Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.ufrn.br/handle/123456789/23971
Title: Oscilações rápidas no sistema retinogeniculado do gato.
Authors: Rosso, Giovanne
Freitag, Fabio
Campanelli, Stephany
Baron, Jerome
Tehovnik, Edward
Neuenschwander, Sergio
Keywords: Anestesia;Geniculado lateral;Oscilação;Retina;Visão
Issue Date: Sep-2014
Portuguese Abstract: Introdução Nos sistemas sensoriais respostas neurais são frequentemente associadas a oscilações rápidas (30­120 Hz). Estudos teóricos e experimentais propõem que estas oscilações possam contribuir para codificação sensorial. Na retina, oscilações ocorrem em geral em resposta a estímulos relativamente grandes, e provavelmente codificam propriedades como tamanho e continuidade. Estes padrões oscilatórios são transmitidos ao núcleo geniculado lateral (LGN) e córtex. Objetivos Propomos estudar as oscilações na retina durante as respostas a estímulos visuais complexos e suas dependências a diversos anestésicos (e.g., ketamina e halotano). Métodos Registros eletrofisiológicos simultâneos da retina e LGN foram obtidos em gatos anestesiados por ketamina e halotano (ou isoflurano, N= 3). Em outra série de experimentos, registros do LGN foram obtidos após recuperação da anestesia por halotano (N= 1). Nas duas séries de experimentos, gatos adultos, foram previamente submetidos a uma cirurgia para implante de dois cilindros de registro sobre o crânio, que também serviam para imobilização. Para o registro do LGN, utilizamos de 3­4 eletródios que podiam ser movidos independentemente. Da mesma forma, para os registros da retina, utilizamos de 2­3 eletródios, posicionados na região de representação central, através de uma cânula intraocular. Durante as cirurgias os gatos eram anestesiados por halotano (ou isoflurano), administrado por meio de um tubo endotraqueal, em uma mistura de ar (ou N2O) e O2 (70%:30%). Sinais vitais foram monitorados em todas as fases dos experimentos (procedimentos aprovados pela CEUA­UFRN 019/2012). Aquisição de dados, geração de estímulos visuais e análise foram feitos através do sistema NEUROSYNC (desenvolvido por SN e JB). Foram adquiridos sinais da atividade extracelular (spikes) e potencial de campo local (LFP). Os estímulos visuais foram apresentados em uma tela de computador. Análise espectral e análise de coerência foram baseadas em ferramentas do Chronux (chronux.org). Resultados e Conclusões Análise espectral e análise de correlação das respostas confirmam estudos prévios, mostrando que respostas oscilatórias na retina dependem do tamanho do estímulo. Em respostas a cenas naturais, as oscilações (91.7 ± 11.7 Hz) apareceram apenas por momentos breves, quando os campos receptores eram dominados por superfícies extensas, uniformes e contínuas. Além disto, nossos resultados mostram que oscilações da retina no gato são fortemente dependentes da anestesia por halotano.Na ausência deste, atividades oscilatórias estiveram ausentes, independentemente das características dos estímulos visuais. Resultados semelhantes foram obtidos para o isoflurano, anestésico com propriedades farmacológicas similares. Esses resultados, inesperados, nos fazem questionar se oscilações feedforward no sistema visual não seriam um epifenômeno, gerado pelos anestésicos halogenados. Experimentos futuros em gatos acordados serão necessários para extender essas conclusões.
URI: https://repositorio.ufrn.br/jspui/handle/123456789/23971
Appears in Collections:ICe - Trabalhos apresentados em eventos

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Giovanne Rosso_Oscilações rápidas no sistema retinogeniculado do gato_SBNeC2014.pdf153,01 kBAdobe PDFThumbnail
View/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.