Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.ufrn.br/handle/123456789/12556
Title: Genotoxicidade e composição do material particulado emitido pela queima de Biomassa: um estudo de caso em Tangará da Serra, Região da Amazônia Brasileira
Authors: Alves, Nilmara de Oliveira
Keywords: Genotoxicidade;Alcanos;HPAs;Material orgânico;Amazônia Legal;Genotoxicity;Alkanes;PAHs;Organic matter and Legal Amazon
Issue Date: 10-Mar-2010
Publisher: Universidade Federal do Rio Grande do Norte
Citation: ALVES, Nilmara de Oliveira. Genotoxicidade e composição do material particulado emitido pela queima de Biomassa: um estudo de caso em Tangará da Serra, Região da Amazônia Brasileira. 2010. 82 f. Dissertação (Mestrado em Bioquímica; Biologia Molecular) - Universidade Federal do Rio Grande do Norte, Natal, 2010.
Portuguese Abstract: Tangará da Serra está situada no sudoeste do Mato Grosso e encontra-se no trajeto de dispersão de poluentes provenientes da área do arco do desmatamento da Amazônia Legal. A região também possui uma extensa área de plantio de cana-deaçúcar, configurando um local de exposição a poluentes atmosféricos. O objetivo deste trabalho foi avaliar a genotoxicidade do material particulado (MP) orgânico, em três diferentes concentrações, coletado nos meses de agosto a dezembro / 2008 em Tangará da Serra através do teste de micronúcleo em Tradescantia (Trad-MCN). Além disso, foram determinados os níveis do material particulado menor que 10μm (MP10) e black carbon (BC) coletados nos filtros teflon e de policarbonato. Foram identificados e quantificados nas amostras do período de queima, os alcanos e os hidrocarbonetos policíclicos aromáticos (HPAs) através da cromatografia gasosa acoplada ao detector de ionização de chama (CG-DIC). Os resultados da análise dos alcanos indicam influência antrópica. Dentre os HPAs, o reteno foi encontrado em maior quantidade e é um marcador de queima de biomassa. Os compostos indeno (1,2,3,-cd)pireno e benzo(k)fluoranteno foram identificados nas amostras e são considerados potencialmente carcinogênicos e mutagênicos. Através do Trad-MCN, observou-se um aumento significativo na frequência de micronúcleo no período de queima e este fato pode estar relacionado com os HPAs mutagênicos encontrados nesses extratos. Ao analisar o período de menor queima, constatou-se que não há diferença significativa na taxa de micronúcleo quando comparado com o controle negativo e mostraram diferenças estatisticamente significativas com relação ao grupo de maior queima. Este estudo mostrou que o Trad-MCN foi sensível e eficiente na avaliação do potencial genotóxico do material orgânico proveniente da queima de biomassa, enfatizando a importância da análise da composição química, para que assim seja possível facilitar os mais completos diagnósticos no controle dos riscos ambientais
Abstract: Tangara da Serra is located on southwestern Mato Grosso and is found to be on the route of pollutants dispersion originated in the Legal Amazon s deforestation area. This region has also a wide area of sugarcane culture, setting this site quite exposed to atmospheric pollutants. The objective of this work was to evaluate the genotoxicity of three different concentrations of organic particulate matter which was collected from August through December / 2008 in Tangara da Serra, using micronucleus test in Tradescantia pallida (Trad-MCN). The levels of particulate matter less than 10μm (MP10) and black carbon (BC) collected on the Teflon and polycarbonate filters were determined as well. Also, the alkanes and polycyclic aromatic hydrocarbons (PAHs) were identified and quantified on the samples from the burning period by gas chromatography detector with flame ionization detection (GC-FID). The results from the analyzing of alkanes indicate an antropic influence. Among the PAHs, the retene was the one found on the higher quantity and it is an indicator of biomass burning. The compounds indene(1,2,3-cd)pyrene and benzo(k)fluoranthene were identified on the samples and are considered to be potentially mutagenic and carcinogenic. By using Trad-MCN, it was observed a significant increase on the micronucleus frequency during the burning period, and this fact can be related to the mutagenic PAHs which were found on such extracts. When the period of less burnings is analyzed and compared to the negative control group, it was noted that there was no significant difference on the micronuclei rate. On the other hand, when the higher burning period is analyzed, statistically significant differences were evident. This study showed that the Trad-MCN was sensible and efficient on evaluating the genotoxicity potencial of organic matter from biomass burning, and also, emphasizes the importance of performing a chemical composition analysis in order to achieve a complete diagnosis on environmental risk control
URI: https://repositorio.ufrn.br/jspui/handle/123456789/12556
Appears in Collections:PPGB - Mestrado em Bioquímica

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
GenotoxicidadeComposicaoMaterial_Alves_2010.pdf951,1 kBAdobe PDFThumbnail
View/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.