Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.ufrn.br/handle/123456789/16516
Title: Reflexões filosóficas em torno da constituição do sujeito religioso-moral no pensamento de Freud
Authors: Silva, Eudes Henrique da
Keywords: Sujeito religioso-moral;Civilização. Cultura;Complexo de Édipo;Inconsciente;Filosofia. Psicanálise;Constituicion of the religious moral subject;Civilization/culture. Oedipus complex;Unconscious;Philosophy and psychoanalysis
Issue Date: 27-Sep-2013
Publisher: Universidade Federal do Rio Grande do Norte
Citation: SILVA, Eudes Henrique da. Reflexões filosóficas em torno da constituição do sujeito religioso-moral no pensamento de Freud. 2013. 117 f. Dissertação (Mestrado em Metafísica) - Universidade Federal do Rio Grande do Norte, Natal, 2013.
Portuguese Abstract: A presente pesquisa trata de uma reflexão filosófica em torno da constituição do sujeito religioso-moral no pensamento de Freud, partindo da questão da religião, enquanto um dos vários espaços de concreção do indivíduo moral. Partimos da hipótese de que a religião se apresenta como espaço de revivescência da relação primária do sujeito com a mãe e como uma agência moral. Essa relação primária corresponde ao período que antecede o complexo de Édipo. O corte provocado no complexo edipiano causa no sujeito um vazio, levando-o a uma situação de desamparo. Na tentativa de preencher o vazio e consequentemente sair da situação de desprazer, ocasionado pelo desamparo, o indivíduo procura meios diversos, entre os quais, a religião. A religião, nesse sentido, busca por um lado, ser esse suporte de preenchimento do vazio existencial, provocado no complexo de Édipo e, por outro, funciona como uma fiel aliada do Superego que, por seu turno, é herdeiro direto do complexo edipiano e cuja função é exigir do sujeito a vivência moral, conforme se é estabelecido pelo corpo social, no qual o indivíduo está inserido. Assim sendo, buscamos desenhar esse sujeito a partir de ideias gerais da filosofia acerca da moral, bem como de alguns elementos teóricos do pensamento freudiano, desde sua ideia de origem da cultura, moralidade e religião a elementos mais específicos que dizem respeito ao sujeito individual, ou seja, ao psiquismo
Abstract: The present research deals with a philosophical reflection about the constitution of the subject religious and moral in the thought of Freud, starting from of question of religion while one of the various spaces concretion of the individual morality. Our hypothesis is that religion presents itself as a space of revival of the primary relationship with the mother of the subject and as a moral agency. That primary relationship corresponds to the period before the Oedipus complex. The cut caused in the Oedipus complex sake in the an emptiness the subject, leading him to a situation of helplessness. In trying to fill the emptiness and consequently out of the situation of displeasure occasioned by the helplessness, the individual seeks diverses means, between which, the religion. The religion, that sense, quest for one part, that support be filling of the existential emptiness, triggered in the Oedipus complex, and on the other, works as a staunch ally of the Superego, which for turn is direct heir of the Oedipus complex and whose function is to require of the subject to moral living, as is established by the social body, where the individual is inserted. Therefore, we seek to draw this subject starting from general ideas of the philosophy, about the moral, as well as some theoretical elements of freudian thought, since his idea of the origin of the culture, morality and religion the more specific elements that pertain to the individual subject, ie, the psychism
URI: https://repositorio.ufrn.br/jspui/handle/123456789/16516
Appears in Collections:PPGFIL - Mestrado em Filosofia

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
EudesHS_DISSERT.pdf1.06 MBAdobe PDFThumbnail
View/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.