Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.ufrn.br/handle/123456789/12151
Full metadata record
DC FieldValueLanguage
dc.contributor.advisorRamos, Anatália Saraiva Martinspt_BR
dc.contributor.authorYoshino, Cristina Kazumi Nakatapt_BR
dc.date.accessioned2014-12-17T13:53:26Z-
dc.date.available2010-11-23pt_BR
dc.date.available2014-12-17T13:53:26Z-
dc.date.issued2010-09-03pt_BR
dc.identifier.citationYOSHINO, Cristina Kazumi Nakata. Fatores críticos de sucesso como antecedentes da aceitação de um sistema de informação em uma universidade federal. 2010. 135 f. Dissertação (Mestrado em Políticas e Gestão Públicas; Gestão Organizacional) - Universidade Federal do Rio Grande do Norte, Natal, 2010.por
dc.identifier.urihttps://repositorio.ufrn.br/jspui/handle/123456789/12151-
dc.description.abstractIn recent decades the public sector comes under pressure in order to improve its performance. The use of Information Technology (IT) has been a tool increasingly used in reaching that goal. Thus, it has become an important issue in public organizations, particularly in institutions of higher education, determine which factors influence the acceptance and use of technology, impacting on the success of its implementation and the desired organizational results. The Technology Acceptance Model - TAM was used as the basis for this study and is based on the constructs perceived usefulness and perceived ease of use. However, when it comes to integrated management systems due to the complexity of its implementation,organizational factors were added to thus seek further explanation of the acceptance of such systems. Thus, added to the model five TAM constructs related to critical success factors in implementing ERP systems, they are: support of top management, communication, training, cooperation, and technological complexity (BUENO and SALMERON, 2008). Based on the foregoing, launches the following research problem: What factors influence the acceptance and use of SIE / module academic at the Federal University of Para, from the users' perception of teachers and technicians? The purpose of this study was to identify the influence of organizational factors, and behavioral antecedents of behavioral intention to use the SIE / module academic UFPA in the perspective of teachers and technical users. This is applied research, exploratory and descriptive, quantitative with the implementation of a survey, and data collection occurred through a structured questionnaire applied to a sample of 229 teachers and 30 technical and administrative staff. Data analysis was carried out through descriptive statistics and structural equation modeling with the technique of partial least squares (PLS). Effected primarily to assess the measurement model, which were verified reliability, convergent and discriminant validity for all indicators and constructs. Then the structural model was analyzed using the bootstrap resampling technique like. In assessing statistical significance, all hypotheses were supported. The coefficient of determination (R ²) was high or average in five of the six endogenous variables, so the model explains 47.3% of the variation in behavioral intention. It is noteworthy that among the antecedents of behavioral intention (BI) analyzed in this study, perceived usefulness is the variable that has a greater effect on behavioral intention, followed by ease of use (PEU) and attitude (AT). Among the organizational aspects (critical success factors) studied technological complexity (TC) and training (ERT) were those with greatest effect on behavioral intention to use, although these effects were lower than those produced by behavioral factors (originating from TAM). It is pointed out further that the support of senior management (TMS) showed, among all variables, the least effect on the intention to use (BI) and was followed by communications (COM) and cooperation (CO), which exert a low effect on behavioral intention (BI). Therefore, as other studies on the TAM constructs were adequate for the present research. Thus, the study contributed towards proving evidence that the Technology Acceptance Model can be applied to predict the acceptance of integrated management systems, even in public. Keywords: Technologyeng
dc.formatapplication/pdfpor
dc.languageporpor
dc.publisherUniversidade Federal do Rio Grande do Nortepor
dc.rightsAcesso Abertopor
dc.subjectModelo de aceitação da tecnologia (TAM)por
dc.subjectSistemas integrados de gestão (ERP)por
dc.subjectModelagem de equação estrutural (MEE)por
dc.subjectTechnology acceptance model (TAM)eng
dc.subjectEnterprise resource planning (ERP)eng
dc.subjectStructural equation modeling (SEM)eng
dc.titleFatores críticos de sucesso como antecedentes da aceitação de um sistema de informação em uma universidade federalpor
dc.typemasterThesispor
dc.publisher.countryBRpor
dc.publisher.initialsUFRNpor
dc.publisher.programPrograma de Pós-Graduação em Administraçãopor
dc.contributor.authorIDpor
dc.contributor.authorLatteshttp://lattes.cnpq.br/3328871550003919por
dc.contributor.advisorIDpor
dc.contributor.advisorLatteshttp://buscatextual.cnpq.br/buscatextual/visualizacv.do?id=K4782144T2por
dc.contributor.referees1Sousa Neto, Manoel Veras dept_BR
dc.contributor.referees1IDpor
dc.contributor.referees1Latteshttp://buscatextual.cnpq.br/buscatextual/visualizacv.do?id=K4789716A1&dataRevisao=nullpor
dc.contributor.referees2Bido, Diógenes de Souzapt_BR
dc.contributor.referees2IDpor
dc.description.resumoNas últimas décadas o setor público vem sofrendo pressões com vistas a melhorar seu desempenho. A utilização da Tecnologia da Informação (TI) tem sido uma ferramenta cada vez mais empregada na tentativa de alcançar esse objetivo. Dessa forma, passou a ser uma importante questão nas organizações públicas, e em particular nas instituições de ensino superior, verificar quais fatores influenciam a aceitação e o uso da tecnologia, impactando no sucesso de sua implementação e nos resultados organizacionais almejados. O Modelo de Aceitação da Tecnologia TAM foi utilizado como base para o presente estudo e fundamenta-se nos construtos utilidade percebida e facilidade de uso percebida. No entanto, quando se trata de sistemas integrados de gestão, devido à complexidade de sua implantação, acrescentaram-se fatores organizacionais para assim buscar maior explicação da aceitação desses sistemas. Assim, acrescentaram-se ao modelo TAM cinco construtos relacionados aos fatores críticos de sucesso na implementação de sistemas ERP, são eles: apoio da alta administração, comunicação, treinamento, cooperação, e complexidade tecnológica (BUENO e SALMERON, 2008). Com base no exposto, lança-se o seguinte problema de pesquisa: quais fatores influenciam a aceitação e uso do SIE/módulo acadêmico na Universidade Federal do Pará, a partir da percepção dos usuários técnicos e docentes? O objetivo geral da pesquisa foi identificar a influência de fatores organizacionais e comportamentais como antecedentes da intenção comportamental de uso do SIE/módulo acadêmico na UFPA sob a perspectiva dos usuários docentes e técnicos. A presente pesquisa é aplicada, exploratória e descritiva, de natureza quantitativa com a aplicação de um survey, e a coleta de dados se deu por meio de questionário estruturado aplicado a uma amostra composta por 229 docentes e 30 técnico-administrativos. A análise de dados se deu através de estatísticas descritivas e modelagem de equação estrutural com a técnica de mínimos quadros parciais (Partial Least Square-PLS). Primeiramente efetuou-se a avaliação do modelo de mensuração, no qual foram verificadas a confiabilidade, validade convergente e discriminante para todos os indicadores e construtos. Em seguida, o modelo estrutural foi analisado, com a utilização de bootstrap como técnica de reamostragem. Na avaliação das significâncias estatísticas, todas as hipóteses formuladas foram suportadas. O coeficiente de determinação (R²) foi considerado alto ou médio em 5 das 6 variáveis endógenas, assim o modelo consegue explicar 47,3% da variação da intenção comportamental. Ressalta-se que, dentre os antecedentes da intenção comportamental (BI) analisados no presente estudo, utilidade percebida é a variável que possui maior efeito sobre a intenção comportamental, seguida pela facilidade de uso (PEU) e a atitude (AT). Dentre os aspectos organizacionais (fatores críticos de sucesso) estudados, complexidade tecnológica (TC) e treinamento (TRE) foram aqueles com maior efeito sobre a intenção comportamental de usar, apesar desses efeitos serem inferiores aos produzidos pelos fatores comportamentais (originários do TAM). Destaca-se, ainda, que o apoio da alta administração (TMS) apresentou, entre todas as variáveis, o menor efeito sobre a intenção de usar (BI) e foi seguida pela comunicação (COM) e cooperação (CO), as quais exercem um baixo efeito sobre a intenção comportamental (BI). Portanto, conforme outros estudos, os construtos relativos ao TAM mostraram-se adequados para a presente pesquisa. Dessa maneira, o estudo contribuiu no sentido de demonstrar indícios de que o Modelo de Aceitação da Tecnologia pode ser aplicado à predição da aceitação de sistemas integrados de gestão, mesmo em organizações públicas.por
dc.publisher.departmentPolíticas e Gestão Públicas; Gestão Organizacionalpor
dc.subject.cnpqCNPQ::CIENCIAS SOCIAIS APLICADAS::ADMINISTRACAOpor
Appears in Collections:PPGA - Mestrado em Administração

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
FatoresCriticosSucesso_Yoshino_2010.pdf2,59 MBAdobe PDFThumbnail
View/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.