Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.ufrn.br/jspui/handle/123456789/24061
Full metadata record
DC FieldValueLanguage
dc.contributor.advisorPichorim, Mauro-
dc.contributor.authorCâmara, Thanyria Pollyneide França-
dc.date.accessioned2017-10-13T22:01:35Z-
dc.date.available2017-10-13T22:01:35Z-
dc.date.issued2017-03-31-
dc.identifier.citationCÂMARA, Thanyria Pollyneide França. Demografia de Tangara cayana (Aves: Thraupidae) em um fragmento de restinga no extremo Norte de distribuição da Mata Atlântica. 2017. 38f. Dissertação (Mestrado em Ciências Biológicas) - Centro de Biociências, Universidade Federal do Rio Grande do Norte, Natal, 2017.pt_BR
dc.identifier.urihttps://repositorio.ufrn.br/jspui/handle/123456789/24061-
dc.description.abstractThe evolution of life history and its variability between species is a mystery that has attracted researchers for decades. Demographic studies are used to understand a variation of life history traits along latitudinal and altitudinal environmental gradients. However, there are still gaps in information about life history traits for species in tropical regions, as well as variables that influence them. Efficient conservation and management programs depend on this type of information. We measured demographic parameters of a tropical Thraupide, Tangara cayana, in the northern end of the Atlantic Forest distribution. We estimated apparent survival, detection, dispersion and population size, also testing how transient individuals, rainfall, and sex of individuals influenced population survival rates. We analyzed capture history of marked individuals in program MARK using Robust Design models. Between November 2010 and November 2014 we marked 127 individuals of T. cayana, from which we could observe a lower annual survival of transients (2% to 4%), followed by juveniles (12% to 34%) and adults (males = 29% to 54%, females = 30% to 55%). The dispersion parameters (y’= 71%, y” = 73%) and detection (capture = 26%, recapture = 5%) were constant, with no temporal variation. Population density was 1.7 individuals/ha. We found a negative relationship between rainfall and survival. The demographic parameters estimated showed low values for a tropical bird, which may be linked to the great capacity of dispersion of the species, leading us to the perspective that these demographic patterns are still unclear, requiring further studies on habitats in these regions.pt_BR
dc.description.sponsorshipCoordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES)pt_BR
dc.languageporpt_BR
dc.rightsAcesso Abertopt_BR
dc.subjectTaxas de sobrevivênciapt_BR
dc.subjectAves tropicaispt_BR
dc.subjectDispersão temporáriapt_BR
dc.subjectDesenho robustopt_BR
dc.subjectMARKpt_BR
dc.titleDemografia de Tangara cayana (Aves: Thraupidae) em um fragmento de restinga no extremo Norte de distribuição da Mata Atlânticapt_BR
dc.typemasterThesispt_BR
dc.publisher.countryBrasilpt_BR
dc.publisher.initialsUFRNpt_BR
dc.publisher.programPROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM CIÊNCIAS BIOLÓGICASpt_BR
dc.contributor.authorID08932703426pt_BR
dc.contributor.advisorID50373625987pt_BR
dc.contributor.referees1Roper, James Joseph-
dc.contributor.referees1ID00661407900pt_BR
dc.contributor.referees2Brandão, Simone Nunes-
dc.contributor.referees2ID07666092784pt_BR
dc.description.resumoA evolução da história de vida e sua variabilidade entre espécies é um mistério que tem atraído pesquisadores por décadas. Estudos demográficos são utilizados para entender a variação dos traços de história de vida ao longo de gradientes ambientais latitudinais e altitudinais. Entretanto, ainda há lacunas de informações sobre os traços de história de vida para espécies de regiões tropicais, assim como as variáveis que os influenciam. Conservação e manejo eficientes dependem deste tipo de informações. Aferimos parâmetros demográficos de um Thraupidae tropical, Tangara cayana, em um fragmento de restinga no extremo norte da Mata Atlântica. Estimamos sobrevivência aparente, detecção, dispersão e tamanho populacional, testando também como indivíduos transitórios, pluviosidade e o sexo dos indivíduos influenciam as taxas de sobrevivência da população. Analisamos históricos de captura-marcação-recaptura no programa MARK por meio de modelos de Desenho Robusto. Entre novembro de 2010 e novembro de 2014 marcamos 127 indivíduos de T. cayana, a partir dos quais estimamos sobrevivência anual menor dos transitórios (2% a 4%), seguido pelos jovens (12% a 34%) e adultos (machos = 29% a 54%, fêmeas = 30% a 55%). Os parâmetros de dispersão (y’ = 71%, y” = 73%) e detecção (captura = 26%; recaptura = 5%) foram constantes, não havendo variação temporal. A densidade populacional foi de 1,7 indivíduos/ha. Encontramos uma relação negativa entre a pluviosidade e a sobrevivência. Os parâmetros demográficos obtidos exibiram valores baixos para o que é esperado para aves tropicais, os quais podem estar atrelados a grande capacidade de dispersão da espécie, nos levando à perspectiva que esses padrões demográficos ainda não estão claros, demandando ainda mais estudos em habitats dessas regiões.pt_BR
dc.subject.cnpqCNPQ::CIENCIAS BIOLOGICASpt_BR
Appears in Collections:PPGCB - Mestrado em Ciências Biológicas

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
DemografiaTangaraCayana_Camara_2017.pdf756.44 kBAdobe PDFThumbnail
View/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.