Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://repositorio.ufrn.br/handle/123456789/52883
Título: Relação entre terceiros molares inferiores e risco de fratura do ângulo mandibular: revisão integrativa da literatura
Título(s) alternativo(s): Relationship between lower third molars and risk of mandibular angle fracture: integrative literature review
Autor(es): Amancio, Amanda de Medeiros
Orientador: Dantas, Wagner Ranier Maciel
Palavras-chave: Terceiro molar;Dente impactado;Fraturas mandibulares
Data do documento: 13-Jun-2023
Editor: Universidade Federal do Rio Grande do Norte
Referência: AMANCIO, Amanda de Medeiros. Relação entre terceiros molares inferiores e risco de fratura do ângulo mandibular: revisão integrativa da literatura. Orientador: Wagner Ranier Maciel Dantas. 2023. 16 f. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Odontologia) - Departamento de Odontologia, Universidade Federal do Rio Grande do Norte, Natal, 2023.
Resumo: Objetivo: Verificar, através de revisão integrativa da literatura, a relação entre terceiros molares inferiores e o risco de fratura do ângulo mandibular. Material e Métodos: Os dados foram obtidos por meio de buscas nas bases de dados Public Medicine Library (PubMed), Scopus e Web of Science, durante Abril de 2023. Os critérios de inclusão foram estudos observacionais retrospectivos, realizados com humanos com fratura de ângulo, cuja etiologia foi trauma, publicados entre 2013 e 2023, no idioma inglês. Os critérios de exclusão foram estudos de revisão, relatos de caso, livros, cartas e editoriais, estudos em modelos animais e em modelos 3D, e fraturas de ângulo causadas por lesão iatrogênica. A extração e análise dos dados foi feita através do Microsoft Excel®. Resultados: Doze estudos foram analisados, compreendendo 3.272 pacientes, dos quais 81,05% eram homens, com idade média de 30,27 anos e 1.436 fraturas de ângulo, cuja principal etiologia foi acidente de trânsito. Terceiros molares inferiores classificados como Classe II e Posição B segundo Pell e Gregory foram os mais associados às fraturas de ângulo. Considerações finais: Terceiros molares inferiores aumentam o risco de fratura do ângulo mandibular, sobretudo se estiverem parcialmente impactados em homens.
Abstract: Objective: To verify, through an integrative literature review, the relationship between lower third molars and the risk of mandibular angle fracture. Material and Methods: Data were obtained through searches in the Public Medicine Library (PubMed), Scopus and Web of Science databases, during April 2023. Inclusion criteria were retrospective observational studies, performed with humans with angle fractures, whose etiology was trauma, published between 2013 and 2023, in English. Exclusion criteria were review studies, case reports, books, letters and editorials, studies in animal models and 3D models, and angle fractures caused by iatrogenic injury. Data extraction and analysis was performed using Microsoft Excel®. Results: Twelve studies were analyzed, comprising 3,272 patients, of which 81.05% were men, with a mean age of 30.27 years and 1,436 angle fractures, the main etiology of which was a traffic accident. Lower third molars classified as Class II and Position B according to Pell and Gregory were the most associated with angle fractures. Final considerations: Lower third molars increase the risk of fracture of the mandibular angle, especially if they are partially impacted in males.
URI: https://repositorio.ufrn.br/handle/123456789/52883
Aparece nas coleções:CCS - TCC - Odontologia

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
RelaçãoTerceirosMolares_Amancio_2023.pdf
Acesso restrito até 2024-06-24
Trabalho a ser publicado em revista científica
TCC Amanda Amancio389.41 kBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Este item está licenciada sob uma Licença Creative Commons Creative Commons