Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.ufrn.br/handle/123456789/16350
Title: Entre Millôr e Derrida: o humor enquanto experiência da alteridade e do impossível
Authors: Barbosa Junior, Antônio Lázaro Vieira
Keywords: Humor. Alteridade. Impossível. Literatura e filosofia. Millôr Fernandes;Humor. Alterity. Impossible. Literature and Philosophy. Millôr Fernandes
Issue Date: 14-May-2014
Publisher: Universidade Federal do Rio Grande do Norte
Citation: BARBOSA JUNIOR, Antônio Lázaro Vieira. Entre Millôr e Derrida: o humor enquanto experiência da alteridade e do impossível. 2014. 92 f. Dissertação (Mestrado em Linguística Aplicada; Literatura Comparada) - Universidade Federal do Rio Grande do Norte, Natal, 2014.
Portuguese Abstract: O humorista brasileiro Millôr Fernandes teve uma produção distribuída em vários campos, desde a literatura até as artes visuais e o jornalismo. Em qualquer delas, no entanto, havia a marca indelével do humor. Nesta dissertação, proponho uma leitura de sua obra a partir de Jacques Derrida, enfatizando como se dá a construção do outro. O foco recairá sobre Millôr Definitivo:A Bíblia do Caos, mas outros textos também serão contemplados. Para empreender a análise, farei uma exposição geral da obra milloriana (especialmente Millôr Definitivo:A Bíblia do Caos) e esboçarei, em linhas gerais, a filosofia derridiana, centrando-me em sua discussão sobre a filosofia ocidental, a literatura e a alteridade. No momento da análise propriamente dita, situarei o eixo metodológico no quase-conceito de invenção. A análise deverá fazer emergir a hipótese do humor enquanto experiência da alteridade e do impossível, situando o humorista enquanto totalmente outro. No texto milloriano, essa experiência é marcada pelo conflito, sem possibilidade de resolução
Abstract: Brazilian humorist Millôr Fernandes has a widespread work, from literature to visual arts and journalism. Yet there is the indelible mark of humor, wherever it is. In this dissertation, I propose a reading of his work by deploying French philosopher Jacques Derrida, emphasizing how the construction of the other happens. I aim at Millôr Definitivo: A Bíblia do Caos, but other works will be contemplated when necessary. In order to carry out the analysis, I will offer a general exposition of Millorian work (especially Millôr Definitivo:A Bíblia do Caos) and a general sketch of Derridian philosophy, centered on his discussion on Western philosophy, literature and alterity. At the analysis itself, I will set the methodological axis on the quasi-concept of invention. The analysis shall stress the hypothesis of humor as the experience of alterity and impossible, showing off the humorist as the totally other. In the Millorian text, that experience is characterized by conflictivity, without possibility of resolution
URI: https://repositorio.ufrn.br/jspui/handle/123456789/16350
Appears in Collections:PPGEL - Mestrado em Estudos da Linguagem

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
AntonioLVBJ_DISSERT.pdf760,95 kBAdobe PDFThumbnail
View/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.