Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://repositorio.ufrn.br/jspui/handle/123456789/19065
Título: Gestão pública do turismo: uma análise da política de regionalização no período 2004-2011 no Rio Grande do Norte, Brasil
Título(s) alternativo(s): Public management of tourism: an analysis of the regionalization policy the period 2004-2011 in Rio Grande do Norte, Brazil
Gestión pública del turismo: un análisis de la política de regionalización el período 2004-2011, en Río Grande do Norte, Brasil
Autor(es): Virginio, Darlyne Fontes
Ferreira, Lissa Valéria Fernandes
Palavras-chave: Gestão pública;Turismo;Rio Grande do Norte;Macroprograma de regionalização
Data do documento: Ago-2013
Citação: FERREIRA, Lissa Valéria Fernandes; VIRGINIO, Darlyne Fontes. Gestão Pública do Turismo: uma análise da política de regionalização no período 2004-2011 no Rio Grande do Norte, Brasil. Caderno Virtual de Turismo (UFRJ), v. 13, p. 162-182, 2013. Disponível em: <http://www.ivt.coppe.ufrj.br/caderno/index.php?journal=caderno&page=article&op=view&path%5B%5D=721&path%5B%5D=352>. Acesso em: 21 maio 2015.
Resumo: O turismo impulsiona e incrementa relações nas diversas atividades socioeconômicas com que interage, o que pode induzir certo desenvolvimento em localidades com potencial para sua realização. É nesse contexto que surge a necessidade de um planejamento turístico. O Ministério do Turismo adotou um modelo de gestão que busca disseminar o turismo nos demais municípios e regiões do Brasil através do Macroprograma de Regionalização do Turismo e, sendo o turismo no Rio Grande do Norte uma das atividades mais promissoras, integra como parte de suas políticas públicas a referida ação com vistas a interiorizar essa atividade. Diante disso, o atual trabalho avaliou se o MacroPRT é uma importante política de desenvolvimento para o estado. Para tanto, foi utilizada uma metodologia do tipo descritiva de natureza qualitativa. Dentre as conclusões, vale destacar que importantes avanços como a criação das 05 regiões turísticas e seus conselhos de turismo proporcionam um ambiente que se mostra articulado, porém ainda não está mobilizado em grande parte dos municípios. De modo geral, não se pode dizer que a implementação da regionalização ocorra de forma plena no estado, isso está longe de acontecer
URI: http://repositorio.ufrn.br:8080/jspui/handle/123456789/19065
ISSN: 1677 6976
Aparece nas coleções:CCSA - DETUR - Artigos publicados em periódicos

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
GestãoPúblicaTurismo_2013.pdf732,96 kBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.