Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.ufrn.br/handle/123456789/25503
Title: Delimitação de unidades da paisagem do litoral setentrional potiguar e adjacências
Authors: Silva, Sandro Damião Ribeiro da
Keywords: Análise integrada da paisagem;Teoria Geossistêmica;Delimitação de unidades da paisagem;Litoral setentrional potiguar
Issue Date: 27-Feb-2018
Citation: SILVA, Sandro Damião Ribeiro da. Delimitação de unidades da paisagem do litoral setentrional potiguar e adjacências. 2018. 132f. Dissertação (Mestrado em Geografia) - Centro de Ciências Humanas, Letras e Artes, Universidade Federal do Rio Grande do Norte, Natal, 2018.
Portuguese Abstract: A Geografia se caracteriza por ser uma ciência dotada de uma ampla capacidade de apreensão de conhecimento do mundo. Estando situada numa encruzilhada entre as ciências básicas e aplicadas, por um lado, e naturais e sociais, por outro, ela busca trabalhar, no seu âmago, com a complexa, dinâmica e eminente relação entre homem e natureza. Desde os pensadores clássicos, como por exemplo, Alexander Von Humboldt e Élisée Reclus, este pensamento (sistêmico/integrado) permeia os estudos basilares que acabaram sendo responsáveis pelo enriquecimento epistemológico da ciência geográfica. Contudo, a extrema especialização da Geografia, pautada, sobretudo, na dicotomia entre Geografia Física e Humana, enfraqueceu o seu campo teórico nos séculos XIX e XX, o que veio a ser superado, ainda no mesmo século, pelo retorno do pensamento sistêmico, através de novas formulações como a Teoria Geral dos Sistemas, proposta por Ludwig von Bertalanffy. Esta teoria foi o pano de fundo para a concepção geossistêmica, fundada por Viktor Sochava e Georges Bertrand, que aliou-se ao conceito de paisagem para a formulação de uma Geografia Física Global, a qual está atrelada, intrinsecamente, aos objetos de estudo desta dissertação. Tomou-se, aqui, como parâmetro fundamental, as reflexões de Bertrand e de Souza no que tange às características desta delimitação de unidades da paisagem. Partindo dessa perspectiva, este estudo teve como objetivo elaborar a delimitação de unidades da paisagem do Litoral Setentrional do estado do Rio Grande do Norte e Áreas Adjacentes. Utilizando-se de uma metodologia orientada pelos aspectos físicos/fisionômicos da área estudada, buscou-se trabalhar com a escala de 1:50.000, na qual a taxonomia das geofácies foi priorizada. Para tanto, foram utilizadas as técnicas de geoprocessamento e sensoriamento remoto, por meio da vetorização de dados cartográficos e imagens de alta resolução, em conjunto com trabalhos de campo. Como resultados definitivos, destaca-se, primeiramente, a caracterização detalhada dos aspectos físicos de toda a área delimitada. Ademais, foi realizado o mapeamento de 17 (dezessete) geofácies, que foram analisadas, no que concerne as suas características físicas, bem como no apontamento de suas potencialidades, fragilidades e peculiaridades.
Abstract: Geography is characterized by being a science endowed with an ample capacity of apprehension of knowledge of the world. Being situated at a crossroads between the basic and applied sciences, on the one hand, and natural and social, on the other, it seeks to work at its core with the complex, dynamic and eminent relationship between man and nature. Since the classical thinkers, for example, Alexander Von Humboldt and Élisée Reclus, this (systemic/ integrated) thinking permeates the basic studies that ended up being responsible for the epistemological enrichment of geographic science. However, the extreme specialization of Geography, based mainly on the dichotomy between Physical and Human Geography, weakened its theoretical field in the XIX and XX centuries, which came to be overcome, even from the same century, by the return of systemic thinking, through new formulations such as the General Theory of Systems proposed by Ludwig von Bertalanffy. This theory was the background for the geosystemic conception, founded by Viktor Sochava and Georges Bertrand, who allied himself with the concept of landscape for the formulation of a Global Physical Geography, which is intrinsically linked to the objects of study of this dissertation. Here, as a fundamental parameter, Bertrand and Souza reflections on the characteristics of this delimitation of landscape units. Based on this perspective, this study aimed to elaborate the delimitation of landscape units of the Northern Coast of the state of Rio Grande do Norte and Adjacent Areas. Using a methodology oriented by the physical/physiognomic aspects of the studied area, it was tried to work with the scale of 1:50,000, in which the taxonomy of the geofacies was prioritized. Therefore, geoprocessing and remote sensing techniques were used, by means of the cartographic data vectorization and high resolution images, together with fieldwork. As definitive results, it is important to emphasize, first, the detailed characterization of the physical aspects of the entire delimited area. In addition, mapping was performed of 17 (seventeen) geofacies, which were analyzed, regarding their physical characteristics, as well as in pointing out their potentialities, fragilities and peculiarities.
URI: https://repositorio.ufrn.br/jspui/handle/123456789/25503
Appears in Collections:PPGe - Mestrado em Geografia

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
SandroDamiaoRibeiroDaSilva_DISSERT.pdf8,35 MBAdobe PDFThumbnail
View/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.