Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.ufrn.br/handle/123456789/20485
Title: Da Casa de Detenção à Colônia Penal “Doutor João Chaves”: o processo de afastamento da prisão em relação ao espaço urbano da cidade de Natal (1940-1975)
Authors: Silva, Aldenise Regina Lira da
Keywords: História da prisão;Cidade de Natal;Casa de Detenção;Colônia Penal “Doutor João Chaves”
Issue Date: 18-Aug-2015
Publisher: Universidade Federal do Rio Grande do Norte
Citation: SILVA, Aldenise Regina Lira da. Da casa de detenção à colônia penal “Doutor João Chaves”: o processo de afastamento da prisão em relação ao espaço urbano da cidade de Natal (1940-1975). 2015. 133 f. Dissertação (Mestrado em História) – Programa de Pós-Graduação em História. Universidade Federal do Rio Grande do Norte, 2015.
Portuguese Abstract: Em 1970, foi desativada a Casa de Detenção de Natal, localizada no bairro de Petrópolis, sendo substituída pela Colônia Penal “Doutor João Chaves”, situada em um ambiente de características rurais, o distrito de Igapó. Porém, o processo que levou a esse afastamento da prisão em relação ao espaço urbano de Natal havia começado três décadas antes. A fundação da Colônia Penal “Doutor João Chaves” no município de Macaíba, e posteriormente, sua transferência para Igapó, no município de Natal, envolvem questões políticas e sociais que agem sobre a definição do lugar que a prisão deveria ocupar na cidade. Neste trabalho, pretendemos analisar o fenômeno do afastamento da prisão em relação ao espaço urbano da cidade de Natal, entre 1940 e 1975. Buscaremos investigar as relações que se estabeleciam entre a prisão e a cidade de Natal, com base no modo como as prisões aqui estudadas são enunciadas nos jornais e pensadas por seus planejadores, o que sofre interferências, entre outros fatores, das diferentes identidades espaciais contidas no território da cidade. Mas também buscaremos perceber a maneira como os sujeitos ligados à prisão, sobretudo os presos, interagem com o espaço urbano. Abordaremos a prisão enquanto instituição planejada por parte do Estado, cujas expectativas envolvem relações políticas locais e nacionais, mas também envolvem um projeto de como deveria ser a cidade. Contudo, este trabalho também é uma tentativa de analisar o preso como sujeito em interação com a sociedade intra e extramuros, através de suas formas de adaptação e resistência ao encarceramento.
Abstract: In 1970, the penal colony called Casa de Detenção de Natal was disabled, located in the neighborhood of Petropolis, replaced by the penal colony called Colônia Penal Doutor João Chaves, located in an environment of rural characteristics, the neighborhood of Igapó. However, this process of replacing had begun three decades earlier. The foundation of the Penal Colony "João Chaves" in the city of Macaíba, and later its transfer to Igapó, in Natal, has political and social questions which act on the definition of the place that the prison should take in the city. In this thesis, we intend to analyze the phenomenon of the prison removal in relation to the urban space of the city of Natal, between 1940 and 1975. We will seek to investigate the relationships established between the prison and the city of Natal, based on how the prisons here are studied and set out in the newspapers and thought by its planners, it may be interfered, among other factors, in the different spatial identities contained in the city. But we also seek to understand how the subjects linked to prison, especially the prisoners, interact with the urban space. We address the prison as an institution planned by the state, whose expectations involve local and national political, but also involve a project as it should be the city. However, this study is also an attempt to analyze the prisoner as a subject in coordination with the intra and extramural society through their ways of adaptation and resistance to incarceration.
URI: https://repositorio.ufrn.br/jspui/handle/123456789/20485
Appears in Collections:PPGH - Mestrado em História

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
AldeniseReginaLiraDaSilva_DISSERT.pdf1,2 MBAdobe PDFThumbnail
View/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.