Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://repositorio.ufrn.br/jspui/handle/123456789/21477
Título: Mutirão x Organicidade: reflexões sobre os processos de construção coletiva dos habitats dos assentamentos rurais coordenados pelo MST no RN
Autor(es): Medeiros, Cecília Marilaine Rêgo de
Palavras-chave: Habitação social no campo;Assessoria técnica;Processos de construção coletiva dos habitats;Mutirão;MST;Assentamentos rurais;Organicidade
Data do documento: 26-Set-2013
Citação: MEDEIROS, Cecília Marilaine Rêgo de. Mutirão x Organicidade: reflexões sobre os processos de construção coletiva dos habitats dos assentamentos rurais coordenados pelo MST no RN. 2013. 130f. Dissertação (Mestrado em Arquitetura e Urbanismo) - Centro de Tecnologia, Universidade Federal do Rio Grande do Norte, Natal, 2013.
Resumo: This master thesis deals with the interrelation among the processes of collective construction of habitats of rural settlements coordinated by the MST (the Landless Rural Workers' Movement in Brazil) and its organicity, based on the leading references of four experiments advised by the research group GERAH, from the Federal University of Rio Grande do Norte, during the period 2003 to 2012. This theme has a purpose to contribute to the understanding of the importance of these community efforts for the organicity in the rural settlements, by the effective involvement of their leaders in the conduction of the struggles and achievements. From there, the research looks for to evaluate the possibilities of uses of this type of procedure by a movement whose goals are not limited to the achievement of worthy homes, but to extrapolate with demands related to the historical question of Land Reform. While the settlements coordinated by MST change their system of organization Nucleus of Basis for Associations, the Movement in the state of Rio Grande do Norte undergoes changes with the disruption of his staff of militancy and direction, facing difficulties in monitoring these collective processes. To cover this scenario, the theoretical and methodological framework is based on participatory research and the foundations of the sociology of everyday life of Henri Lefebvre and his dialectical perspective. With a strategy of reflection based on regressiveprogressive method, we analyze two settlements originally organized in Nucleus of Basis that became in associations, whose homes are being built with funds from INCRA (the National Agency of Land Reform) and CEF (a federal brazilian bank) since 2008. The other practices of collective construction experienced by Movement happened in two other settlements, organized from Nucleus of Basis, who had their homes built between 2004 and 2005 with funds from INCRA. In this context, this research investigates if the process of collective construction of habitats in rural settlements coordinated by MST contributes to the organic nature of the target group and how this occurs.
metadata.dc.description.resumo: Esta dissertação trata da relação entre os processos de construção coletiva dos habitats dos assentamentos rurais coordenados pelo MST e a sua organicidade, tendo como referências quatro experiências assessoradas pelo GERAH/UFRN no RN, durante o período de 2003 a 2012. Visa contribuir para a compreensão da importância desses mutirões para a organicidade nos assentamentos, com a efetiva participação das suas bases na condução das lutas e conquistas. A partir daí, avaliam-se as possibilidades da utilização deste tipo de procedimento por um movimento cujos objetivos não estão limitados à conquista de moradias dignas, senão que extrapolam com demandas ligadas à questão histórica da Reforma Agrária. Ao mesmo tempo em que os assentamentos coordenados pelo MST mudam seu sistema de organização de Núcleos de Base para Associações, o Movimento no RN tem seus quadros de militância e direção desestruturados, dificultando o acompanhamento desses processos coletivos. Buscando abarcar esse cenário, o referencial teórico-metodológico baseia-se na pesquisa participante e nos fundamentos da sociologia da cotidianidade de Henri Lefebvre e a sua perspectiva dialética. Com estratégia de reflexão fundamentada no método regressivo-progressivo, analisam-se dois assentamentos organizados originalmente em Núcleos de Base e atualmente em associações, cujas habitações estão sendo construídas com recursos do INCRA e da CEF desde 2008. As demais experiências analisadas foram em dois outros assentamentos, que tiveram suas habitações construídas entre 2004 e 2005 apenas com recursos do INCRA. Nesse contexto, a pesquisa investiga se o processo de construção coletiva dos habitats dos assentamentos rurais coordenados pelo MST contribui com a organicidade do grupo beneficiário e de que forma isso ocorre.
URI: https://repositorio.ufrn.br/jspui/handle/123456789/21477
Aparece nas coleções:PPGAU - Mestrado em Arquitetura e Urbanismo

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
CeciliaMarilaineRegoDeMedeiros_DISSERT.pdf51,6 MBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.