos financeiros e materiais para desenvolverem suas atividades de sobrevivência no mundo globalizado. Ao mesmo tempo, verificou-se a importância desses agentes, enquanto último elo do circuito da economia urbana, na distribuição de vários bens consumo, possibilitando a satisfação de algumas necessidades da população, em especial, da parcela com menor por aquisitivo
Abstract: This study was based on the analysis and understanding of the dynamics of the lower circuit of the economy and the size of the street trading in the city of Mossoro (RN). The operationalization of the theory of the two circuits of the urban economy, based on Santos (2008a) was essential to understand the street trading as part of the entire city of Mossoro. It was given emphasis on the study of the lower circuit of the economy and its coverage in the street trading in the commercial center of the city, specifically in street trading in Coronel Gurgel. The dynamics of that street reveals the different ways that the territory is used simultaneously by different social actors as pedestrians, consumers, business owners, and especially by street vendors. These vendors occupy the spaces along the streets of the city commercial center, placing their tents or stalls, especially on sidewalks, excellent strategic locations for the marketing of their products, due to the large influx of people seeking goods and services nearby. As methodological and technical procedures for gathering primary data, we opted for the use of questionnaires and interviews, with many users of the lower circuit, both consumers and vendors. The analysis of these questionnaires, along with the theoretical background, has revealed that there are several social and political conflicts related to the use of public spaces, such as sidewalks and flowerbeds, in the city commercial center, and that these conflicts are increasingly demonstrating that vendors need a space endowed with infrastructure to conduct their activities. The lack of efficiency of the government, as well as the slowness of their actions to organize a space that is able to properly fit salespersons, constitutes one of the main problems faced by these small traders who have limited financial resources and materials to get their activities through in the globalized world. At the same time, this study revealed the importance of these agents, as the last link of the urban economy, in the distribution of various consumer goods, enabling the satisfaction of some needs of the population, especially the poorer people
URI: https://repositorio.ufrn.br/jspui/handle/123456789/18941
Appears in Collections:PPGe - Mestrado em Geografia

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Romero RTS_DISSERT.pdf2,34 MBAdobe PDFThumbnail
View/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.