Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://repositorio.ufrn.br/jspui/handle/123456789/21440
Título: Resistência bacteriana em reservatório do semiárido brasileiro: caracterização, ação para vigilância ambiental, prevenção e educação em saúde
Autor(es): Nascimento, Ermeton Duarte do
Palavras-chave: Contaminação aquática;Semiárido;Resistência antimicrobiana;MAR
Data do documento: 29-Abr-2016
Citação: NASCIMENTO, Ermeton Duarte do. Resistência bacteriana em reservatório do semiárido brasileiro: caracterização, ação para vigilância ambiental, prevenção e educação em saúde. 2016. 274f. Tese (Doutorado em Desenvolvimento e Meio Ambiente) - Centro de Biociências, Universidade Federal do Rio Grande do Norte, Natal, 2016.
Resumo: Bacterial resistance to antimicrobials became a serious public health problem around the world, and different aquatic environments are contaminated with these organisms. However, there is no data about this phenomenon in the Brazilian semiarid region. Therefore, this study had as main the isolation and identification of contaminant harmful bacteria of potiguar semiarid aquatic environments, characterization of antimicrobial resistance, development of proposals in health education and actions for environmental health surveillance. With this purpose were collected water samples from four potiguar semiarid reservoirs during dry and rainy season. Those samples were analyzed and microorganisms were isolated and identified following specialized literature orientation. Then antimicrobials susceptibility disk diffusion test were performed, Multiple Antibiotic Resistance (MAR) index was calculated, and Multiple Drug Resistance (MDR) classification was used. Also were proposed actions for health prevention and education. In addiction, was evaluated, in Minnesota University/United States of America, the influence of phosphorus concentration in broth medium (Nutrient broth, 100:1, 1000:1 and 100.000:1 C:P ratio) over phenotypic resistance expression to tetracycline, chloramphenicol and erythromycin in 41 American aquatic bacterial strains by using Minimal Inhibitory Concentration (MIC) and Minimal Bactericidal Concentration (MBC) techniques. Altogether were isolated 168 bacteria from the Brazilian semiarid reservoirs, 56% in rainy season, with 97,6% from Gram-negative group, and 73,2% from Enterobacteriaceae Family. Ninety five point three percent of antimicrobial resistant bacteria were isolated during dry season and MAR index was higher for Passagem das Traíras reservoir, with 56% of chance that bacteria found in that reservoir has proceeded from high risk source of contamination for human health. There were no statistical differences of bacterial genera and species occurrence between dry and rainy season nor between reservoirs, with p=0,255. Also, there were no statistical differences in MAR index between seasons nor between reservoirs, with p=0,244. When MIC was evaluated, the 100.000:1 C:P ratio medium, considered the one with lower concentration of phosphorus, seemed to increase bacterial susceptibility to chloramphenicol and erythromycin when comparing to nutrient broth results for the same antimicrobials, with p=0,023. At schools that serve riverine communities water reservoirs user were proposed activities for health education aiming describe conceptions about antimicrobial use knowledge and the emergency of bacterial resistance to those drugs, as well as the development of materials for health education. At SESAP Environmental Health Surveillance group were proposed inclusion of antimicrobial resistant bacteria isolated in aquatic environments as indicator of risk for public health, as well as formulation of public policies to control activities that contaminate these sources with those organisms, and also the water periodic monitoring of several aquatic environments.
metadata.dc.description.resumo: A resistência aos antimicrobianos se transformou num sério problema de saúde pública mundial e vários ambientes aquáticos se apresentam contaminados por esses microrganismos. Entretanto, não há dados sobre esse fenômeno para o semiárido brasileiro. Sendo assim, este estudo teve como objetivo o isolamento e a identificação das bactérias de importância médica contaminantes de ambientes quáticos no semiárido potiguar, a caracterização da resistência antimicrobiana, e a formulação de propostas para educação em saúde e ações para vigilância ambiental em saúde. Com este propósito foram coletadas amostras de água de quatro reservatórios do semiárido potiguar durante os períodos seco e chuvoso. As amostras foram processadas e os microrganismos foram isolados e identificados seguindo orientações de bibliografias especializadas. Em seguida foram realizados os testes de sensibilidade antimicrobiana em disco difusão, calculado o índice de múltipla resistência antibiótica (MAR) e classificados os organismos com multipla resistência às drogas (MDR). Também foram propostas ações para prevenção e educação em saúde, bem como para vigilância ambiental em saúde. Adicionalmente, foi avaliada, na Universidade de Minnesota, nos Estados Unidos, a influência da concentração do fósforo em meio líquido (caldo nutriente, C:P 100:1, 1000:1 e 100.000:1) sobre a expresão fenotípica da resistência à tetraciclina, ao cloranfenicol e a eritromicina, de 41 cepas bacterianas dos Estados Unidos utilizando a técnica da Concentração Inibitória Mínima (CIM) e da Concentração Bactericida Mínima (CBM). Ao todo foram isoladas 168 bactérias, 56% no período chuvoso, com 97,6% pertecentes ao grupo das Gram-negativas, com a Família Enterobacteriaceae apresentando a maior prevalência entre esse grupo (73,2%). 95,3% das bactérias resistentes aos antimicrobianos foram isoladas durante o período seco e o índice MAR foi maior no reservatório Passagem das Traíras, com 56% de chance para que as bactérias encontradas na água desse reservatório procedam de uma fonte de contaminação com maior risco para a saúde humana. Não houve diferença estatística da ocorrência de gêneros e espécies bacterianos entre os períodos seco e chuvoso e nem entre os reservatórios, com p=0,255. Também não houve diferença estatística do índice MAR entre os períodos e os reservatórios, com p=0,224. Quando avaliada a CIM, o meio com C:P de 100.000:1, considerado com a menor concentração de fósforo, parece aumentar a sensibilidade das bactérias ao cloranfenicol e a eritromicina quando comparado aos resultados do caldo nutriente para os mesmos antimicrobianos, com um p=0,023. Nas escolas que atendem as comunidades ribeirinhas usuárias da água dos reservatórios, são propostas ações de educação em saúde que visem o levantamento de concepções sobre o conhecimento do uso dos antimicrobianos e do surgimento da resistência bacteriana a essas drogas, bem como o desenvolvimento de material para educação em saúde. E no núcleo de Vigilância Ambiental em Saúde da SESAP, são propostas a inclusão das bactérias resistentes aos antimicrobianos isoladas de ambientes aquáticos como indicadores de risco para a saúde pública, a formulação de políticas públicas visando o controle das atividades que contaminam esses recursos com esses organismos e também o monitoramento periódico da água dos diversos ambientes aquáticos.
URI: https://repositorio.ufrn.br/jspui/handle/123456789/21440
Aparece nas coleções:PRODEMA - Doutorado em Desenvolvimento e Meio Ambiente

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
ErmetonDuarteDoNascimento_TESE.pdf7,54 MBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.