Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://repositorio.ufrn.br/jspui/handle/123456789/23086
Título: Síntese e caracterização de membranas biopoliméricas microfiltrantes, à base de quitosana, para uso no processo de obtenção de cajuína
Autor(es): Said, Jamil Moisés
Palavras-chave: Síntese;Caracterização;Membranas;Quitosana;Microfiltração;Cajuína
Data do documento: 16-Dez-2009
Citação: SAID, Jamil Moisés. Síntese e caracterização de membranas biopoliméricas microfiltrantes, à base de quitosana, para uso no processo de obtenção de cajuína. 2009. 80f. Dissertação (Mestrado em Ciência e Engenharia de Materiais) - Centro de Ciências Exatas e da Terra, Universidade Federal do Rio Grande do Norte, Natal, 2009.
Resumo: Chitosan, a natural polymer obtained by partial deacetylation of chitin, one of the most abundant polysaccharides present in nature, existing mainly in shells of crustaceans, has been extensively studied in the news, including the preparation of membranes, for the most varied applications, due to its properties of biodegradability, biocompatibility and bioactivity. This work deals with the synthesis and characterization of these membranes biopolymers, for use as microfilter in the process of obtaining cajuína. The cajuína is a beverage typically in northeastern Brazil, obtained from the cashew (Anacardium occidentale L.) by clarifying and filtering the juice. The filtration process is still primitive, which has constituted the main obstacle to the industrialization. Membranes, in turn, are films that act as a barrier, restricting, partially or totally, the solute transport in molecular scale. The membranes were prepared by the method of membrane formation by phase inversion using the technique of precipitation by evaporation of solvent. The separation process was done in laboratory (small-scale). The membranes were evaluated by measuring the permeate flux and solute retention, and their characterization was performed by Scanning Electron Microscopy (SEM). The values flow obtained indicate that the membranes are able to separate, and the pore size observed from the micrographs are within the range of microfiltration.
metadata.dc.description.resumo: A quitosana, um polímero natural, obtido através da desacetilação parcial da quitina, um dos mais abundantes polissacarídeos presentes na natureza, existente principalmente nas carapaças de crustáceos, tem sido extensivamente estudado na atualidade, inclusive para a confecção de membranas, destinadas às mais variadas aplicações, em razão de suas propriedades de biodegradabilidade, biocompatibilidade e bioatividade. Este trabalho trata da síntese e caracterização dessas membranas biopoliméricas, como elementos microfiltrantes no processo de obtenção da cajuína. A cajuína é uma bebida tipicamente do nordeste brasileiro, obtida do caju (Anacardium occidentale L.) através da clarificação e filtração do suco, cujo processo de filtração ainda é artesanal, o que tem se constituído como principal entrave à sua industrialização. As membranas, por sua vez, são películas que atuam como uma barreira, restringindo, parcial ou totalmente, o transporte de solutos, em escala molecular. Para obtenção das membranas de quitosana, foi utilizado o método de inversão de fases, através da técnica de precipitação por evaporação de solvente. As membranas foram avaliadas num sistema de separação, em escala laboratorial, através das medidas de fluxo de permeado e de soluto retido, e sua caracterização morfológica foi realizada por microscopia eletrônica de varredura (MEV). Os valores de fluxo obtidos indicam que as membranas analisadas apresentam potencial de separação, cujo tamanho de poros verificado a partir das micrografias encontram-se dentro da faixa de microfiltração.
URI: http://hdl.handle.net/123456789/23086
Aparece nas coleções:PPGCEM - Mestrado em Ciência e Engenharia de Materiais

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
JamilMoisesSaid_DISSERT.pdf9,4 MBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.