Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://repositorio.ufrn.br/jspui/handle/123456789/25456
Título: Nado forçado crônico diminui a ansiedade em camundongos
Título(s) alternativo(s): Chronic exposure to forced swimming decreases anxiety in mice
Autor(es): Soares, Bruno Lobão
Ribeiro, Sidarta
Rufino, Fabíola P. S.
França, Arthur S. C.
Palavras-chave: Comportamentos de ansiedade;Labirinto em Cruz elevado;Exercício leve
Data do documento: 11-Jul-2016
Editor: Universidade de São Paulo - USP
Citação: SOARES, Bruno Lobão et al. Nado forçado crônico diminui a ansiedade em camundongos. Revista da Biologia, v. 16, p. 15-23, 2016. Disponível em: <http://www.ib.usp.br/revista/node/228>. Acesso em: 19 jun. 2018.
metadata.dc.description.resumo: Comportamentos de ansiedade têm sido relacionados ao estresse crônico em roedores e humanos. Em ratos, o teste de natação forçada (FST) é usado como uma tarefa de indução de estresse crônico. Aqui nós testamos a validade do FST como um indutor de ansiedade em camundongos. Dividimos os animais em dois grupos, FST (exposto ao FST durante 15 dias consecutivos) e controle (manipulação durante sessões semelhantes). O teste de labirinto em cruz elevado foi realizado durante o dia 16. Surpreendentemente, FST levou a uma diminuição nos parâmetros de ansiedade, incluindo o tempo e frequência nos braços abertos. Os resultados sugerem que FST crônico não promove a ansiedade em camundongos, mas leva à sua diminuição global. Este efeito pode estar relacionado aos benefícios do exercício leve, uma vez que os camundongos mostram mais capacidade de flutuação do que os ratos.
URI: https://repositorio.ufrn.br/jspui/handle/123456789/25456
ISSN: 1984-5154
Aparece nas coleções:ICe - Artigos publicados em periódicos
CB - DBF - Artigos publicados em periódicos

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
Nado forçado crônico diminui a ansiedade_2016.pdf243,99 kBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.