Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://repositorio.ufrn.br/jspui/handle/123456789/21128
Título: Anúncio publicitário direcionado ao público masculino: uma abordagem dialógica
Autor(es): Gomes, Gianka Salustiano Bezerril de Bastos
Palavras-chave: Círculo de Bakhtin;Revistas impressas;Anúncio publicitário masculino;Corpo;Identidade
Data do documento: 15-Fev-2016
Editor: Universidade Federal do Rio Grande do Norte
Citação: GOMES, Gianka Salustiano Bezerril de Bastos. Anúncio publicitário direcionado ao público masculino: uma abordagem dialógica. 2016. 178f. Tese (Doutorado em Estudos da Linguagem) - Centro de Ciências Humanas, Letras e Artes, Universidade Federal do Rio Grande do Norte, Natal, 2016.
Resumo: In this study, we intend to focus on the printed advertisement genre which reveals its discursive genre condition circulating in printed media sphere, specifically in four magazines: Playboy, Score, GQ and Men's Health. The overall objective of this study is to analyze the identity in advertisement gender directed at male audience in printing, by considering how commercials work in the consumer society by seeking to satisfy a particular group, the reader/male consumer with modern customs and behaviors. For this, advertisements from four magazines of January, April, July and October were gathered, totaling sixteen magazines and twenty-seven types of genre pieces over a period of one year: from January to December 2012. We have selected about 27 pieces that advertisers tried to expose the body on the space of advertisements, resulting in a heightened appreciation of physical appearance. So we divide our corpus in a category, adiáforo body, and three sub-categories: the body building; the tattooed body and the consumption body. This work is part of a qualitative-interpretative approach, in order to investigate the social reality, paradigm advocated by applied linguists. Thus, our study is turned to a related activity with language issues present in the printed media sphere. Advertisement is understood as real unity of discursive and inter-subjective communication, maintaining relationships with others statements already said and prefigured and calling others to settle. Based on these assumptions, we have presented an analysis of the printed advertisement gender in men's magazines basing ourselves in contemporary research on Discourse Dialogic Analysis in Circle studies by Mikhail Bakhtin, revisiting his theoretical and methodological aspects and the identity concepts and culture as well as authors of the advertising sphere. This research has been presented relevant as it has contributed to an analysis of the verbal-visual dimension of advertising directed at male audience, considered as a discursive genre that circulates in the printed media and advertising, steeped in dialogical relations and have also contributed to the construction and development of theoretical and methodological frameworks, and applied to teachers and professionals interested in the theme. Results have shown data demonstrating that the search for a completeness never come, the man have built himself the search of the perfect body, the pursuit of exquisite stereotype, the search for products that contribute to this his self-assertion always transient and in construction. It is concluded that the body is a recurring theme in the four magazines. The body tailored is always presented as the ideal to which every man must achieve.
metadata.dc.description.resumo: Nesta trabalho, pretendemos focalizar o gênero anúncio publicitário impresso naquilo que ele revela da sua condição de gênero discursivo que circula na esfera midiática impressa, especificamente, em quatro revistas: Playboy, Placar, GQ e Men’s Health. O objetivo geral do presente trabalho é analisar as regularidades enunciativas (verbo-visuais) do funcionamento do gênero anúncio publicitário direcionado ao público masculino na mídia impressa, problematizando como os anúncios publicitários atuam na sociedade de consumo buscando satisfazer a um grupo determinado, o leitor/consumidor masculino, com costumes e condutas modernos. Para tanto, foram reunidos anúncios das quatro revistas dos meses de janeiro, abril, julho e outubro, totalizando dezesseis revistas e vinte e sete peças do gênero durante um período de um ano: de janeiro a dezembro de 2012. O nosso trabalho se insere numa abordagem qualitativa-interpretativista, como forma de investigar a realidade social, paradigma defendido por linguistas aplicados. Assim, o nosso estudo volta-se para uma atividade relacionada com as questões de linguagem, presente na esfera da mídia impressa. O anúncio é compreendido enquanto unidade real da comunicação, portanto, discursivo e intersubjetivo, mantendo relações com outros enunciados já ditos e prefigurados e convocando outros a se estabelecerem. Partindo dessas conjecturas, apresentamos uma análise do gênero anúncio publicitário impresso em revistas masculinas fundamentando-nos nas pesquisas contemporâneas em Análise Dialógica do Discurso, nos estudos do Círculo de Mikhail Bakhtin, revisitando seus aspectos teórico-metodológicos e nas concepções de identidade e de cultura assim como em autores da esfera da publicidade. A pesquisa apresenta-se relevante à medida que contribui para uma análise da dimensão verbo-visual do anúncio direcionado ao público masculino, considerado como um gênero discursivo que circula na mídia impressa e publicitária, impregnado de relações dialógicas e, também colabora para a consolidação de uma ‘Teoria dos Gêneros do Discurso’ (no âmbito científico da Linguística Aplicada) e para a construção e desenvolvimento de referenciais teóricos, metodológicos e aplicados para professores e profissionais interessados na temática. Os resultados apontam dados que demonstram que a busca por uma completude jamais chegará, o homem se autoconstrói pela procura do corpo perfeito, pela busca do estereótipo primoroso, pela busca pelos produtos que contribuam para essa sua autoafirmação sempre transitória e em construção. Conclui-se que a temática do corpo é recorrente nas quatro revistas. Temos em média 27 peças em que os anunciantes trataram de expor o corpo no espaço dos anúncios, tendo como consequência uma valorização exacerbada da aparência física. Assim dividimos nosso corpus em uma categoria, corpo adiáforo, e quatro subcategorias:, O body building; o corpo tatuado; o corpo consumo e o corpo negro. O corpo sob medida é sempre apresentado como o ideal a que todo homem deve alcançar.
URI: http://repositorio.ufrn.br/handle/123456789/21128
Aparece nas coleções:PPGEL - Doutorado em Estudos da Linguagem

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
GiankaSalustianoBezerrilDeBastosGomes_TESE.pdf10,22 MBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.