Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.ufrn.br/jspui/handle/123456789/23307
Full metadata record
DC FieldValueLanguage
dc.contributor.advisorAnez, Miguel Eduardo Moreno-
dc.contributor.authorAraújo Filho, Gabriel Martins de-
dc.date.accessioned2017-05-31T22:08:15Z-
dc.date.available2017-05-31T22:08:15Z-
dc.date.issued2017-03-29-
dc.identifier.citationARAÚJO FILHO, Gabriel Martins de. Gestão de recursos humanos e valor da empresa: o caso de um hospital de grande porte de Natal-RN com ênfase nos indicadores de retenção de pessoas e desempenho organizacional. 2017. 146f. Tese (Doutorado em Administração) - Centro de Ciências Sociais Aplicadas, Universidade Federal do Rio Grande do Norte, Natal, 2017.pt_BR
dc.identifier.urihttps://repositorio.ufrn.br/jspui/handle/123456789/23307-
dc.description.abstractIt is a doctoral thesis, whose research aimed at analyzing the relationship between human resources management and company value, identifying relationships between of the antecedents, absenteeism and staff turnover, and the organizational performance, as well as identifying associations between management human resources with the of the intangible asset, as a result. With a sample collected from the monthly historical records of personnel systems and human resources systems, the behavior of the indicators of turnover and absenteeism of a large hospital located in the metropolitan region of Natal RN was observed during the first five years of the decade of 2010. The question of the research was: how does the association between the management of people and the value of the company, explained through the relation between absenteeism and the turnover with the organizational performance and the intangible value? In order to respond, data were collected through documentary observation of the company's management reports and contracts, as well as secondary data provided by the National Association of Private Hospitals (Anahp), which were organized in an Excel worksheet and imported into SPSS and Gretl, in whose applications the Kolmogorov-Smirnov, Chi-Square, Student t and Mann-Whitney tests were applied. The analysis considered moderators related to the existence of human resources management, medical management and external control, treated as dummy variables. The averages of the value of the company and the intangible were greater with the presence of human resources management, medical management and external control by a promising buyer. The improvement in the management characteristics favored the increase in sales and the number of periods with positive profitability, except for the external control, which minimized the EBITDA, contrary to the expected behavior for this relationship. Unexpected behaviors were also identified in the comparison of the EBITDA, profitability and occupancy rate averages with the presence of those management characteristics. The average of permanence in work for all hospital staff decreased due to the presence of the human resource management and the medical management, which also reduced the mortality rate. On the other hand, the correlation analysis indicated that the value of the intangible asset is negative and moderately associated with the rotation of the nursing staff and the general stay of hospital staff, with statistical significance at 5%. Likewise, the occupancy rate is negatively associated with the mortality rate and positively associated with the index of hospital infection, EBITDA and return. The multiple linear regression analysis, in turn, indicated that the value of the intangible asset depends on the turnover of the nursing staff, with coeficient negative in the turnover with the layoffs only and positively considering the admissions, possibly because they are hospital critical careers, damaging their performance in the dismissals and promoting positive renewal in admissions. Respecting the difficulty of separating variables in the area of human resources management, it was verified that the value of the intangible can be increased by policies of permanence of people at work, measured by the PW (permanence in work) index, as a result of the insertion of a Proxy variable in the theoretical model VGP (valoração na gestão de pessoas), whose calculation is the difference between an integer and the sum of the percentages of turnover and absenteeism, being a measure of the proportion of the hospital employees who remained working uninterrupted throughout the month. Finally, it indicates the necessity of complementary studies covering broader periods and including the details of the management characteristics used as moderators, in order to deepen the analyzes, including testing the PW index in other realities.pt_BR
dc.languageporpt_BR
dc.rightsAcesso Abertopt_BR
dc.subjectRotatividade de pessoalpt_BR
dc.subjectAbsenteísmopt_BR
dc.subjectValor do intangívelpt_BR
dc.titleGestão de recursos humanos e valor da empresa: o caso de um hospital de grande porte de Natal-RN com ênfase nos indicadores de retenção de pessoas e desempenho organizacionalpt_BR
dc.typedoctoralThesispt_BR
dc.publisher.countryBrasilpt_BR
dc.publisher.initialsUFRNpt_BR
dc.publisher.programPROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM ADMINISTRAÇÃOpt_BR
dc.contributor.authorID42312736420pt_BR
dc.contributor.authorLatteshttp://lattes.cnpq.br/1377239441006821-
dc.contributor.advisorID36936561420pt_BR
dc.contributor.referees1Ramos, Anatalia Saraiva Martins-
dc.contributor.referees1ID24140392304pt_BR
dc.contributor.referees1Latteshttp://lattes.cnpq.br/1151025937054810-
dc.contributor.referees2Oliveira, Patrícia Whebber Souza de-
dc.contributor.referees2ID52383792420pt_BR
dc.contributor.referees2Latteshttp://lattes.cnpq.br/1136821214776632-
dc.contributor.referees3Machado, Marcus Vinícius Veras-
dc.contributor.referees3ID22938419368pt_BR
dc.contributor.referees3Latteshttp://lattes.cnpq.br/5879441620707882-
dc.contributor.referees4Sousa, Teresa de-
dc.contributor.referees4ID03428222415pt_BR
dc.description.resumoTrata-se de uma tese de doutorado, cuja pesquisa objetivou analisar a relação entre a gestão de recursos humanos e o valor da empresa, identificando relações dos antecedentes, absenteísmo e rotatividade de pessoal, com o desempenho organizacional, bem como identificando associações da gestão de recursos humanos com o valor do intangível, como consequente. Com uma amostra coletada dos registros históricos mensais dos sistemas de pessoal e de recursos humanos, foram observados os comportamentos dos indicadores de rotatividade e absenteísmo de um hospital de grande porte localizado na região metropolitana de Natal RN, durante os cinco primeiros anos da década de 2010. A questão da pesquisa foi: como se comporta a associação entre a gestão de pessoas e o valor da empresa, explicitadas através da relação entre o absenteísmo e a rotatividade de pessoal com o desempenho organizacional e com o valor do intangível? Para respondê-la, foram coletados dos dados através da observação documental dos relatórios gerenciais da empresa, laudos, pareceres e contratos, bem como de dados secundários disponibilizados pela Associação Nacional de Hospitais Privados (Anahp), os quais foram organizados em planilha do Excel e importados para o SPSS e Gretl, em cujos aplicativos foram aplicados os seguintes teste de Kolmogorov- Smirnov, Qui-Quadrado, t de Student e Mann-Whitney. As técnicas de análise foram correlação de Pearson, comparação de Médias e Regressão Múltipla. Confrontando-se as inferências com as teorias do VBR, gestão de pessoas e avaliação de empresas, a análise considerou moderadores relacionados à existência da gestão de pessoas, gerência médica e controle externo, tratados como variáveis categóricas binárias. As médias do valor da empresa e do intangível foram maiores com a presença desses três aspectos gerenciais. A melhoria das características de gestão favoreceu o aumento do faturamento e da quantidade de períodos com lucratividade positiva, exceto pelo controle externo, que minimizou a margem operacional, contrariando o comportamento esperado para essa relação. A média do índice de permanência no trabalho de todos os funcionários do hospital diminuiu por influência da presença da gestão de recursos humanos e da gerência médica, que também diminuíram a taxa de mortalidade. Por outro lado, a análise de correlação indicou que o valor do intangível do hospital está negativa e moderadamente associado à rotatividade da equipe de enfermagem e à permanência geral dos funcionários do hospital, com significância estatística a 5%. Da mesma forma, a taxa de ocupação se associa negativamente à taxa de mortalidade e positivamente ao índice de infecção hospitalar, margem de lucro e rentabilidade. A análise de regressão linear múltipla, por sua vez, indicou que o valor do intangível depende da rotatividade do pessoal de enfermagem, sendo negativamente somente com as demissões e positivamente considerando também as admissões, possivelmente por se tratar de cargos críticos no ambiente hospitalar, prejudicando seu desempenho nos desligamentos e promovendo a renovação positiva nas admissões. Respeitada a dificuldade de separação de variáveis na área de gestão de pessoas, constatou-se que o valor do intangível poderá ser ampliado com políticas de permanência das pessoas no trabalho, medida pelo índice PW (permanence in work), variável proxy inserida no modelo teórico VGP (valoração na gestão de pessoas), proposto na pesquisa, cujo cálculo é a diferença entre um inteiro e a soma dos percentuais de rotatividade e absenteísmo, sendo uma medida da proporção dos funcionários do hospital que permaneceram trabalhando ininterruptamente ao longo do mês. Finalmente, indica a necessidade de estudos complementares abrangendo períodos mais amplos e incluindo o detalhamento das características de gestão utilizadas como moderadores, com vistas a aprofundar as análises, inclusive testando o novo índice PW em outras realidades.pt_BR
dc.subject.cnpqCNPQ::CIENCIAS SOCIAIS APLICADAS::ADMINISTRACAOpt_BR
Appears in Collections:PPGA - Doutorado em Administração

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
GestaoRecursosHumanosAraujoFilho_2017.pdf2,85 MBAdobe PDFThumbnail
View/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.