Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://repositorio.ufrn.br/jspui/handle/123456789/22465
Título: Autoavaliação integrativa da gestão do cuidado: sentidos e significados das PICS em Nísia Floresta
Autor(es): David, Nathaly Sophia Rocha Phillips
Palavras-chave: Práticas integrativas e complementares;Transdisciplinaridade;Atenção básica;Cuidados integrativos;Clínica ampliada
Data do documento: 31-Ago-2016
Citação: DAVID, Nathaly Sophia Rocha Phillips. Autoavaliação integrativa da gestão do cuidado: sentidos e significados das PICS em Nísia Floresta. 2016. 68f. Dissertação (Mestrado Profissional em Saúde da Família) - Centro de Ciências da Saúde, Universidade Federal do Rio Grande do Norte, Natal, 2016.
Resumo: The sanitary reform of the Public Health in Brazil, that was implemented by1988, points out the integrated health care as one of the most important aspect for the Unified Health System (SUS in Portuguese).The Complementary and Integrative Practices in Health (PICS in Portuguese) that is one of the basis of the politics for this integrated care and was published in Brazil by 2006, includes the expanded clinics as a tool and brings a new proposal about the care in health. Nísia Floresta, a county close to the capital of Rio Grande do Norte state (Natal), is implementing its County Policies of Complementary and Integrative Practices (PMPIC). This study is a qualitative research (research-action type) with an ethno-phenomenological analytical nature and with a social-poetic approach, and has the goal to describe and analyze the implementation process of the PMPIC at Nísia Floresta-RN county, based on the opinions and meanings pointed out by the professionals of the Strategy of the Family Health (researched group, ESF in Portuguese) and how this has influenced the management of care in health. As a methodological strategy for the data collection, it was organized by the author a Human-Poetic Atelier of Integrative Self-Assessment (AHAI in Portuguese). The results of the study point out to an important change at the model of attention used in Nísia Floresta County from the implementation of PMPIC. There were also identified advances at the legal and the protocol aspects related to the care management in the County.The Humanescent Integrative Care, introduced by the team of the Family Health Strategy of the county, strengthened the transdisciplinarity and the integrality, the adoption of new technologies that meet the assumptions of the PMPIC, the expanded clinic and the National Policy of Humanization.
metadata.dc.description.resumo: A reforma sanitária, instituída no Brasil a partir de 1988, traz como um dos princípios basilares do Sistema Único de Saúde - SUS a atenção integral em saúde. Uma das políticas estruturantes para este cuidado integral é a Política Nacional de Práticas Integrativas e Complementares – PNPIC, publicada no Brasil desde 2006, que incorpora como dispositivo a clínica ampliada e traz uma nova proposta de cuidado no âmbito da saúde. O Município de Nísia Floresta encontra-se em processo de implantação da sua Política Municipal de Práticas Integrativas e Complementares em Saúde – PMPIC. O presente estudo é uma pesquisa qualitativa do tipo Pesquisa-Ação de cunho analítico etnofenomenológico com abordagem sociopoética, que tem como objetivo descrever e analisar o processo de implantação da PMPIC/Nísia Floresta – RN, à luz dos sentidos e significados apontados pelos profissionais da Estratégia de Saúde da Família (grupo pesquisado) e como isso influenciou na gestão do cuidado em saúde. Como estratégia metodológica para coleta dos dados foi organizado pela autora um Ateliê Humanopoiético de Autoavaliação Integrativa-AHAI. Os resultados do estudo apontam para a importante mudança no modelo de atenção no município de Nísia Floresta a partir da implantação da PMPIC. Avanços foram identificados nos aspectos legais e protocolares da gestão do Cuidado no município. O Cuidado integrativo humanescente, introduzido pelos profissionais da Estratégia Saúde da Família do município, fortaleceu a transdisciplinaridade e integralidade, a adoção de novas tecnologias que atendem aos pressupostos da PMPIC, da Clinica ampliada e da Política Nacional de Humanização.
URI: https://repositorio.ufrn.br/jspui/handle/123456789/22465
Aparece nas coleções:PPGSFN - Mestrado em Saúde da Família no Nordeste

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
NathalySophiaRochaPhillipsDavid_DISSERT.pdf3,73 MBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.