Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.ufrn.br/jspui/handle/123456789/25409
Full metadata record
DC FieldValueLanguage
dc.contributor.advisorOliveira, Maria Bernadete Fernandes de-
dc.contributor.authorNovaes, Tatiani Daiana de-
dc.date.accessioned2018-06-15T22:48:29Z-
dc.date.available2018-06-15T22:48:29Z-
dc.date.issued2018-03-23-
dc.identifier.citationNOVAES, Tatiani Daiana de. Enunciado dos cartazes das manifestações de junho de 2013: uma forma carnavalesca de contar a história do Brasil. 2018. 193f. Tese (Doutorado em Estudos da Linguagem) - Centro de Ciências Humanas, Letras e Artes, Universidade Federal do Rio Grande do Norte, Natal, 2018.pt_BR
dc.identifier.urihttps://repositorio.ufrn.br/jspui/handle/123456789/25409-
dc.description.abstractThis work has a main question to reflect how protest posters realize dialogical relationships and, based on them, how to identify valued senses that contribute to carnavalization and comedy writings related to the public demonstration during June 2013 in Brazil? This research studies protest discourse in the posters presents in the Journeys of June 2013, based on theoretical concepts and sociological methods from Bakhtin’s Circle, in addition to contemporary reflections from enunciative discourse analyze. This research aims to achieve some objectives: a) to comprehend how occur dialogical relationship in the protest posters from June demonstration; b) to identify carnavalization and comedy signs; c) to describe protest posters enunciative processes from June 2013; d) to comprehend how to get some forms to represent discursively a political and historical phenomenon like Journeys of June 2013 by a marginal/not official discourse like protest speeches. This analyze presents two parts: the first one to discourse relationship between June 2013 demonstration and carnival worldview; the second one to analyze five speeches from data. As a result, it concludes subjective axiological position is an ordinary element from protest speech, contributing to communicative aiming to the transgressive comedy and sneering critic. Some aspects to detach from this analyze are: carnavalization and comedy are consequence from violence and dethronement; valued senses are a result from dialogical relationships based on social-historical enunciative production context; axiological relationships are not individual actions, from a unique individual, but collective ones, based on ideological dimension from some discursive groups that are connected by some values; speeches are not a sign of reflection from a traditional demonstrator: syndicalist, classical feminist, an ordinary person from black movement, aborigine, LGBT; demonstrators are temporary, linked to spectacularization and break up at the end of the party. In addition, they use colloquial language, typical to new demonstrators.pt_BR
dc.languageporpt_BR
dc.rightsAcesso Abertopt_BR
dc.subjectEnunciado de protestopt_BR
dc.subjectSentido valoradopt_BR
dc.subjectCarnavalizaçãopt_BR
dc.titleEnunciado dos cartazes das manifestações de junho de 2013: uma forma carnavalesca de contar a história do Brasilpt_BR
dc.typedoctoralThesispt_BR
dc.publisher.countryBrasilpt_BR
dc.publisher.initialsUFRNpt_BR
dc.publisher.programPROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM ESTUDOS DA LINGUAGEMpt_BR
dc.contributor.referees1Alves, Maria da Penha Casado-
dc.contributor.referees2Lemos, Daniel Dantas-
dc.contributor.referees3Gandour, Deny de Souza-
dc.contributor.referees4Cunha, Doris Arruda Carneiro da-
dc.description.resumoEste trabalho teve como questão central a reflexão em torno de como os enunciados dos cartazes de protesto materializaram as relações dialógicas e, a partir delas, como identificar os sentidos valorados que contribuíram para a escrita carnavalesca e risível da história das manifestações de junho de 2013 no Brasil. A pesquisa investiga os enunciados de protesto dos cartazes presentes nas jornadas de junho de 2013, com base nas concepções teóricas e no método sociológico escritos pelo Círculo de Bakhtin, além de reflexões contemporâneas da análise enunciativa do discurso. A reflexão parte da concretização de alguns objetivos estabelecidos: a) compreender como ocorrem as relações dialógicas nos enunciados dos cartazes de protesto de junho de 2013; b) identificar as marcas da carnavalização e do risível; c) descrever os processos de enunciação dos cartazes de protesto de junho de 2013; d) compreender como se materializam as formas de representar discursivamente um fenômeno político e histórico como as jornadas de junho de 2013 por meio de um discurso marginal/não oficial, como os enunciados de protesto. As análises apresentam duas partes: uma que discute a relação que há entre as manifestações de junho de 2013 e a cosmovisão carnavalesca; e outra com as análises dos cinco enunciados que compõem o corpus da pesquisa. Como resultado, conclui que o posicionamento axiológico do sujeito é um elemento constitutivo do enunciado de protesto, contribuindo para o objetivo comunicativo, para o riso transgressor, para a crítica debochada. Alguns aspectos de destaque na análise são: a carnavalização e o risível ocorrem por meio da violência e do destronamento; os sentidos valorados também resultam das relações dialógicas a partir das relações sóciohistóricas do contexto de produção do enunciado; as relações axiológicas não são atos individuais, de sujeitos únicos, mas sim, coletivos, ancorados na dimensão ideológica de determinados grupos discursivos que se engajam valorativamente; os enunciados não refletiram as marcas de um manifestante tradicional: um sindicalista; uma feminista clássica; um habitual sujeito do movimento negro, indígena, LGBT; os sujeitos das manifestações são mais provisórios, envolvidos pela espetacularização e dispersam no fim da festa. Além disso, é recorrente o uso da linguagem coloquial, típica do novo manifestante.pt_BR
dc.subject.cnpqCNPQ::LINGUISTICA, LETRAS E ARTES::LINGUISTICApt_BR
Appears in Collections:PPGEL - Doutorado em Estudos da Linguagem

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
TatianiDaianaDeNovaes_TESE.pdf3,44 MBAdobe PDFThumbnail
View/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.