Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://repositorio.ufrn.br/jspui/handle/123456789/19353
Título: Trissoralen um medicamento de baixa dosagem: estudos termoanalíticos da compatibilidade do fármaco-excipientes e determinação de parâmetros de qualidade para cápsulas magistrais
Autor(es): Lima, Naiana Gondim Pereira Barros
Palavras-chave: Trissoralen - Análise térmica;Trissoralen - estudos de compatibilidade;Parâmetros cinéticos
Data do documento: 4-Abr-2014
Editor: Universidade Federal do Rio Grande do Norte
Citação: LIMA, Naiana Gondim Pereira Barros. Trissoralen um medicamento de baixa dosagem: estudos termoanalíticos da compatibilidade do fármaco-excipientes e determinação de parâmetros de qualidade para cápsulas magistrais. 2014. 279f. Tese (Doutorado em Desenvolvimento e Inovação Tecnológica em Medicamentos) - Centro de Ciências da Saúde, Universidade Federal do Rio Grande do Norte, Natal, 2014.
Resumo: The trioxsalen (Tri) is a low-dose drug used in the treatment of psoriasis and other skin diseases. The aim of the study was applying the thermal analysis and complementary techniques for characterization, evaluation of the trioxsalen stability and components of manipulated pharmaceutical formulations. The thermal behavior of the Tri by TG/DTG-DTA in dynamic atmosphere of synthetic air and nitrogen showed the same profile with a melting peak followed by a volatilization-related event. From the curves TG / DTG is observed a single stage of mass loss. By heating the drug in the stove at temperatures of 80, 240 and 260 °C, it had no change in chemical structure through the techniques of XRD, HPLC, MIR, OM and SEM. From the non-isothermal and isothermal TG kinetic studies was possible to calculate the activation energy and reaction order for the Tri. The drug showed good thermal stability. Studies on drug-excipient compatibility showed interaction of trissoralen with sodium lauryl sulfate 1:1. There was no interaction with aerosol, pregelatinized starch, sodium starch glycolate, cellulose, croscarmellose sodium, magnesium stearate, lactose and mannitol.The characterization of three trioxsalen formulations at concentrations of 2.5, 5, 7.5, 10, 12.5 and 15 mg was performed by DSC, TG / DTG, XRD, NIR and MIR. The PCA classification method based on spectral data from the NIR and MIR of trissoralen formulations allows successful differentiation into three groups. The formulation 3 was the one that best showed analytical profile with the following composition of aerosil excipients, pre-gelatinized starch and cellulose. The activation energy of the volatilization process of the drug was determined in binary mixtures and formulation 3 through fitting and isoconversional methods. The binary mixture with sodium starch glycolate and lactose showed differences in kinetic parameters compared to the drug isolated. The thermoanalytical techniques (DSC and TG / DTG) were shown to be promising methodologies for quantifying trioxsalen obtained by the linearity, selectivity, no use solvents, without sample preparation, speed and practicality.
metadata.dc.description.resumo: O trissoralen (Tri) é um fármaco de baixa dosagem utilizado no tratamento da psoríase e outras dermatoses. O objetivo do trabalho foi aplicação da análise térmica e técnicas complementares para caracterização, avaliação da estabilidade do trissoralen e dos componentes das formulações farmacêuticas manipuladas. O comportamento térmico do Tri por TG/DTG-DTA em atmosfera dinâmica de ar sintético e nitrogênio evidenciou o mesmo perfil com um pico de fusão seguido de um evento relacionado à volatilização. A partir das curvas TG/DTG observou uma única etapa de perda de massa. Ao aquecer o fármaco na estufa nas temperaturas de 80, 240 e 260 °C observou-se que o mesmo não apr esentou alterações na sua estrutura química através das técnicas de DRX, CLAE, MIR, MO e MEV. A partir dos estudos cinéticos não-isotérmicos e isotérmicos por TG foi possível calcular a energia de ativação e ordem de reação para o Tri. O fármaco apresentou uma boa estabilidade térmica. Estudos de compatibilidade fármaco-excipiente mostraram que há interação do trissoralen com lauril sulfato sódio na proporção 1:1. Não se observou interação com aerosil, amido pré-gelatinizado, amido glicolato sódico, celulose, croscarmelose, estearato de magnésio, lactose e manitol. A caracterização de três formulações de trissoralen nas concentrações de 2,5; 5; 7,5; 10; 12,5 e 15 mg foi realizada por DSC, TG/DTG, DRX, MIR e NIR. Um método de classificação PCA baseado nos dados dos espectros MIR e NIR das formulações de trissoralen permitiu uma diferenciação bem sucedida em três grupos. A formulação 3 foi a que melhor apresentou o perfil analítico com a seguinte composição de excipientes aerosil, amido pré-gelatinizado e celulose. A energia de ativação do processo de volatização do fármaco foi determinada nas misturas binárias e formulação 3 por meio dos métodos isoconversional e fitting. A mistura binária com amido glicolato sódico e lactose apresentaram diferença nos parâmetros cinéticos em comparação ao fármaco isolado. As técnicas termoanalíticas (DSC e TG/DTG) mostraram ser metodologias promissoras para quantificação do trissoralen pela linearidade obtida, seletividade, não uso de solventes, sem preparo de amostra, rapidez e praticidade.
URI: http://repositorio.ufrn.br/handle/123456789/19353
Aparece nas coleções:PPGDITM - Doutorado em Desenvolvimento e Inovação Tecnológica em Medicamentos

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
NaianaGondimPereiraBarrosLima_TESE.pdf13,01 MBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.