Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.ufrn.br/handle/123456789/46905
Title: Distribuição espaço-temporal e possível influência do vento no registro de aves marinhas do gênero Sterna e Thalasseus resgatadas na praia de Galinhos/RN
Other Titles: Spatio-temporal distribution and possible influence of wind on the record of seabirds of the genus Sterna and Thalasseus rescued from Galinhos beach/RN
Authors: Teixeira, Gabriel Dutra
Advisor: Gavilan, Simone Almeida
Keywords: Aves marinhas;Linhas de energia;Colisão de aves;Aspectos temporais;Seabirds;Power lines;Bird collisions;Temporal factors
Issue Date: 18-Feb-2022
Publisher: Universidade Federal do Rio Grande do Norte
Citation: TEIXEIRA, Gabriel Dutra. Distribuição espaço-temporal e possível influência do vento no registro de aves marinhas do gênero Sterna e Thalasseus resgatadas na praia de Galinhos/RN. 2022. 31 f. Trabalho de conclusão de curso (Graduação em Ciências Biológicas) – Universidade Federal do Rio Grande do Norte, Natal, 2022.
Portuguese Abstract: Espécies do gênero Sterna e Thalasseus, tais como Sterna hirundo (trinta-réis-boreal), Sterna dougallii (trinta-réis-róseo), Thalasseus acuflavidus eurygnathus (trinta-réis-de-bico-amarelo) e Sterna hirundinacea (trinta-réis-de-bico-vermelho), Ordem Charadriiformes e família Laridae, têm sido registradas na Bacia Potiguar, nordeste brasileiro. Na região de Galinhos, no Rio Grande do Norte, foi verificada a problemática de colisão dessas aves com linhas de distribuição de energia. Existem vários fatores que podem influenciar uma ave de colidir, e o objetivo deste trabalho foi analisar dados dos registros de resgates dessas quatro espécies do gênero Sterna e Thalasseus e indivíduos Sterna spp., com informações sobre a temporalidade dessas colisões e como a velocidade e direção do vento dessa região afetam nesse quesito. Os dados foram levantados através de registros de campo obtidos por meio da avaliação de indivíduos vivos e mortos, registrados entre 2010 e 2021, por meio do Projeto de Monitoramento de Praias da Bacia Potiguar (PMP-BP), executado pelo Projeto Cetáceos da Costa Branca - Universidade do Estado do Rio Grande do Norte (PCCB-UERN). Os resultados referentes aos aspectos temporais indicam o predomínio de resgates nos anos 2017 e 2020, com maior frequência de ocorrência no período entre outubro e março, pelo turno da manhã. Não houve correlação entre a velocidade do vento e as resgates, mas a análise da direção do vento mostrou uma forte relação entre as colisões e ventos em direção ao sul. Com os resultados da análise obtidos, revela-se uma melhor compreensão deste cenário de impacto antrópico sobre essas quatro espécies de aves migratórias registradas na área de estudo, destacando a necessidade de políticas públicas que considerem medidas mitigadoras para a solução do problema das colisões com linhas de energia.
Abstract: Sterna and Thalasseus species such as Sterna hirundo (Common tern), Sterna dougallii (Roseate tern), Thalasseus acuflavidus eurygnathus (Cabots tern) and Sterna hirundinacea (South American Tern), Order Charadriiformes and Family Laridae, have been recorded in the Potiguar Basin, northeastern Brazil. These species are under threat in the Galinhos, in Rio Grande do Norte, due to collisions with power lines, which can impact birds in different ways. Many factors can influence the collision with power lines, and the aim of the present study was to analyze records of these four Sterna and Thalasseus species in the Galinhos, including information on temporal data of collisions and how wind speed and wind direction can affect the seabirds making them more vulnerable to collisions. The present study was based on analyze of data on records of S. hirundo, S. dougallii, T. acuflavidus eurygnathus, S. hirundinacea and individuals of unidentified Sterna species (alive or dead) collected between 2010-2021 during Beach Monitoring Project in the Potiguar Basin, which was conducted by Projeto Cetáceos da Costa Branca - Universidade do Estado do Rio Grande do Norte (PCCB-UERN). Results on temporal data revealed a large number of recoveries in 2017 and 2020, with more frequency of occurrence between October and March, and in the morning. There was no correlation between the wind speed and the recoveries but the data analysis indicated a strong relation between collisions and wind to south-direction. The results revealed a better understanding of anthropogenic impact on the recorded migratory species in the study site, highlighting the need of public policies considering mitigatory measures to problem-solve the collisions.
URI: https://repositorio.ufrn.br/jspui/handle/123456789/46905
Appears in Collections:CB - TCC - Ciências Biológicas (bacharelado)

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
DistribuiçãoEspaçoTemporal_Teixeira_2022.pdf907,45 kBAdobe PDFView/Open


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons