Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://repositorio.ufrn.br/jspui/handle/123456789/14652
Título: Saúde Mental e enfermagem: em busca da integralidade na ESF
Autor(es): Ribeiro, Laiane Medeiros
Palavras-chave: Saúde mental;Enfermagem em saúde comunitária;Programa Saúde da Família;Mental Health;Community Health Nursing;Family Health Program
Data do documento: 18-Dez-2007
Editor: Universidade Federal do Rio Grande do Norte
Citação: RIBEIRO, Laiane Medeiros. Saúde Mental e enfermagem: em busca da integralidade na ESF. 2007. 108 f. Dissertação (Mestrado em Assistência à Saúde) - Universidade Federal do Rio Grande do Norte, Natal, 2007.
Resumo: The present work shows an inquiry about the conceptions and practical work of the nursing professionals on the accompaniment of mental sick patients in the Family s Health Strategy, under the approach of the completeness in health. The justification of this research is given by bringing an special attention concerning the subjet to these professionals of health: the gradual abandonment of the traditional manicomial model leads to the insertion of mental patients in the community . The nursing professionals must be prepared to receive these patients in the basic net of health and contribute to help their adaptation and insertion in the social environment as citizen. In this context, considering the entire attention to the mental health, it is important to detach that the assistance to the patient must search his reinsertion in the community by providing programs that develops his sociability. This analytical study was developed using a qualitative approach and a thematic verbal history. Ten nurses of Nova Natal s Health of the Family Unit, of Felipe Camarão Mista s Unit and of Cidade da Esperança s Health Unit contributed for its development . The information was acquired through an instrument research that made possible the accomplishment of the interviews. These ones were set previously and counted on the assent of the participants. The interviews were recorded and analyzed in accordance with the pertinent literature concerning the subject. The aggregation of the information was then discussed. At this moment three thematic axles were defined dividing the categories of analysis. According to the results of the interviews, the practical procedure given to the patients with mental upheaval is resumed by the prescription of psicotroprics medicaments. It doesn t provide an accompaniment by the professionals of health, specifically, nurses, to the patients and their families. The lack of qualification and a multi-professional team emerged as one of the challenges for the implementation of practical procedures towards the patients with mental upheaval. Therefore, the results of this research show the necessity of transformations in the current scene of the mental health in the Family s Health Strategy. These changes can be reached by politics investments on the mental health area, not only financially but by providing human resources that should allow the professionals to exert the completeness procedures
metadata.dc.description.resumo: O presente trabalho trata de uma investigação em torno das concepções e das práticas dos enfermeiros no acompanhamento ao doente mental na Estratégia de Saúde da Família, sob o enfoque da integralidade em saúde. A justificativa do estudo dá-se por trazer uma contribuição para a atenção desse usuário na rede básica de saúde mediante a desconstrução gradativa do tradicional modelo manicomial, trazendo o portador de transtorno mental para a comunidade. Nesse diapasão, o profissional de enfermagem deve estar preparado para acolher esse usuário na rede básica de saúde e contribuir para a sua inserção no meio social como cidadão. Nesse contexto, considerando a integralidade da atenção à saúde mental, é importante destacar que a assistência ao usuário deve buscar sua reinserção na comunidade por meio de programas que facilitem a sua sociabilidade. O estudo de cunho analítico, com abordagem qualitativa, utilizando a história oral temática, teve, como colaboradoras, dez enfermeiras das Unidades de Saúde da Família de Cidade Nova, Felipe Camarão Mista e da Unidade de saúde da Cidade da Esperança.As informações foram obtidas através de um instrumento de pesquisa que possibilitou a realização das entrevistas, as quais foram agendadas, previamente, e contou com o consentimento dos participantes.As entrevistas foram gravadas e,em seguida, transcritas e analisadas de acordo com a literatura pertinente ao assunto. Realizou-se, nesse momento, a agregação das informações, definindo-se três eixos temáticos norteadores, e, destes, categorias de análise. De acordo com as falas, pôde-se constatar que a prática voltada para o paciente com transtorno mental na rede básica é a transcrição de receitas de psicotrópicos não havendo um acompanhamento por parte dos profissionais, especificamente, enfermeiros, aos usuários e seus familiares. A falta de capacitação e de uma equipe multiprofissional emergiu como um dos desafios para a implementação de práticas voltadas para os usuários com transtorno mental. Portanto, os resultados desta pesquisa mostram a necessidade de transformações no cenário atual da saúde mental na Estratégia de Saúde da Família. Essas mudanças podem ser alcançadas mediante políticas de investimento na atenção à saúde mental, não só financeira mas de recursos humanos, permitindo, assim, que a integralidade seja exercida na prática dos profissionais
URI: http://repositorio.ufrn.br:8080/jspui/handle/123456789/14652
Aparece nas coleções:PPGE - Mestrado em Enfermagem

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
LaianeMR.pdf597,68 kBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.