Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.ufrn.br/handle/123456789/13919
Full metadata record
DC FieldValueLanguage
dc.contributor.authorLyra, Daniel Henrique de Sousapt_BR
dc.date.accessioned2014-12-17T14:27:16Z-
dc.date.available2012-09-27pt_BR
dc.date.available2014-12-17T14:27:16Z-
dc.date.issued2011-07-06pt_BR
dc.identifier.citationLYRA, Daniel Henrique de Sousa. O serviço público de fornecimento de água nas regiões metropolitanas: cooperação entre entes da federação e desenvolvimento. 2011. 197 f. Dissertação (Mestrado em Constituição e Garantias de Direitos) - Universidade Federal do Rio Grande do Norte, Natal, 2011.por
dc.identifier.urihttps://repositorio.ufrn.br/jspui/handle/123456789/13919-
dc.description.abstractThis work aims to study the material conflict of jurisdiction as to the ownership of public water supply, between the municipalities and the Member States, in metropolitan areas. One of the important points of analysis is the realization of the fundamental right of access to water, a right that is implicit in the Constitution of 1988, being prevented from having their achievement considering the lack of definition of the ownership of the service. Knowing discussed the essential public service, in all its stages, it will realize it is a complex activity that depends for its operation, joint activities of federal entities and the society. In its pursuit of development (understood as better conditions of life), that in view of the Federal Law nº 11.445 of 2007 is the universal access to service, require the adoption of popular participation and the positive benefits of the state, such as planning. Moreover, it will find cooperation between federal entities (after the study of Brazilian federalism) peaceful solution to the conflict through the adoption of joint management or shared, depending on the factual situation and legaleng
dc.formatapplication/pdfpor
dc.languageporpor
dc.publisherUniversidade Federal do Rio Grande do Nortepor
dc.rightsAcesso Abertopor
dc.subjectSaneamento básicopor
dc.subjectDireito fundamentalpor
dc.subjectCompetência constitucionalpor
dc.subjectCooperação interfederativapor
dc.subjectDesenvolvimentopor
dc.subjectSanitationeng
dc.subjectFundamental righteng
dc.subjectConstitutional competenceeng
dc.subjectCooperation between federal entitieseng
dc.subjectDevelopmenteng
dc.titleO serviço público de fornecimento de água nas regiões metropolitanas: cooperação entre entes da federação e desenvolvimentopor
dc.typemasterThesispor
dc.publisher.countryBRpor
dc.publisher.initialsUFRNpor
dc.publisher.programPrograma de Pós-Graduação em Direitopor
dc.contributor.authorIDpor
dc.contributor.authorLatteshttp://lattes.cnpq.br/5156790381703487por
dc.contributor.advisorIDpor
dc.contributor.advisorLatteshttp://lattes.cnpq.br/5120480321290362por
dc.contributor.referees1Silveira Neto, Otacílio dos Santospt_BR
dc.contributor.referees1IDpor
dc.contributor.referees1Latteshttp://lattes.cnpq.br/0028350291435071por
dc.contributor.referees2Saraiva, Paulo Lopopt_BR
dc.contributor.referees2IDpor
dc.contributor.referees2Latteshttp://lattes.cnpq.br/6450878641547863por
dc.description.resumoA presente dissertação tem como objeto de estudo o conflito de competência material quanto à do serviço público de fornecimento de água, entre os Municípios e os Estados-Membros, nas Regiões Metropolitanas. Um dos pontos importantes da análise é a concretização do direito fundamental de acesso à água, direito este implícito na Constituição Federal de 1988, que está sendo impedido de ter a sua concretização ante a ausência de definição da titularidade do serviço. Conhecendo o discutido serviço público essencial, em todas as suas etapas, perceber-se-á se tratar de uma atividade complexa, que depende, para o seu funcionamento, de ações conjuntas dos entes federados e a da sociedade. Para que seja alcançado o desenvolvimento (entendido como melhores condições de vida das pessoas), que na visão da Lei Federal nº 11.445 de 2007 é a universalização do acesso ao serviço, necessária a participação popular e a adoção de prestações positivas do Estado, como o planejamento. Ademais, encontrar-se-á na cooperação interfederativa (após o estudo do Federalismo brasileiro) a solução pacífica para o embate, mediante a adoção da gestão associada ou compartilhada, a depender da situação fática e jurídicapor
dc.publisher.departmentConstituição e Garantias de Direitospor
dc.subject.cnpqCNPQ::CIENCIAS SOCIAIS APLICADAS::DIREITOpor
Appears in Collections:PPGDIR - Mestrado em Direito

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
ServiçoPúblicoFornecimento_Lyra_2011.pdf1,31 MBAdobe PDFThumbnail
View/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.