Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.ufrn.br/handle/123456789/21087
Title: A atuação do enfermeiro no combate à dengue e a febre chikungunya: estudo comparativo nos municípios de Parnamirim e Santa Cruz/RN
Authors: Oliveira, Franklin Learcton Bezerra de
Keywords: Enfermagem;Dengue;Vírus chikungunya;Estudo comparativo
Issue Date: 29-Jan-2016
Publisher: Universidade Federal do Rio Grande do Norte
Citation: OLIVEIRA, Franklin Learcton Bezerra de. A atuação do enfermeiro no combate à dengue e a febre chikungunya: estudo comparativo nos municípios de Parnamirim e Santa Cruz/RN. 2016. 59f. Dissertação (Mestrado em Enfermagem) - Centro de Ciências da Saúde, Universidade Federal do Rio Grande do Norte, Natal, 2016.
Portuguese Abstract: A dengue e o vírus da Febre do Chikungunya (CHIKV) são consideradas doenças de notificação compulsória transmitas por mosquitos do gênero Aedes, sendo o Aedes aegypti o principal vetor. Encontram-se amplamente distribuídas no Brasil, ocasionando um dos maiores problemas de saúde pública, devido as alterações epidemiológicas que vem ocorrendo nos últimos anos e por caracterizarem-se pela ampla distribuição em todas as regiões. O presente projeto tem como objetivo analisar a atuação dos enfermeiros das Estratégias de Saúde da Família (ESF) no controle da Dengue e Febre Chikungunya nos municípios de Parnamirim e Santa Cruz. Trata-se de pesquisa de cunho exploratório-descritivo, com abordagem quantitativa e qualitativa, que fora desenvolvida com enfermeiros dos municípios de Parnamirim e Santa Cruz. A pesquisa obteve parecer favorável do Comitê de Ética em Pesquisa da Universidade Federal do Rio Grande do Norte com o Certificado de Apresentação para Apreciação Ética (CAAE), n° 48378515.8.0000.5537. A coleta de dados foi realizada no mês de novembro e dezembro através de entrevista com questionários semiestruturados compostos por questões abertas e fechadas, organizados em três partes: o perfil dos entrevistados, o conhecimento sobre a doença e descrição das práticas realizadas. Os dados levantados foram categorizados e tabulados, utilizando o Microsoft Office Excel 2010. As tabulações do instrumento das perguntas fechadas passaram por análises, utilizando o Programa Estatístico Statistical Package for the Social Sciences (SPSS 22), e para as perguntas abertas utilizou a análise de conteúdo de Bardin. Como resultado, os enfermeiros foram questionados quanto ao agente transmissor da Dengue e Febre Chikungunya, cinco enfermeiros responderam que o agente transmissor da Dengue é o Aedes aegypti e somente um por ele e pelo Aedes albopictus; enquanto que para Febre Chikungunya, dois responderam que a doença é transmitida pelos mosquitos Aedes aegypti e Aedes albopictus e os demais somente pelo Aedes aegypti. Versando relativamente os sorotipos virais, três enfermeiros responderam que são 4 sorotipos da Dengue, dois disseram que são cinco e somente um que são dois sorotipos. Para a febre Chikungunya, um não soube responder, dois responderam que também são cinco sorotipos, dois responderam que existe somente um sorotipo e um que são dois. Todos desconhecem quais os tipos de depósitos que mais são encontrados focos do mosquito em sua região, como também desconhecem o Programa Nacional de Controle da Dengue. Os profissionais de enfermagem sabem reconhecer um caso suspeito de Dengue, mas se confundem quando tentam explicar para a Febre Chikungunya, expondo os mesmos sintomas da Dengue. Nota-se que, apesar de todos terem participado de uma capacitação sobre Febre Chikungunya e Dengue, um conhecimento bastante limitado dos enfermeiros a respeito do manejo clínico. Outra abordagem dos profissionais é uso de medicamentos para os casos sintomáticos das doenças. Destarte, conclui-se o estudo com a ausência de referências devidas que a equipe de saúde deve se apropriar para planejar ações de prevenção e controle vetorial, como treinamentos mais específicos para estes profissionais.
Abstract: The research aimed to analyze the role of nurses in the Family Health Strategy (FHS) in the control of Dengue and Chikungunya fever in the cities of Parnamirim and Santa Cruz. It is exploratory and descriptive nature of research, with a qualitative approach, which was developed with nurses of the Family Health Strategy in the municipalities of Parnamirim and Santa Cruz. All research process followed the ethical standards laid out research in Resolution No. 466/2012 of the National Health Council about research involving human beings. Data collection was performed using a semi-structured questionnaire with open and closed questions, organized into three parts: the profile of respondents, knowledge of the disease (transmission, prevention, control) and description of practices. The actions performed by nurses are punctual performed when there is growing disease of the number of cases in order to try to reduce the number of cases. The principal methodology used for them is to talk and guidelines resulting from campaigns and home visits, using leaflets and social networks. Regarding knowledge of nurses in the city of Santa Cruz on Dengue Fever and Chikungunya, is clearly some gaps. Nursing professionals know recognize a suspected case of dengue, but get confused when trying to explain to the Chikungunya fever, exhibiting the same symptoms of dengue. Although everybody had participated in a training on Chikungunya Fever and Dengue, a very limited knowledge of nurses regarding the clinical management. It is suggested that further studies are developed on the ground a few nurses have accepted to participate in the study, so that we can identify strategies, interventions, activities and nursing actions that are consistent with the reality of working in favor of coping Aedes epidemics aegypti that have positive impact on reducing the infestation rates and may be suitable and applied in other regions.
URI: https://repositorio.ufrn.br/jspui/handle/123456789/21087
Appears in Collections:PPGE - Mestrado em Enfermagem

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
FranklinLearctonBezerraDeOliveira_DISSERT.pdf1,75 MBAdobe PDFThumbnail
View/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.