Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.ufrn.br/handle/123456789/17502
Full metadata record
DC FieldValueLanguage
dc.contributor.advisorPires, Izabel Augusta Hazinpt_BR
dc.contributor.authorFerreira, Caroline Araújo Lemospt_BR
dc.date.accessioned2014-12-17T15:38:56Z-
dc.date.available2012-04-27pt_BR
dc.date.available2014-12-17T15:38:56Z-
dc.date.issued2010-12-20pt_BR
dc.identifier.citationFERREIRA, Caroline Araújo Lemos. Investigação da memória autobiográfica em idosos com demência de Alzheimer nas fases leve e moderada. 2010. 147 f. Dissertação (Mestrado em Psicologia, Sociedade e Qualidade de Vida) - Universidade Federal do Rio Grande do Norte, Natal, 2010.por
dc.identifier.urihttps://repositorio.ufrn.br/jspui/handle/123456789/17502-
dc.description.sponsorshipConselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológicopt_BR
dc.formatapplication/pdfpor
dc.languageporpor
dc.publisherUniversidade Federal do Rio Grande do Nortepor
dc.rightsAcesso Abertopor
dc.subjectDemência de Alzheimerpor
dc.subjectMemória autobiográficapor
dc.subjectAvaliação neuropsicológica.por
dc.titleInvestigação da memória autobiográfica em idosos com demência de Alzheimer nas fases leve e moderadapor
dc.typemasterThesispor
dc.publisher.countryBRpor
dc.publisher.initialsUFRNpor
dc.publisher.programPrograma de Pós-Graduação em Psicologiapor
dc.contributor.authorIDpor
dc.contributor.authorLatteshttp://lattes.cnpq.br/7135062523475103por
dc.contributor.advisorIDpor
dc.contributor.advisorLatteshttp://lattes.cnpq.br/5496201609189471por
dc.contributor.referees1Lyra, Pompeia Villachanpt_BR
dc.contributor.referees1IDpor
dc.contributor.referees1Latteshttp://lattes.cnpq.br/7469258355920698por
dc.contributor.referees2Melo, Symone Fernandes dept_BR
dc.contributor.referees2IDpor
dc.contributor.referees2Latteshttp://buscatextual.cnpq.br/buscatextual/visualizacv.do?id=K4775191U0por
dc.description.resumoO presente trabalho objetivou investigar a memória autobiográfica (MA) em idosos com Demência de Alzheimer (DA) nas fases leve e moderada, em termos de eventual diferenciação dos grupos no que se refere à especificidade e intensidade vivencial da recordação. Participaram do estudo 30 idosos, atendidos no Centro Especializado de Assistência à Saúde do Idoso (CEASI), Natal/RN, agrupados, conforme indicação de diagnóstico e estadiamento da demência pela equipe de saúde da instituição, em dois grupos, a saber, DA leve (n=15) e DA moderada (n = 15); e 14 idosos sem histórico de alterações neuropsiquiátricas que constituíram o grupo Controle. Utilizou-se na avaliação do funcionamento neurocognitivo a Bateria Abreviada NEUROPSI. Por sua vez, a memória Autobiográfica foi investigada através da aplicação de versão reduzida do Teste de Memória Autobiográfica (TMA) e do Questionário de Memória Autobiográfica (QMA). Os dados foram analisados através de Análise de Variância Multivariada (ANOVA), Análise de Kruskal-Wallis e Teste U de Mann-Whitney, bem como através da Análise de Cluster e da freqüência de respostas dos grupos aos instrumentos TMA e QMA. Os dados do NEUROPSI apontam para melhor desempenho global do subgrupo Controle (Med=97,32±14,25) quando comparado aos subgrupos de sujeitos com diagnóstico com DA leve (Med=64,80±13,33) e moderada (Med=54,47±17,07), bem como declínio progressivo significativo no desempenho dos subgrupos de DA em função da fase da doença, na quase totalidade dos subtestes. A aplicação do TMA evidenciou que o subgrupo Controle evocou maior número de memórias específicas (total=19), comparado aos subgrupos com DA leve (total=4) e DA moderada (total=7). O QMA revelou elevada intensidade vivencial das características fenomenais da recordação para o subgrupo Controle comparado aos grupos com DA, que associaram às características do QMA uma média ou baixa intensidade vivencial. Concluiu-se que alterações na MA em sujeitos com DA podem ser observadas desde a fase inicial da doença, tanto no que diz respeito à capacidade de especificar a recordação, quanto com relação às características fenomenais da lembrança. Espera-se que a presente investigação contribua para a compreensão do curso evolutivo do declínio deste subsistema específico de memória em subgrupo clínico particular, subsidiando a elaboração de técnicas de reabilitação neuropsicológica eficazes, que contribuam para o retardo da doença e a manutenção do senso de self.por
dc.publisher.departmentPsicologia, Sociedade e Qualidade de Vidapor
dc.subject.cnpqCNPQ::CIENCIAS HUMANAS::PSICOLOGIApor
Appears in Collections:PPGPSI - Mestrado em Psicologia

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
CarolineALF_DISSERT.pdf877,28 kBAdobe PDFThumbnail
View/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.