Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.ufrn.br/handle/123456789/20022
Title: Avaliação do potencial das fibras de Ceiba Pentandra (Kapok) e Calotropis Procera como adsorventes de petróleo
Authors: Coelho, Mayara Patricia Galvão
Keywords: Bioadsorventes;Kapok;Calotropis Procera;Petróleo;Hidrofóbica;Oleofílica
Issue Date: 19-Feb-2015
Publisher: Universidade Federal do Rio Grande do Norte
Citation: COELHO, Mayara Patricia Galvão. Avaliação do potencial das fibras de Ceiba Pentandra (Kapok) e Calotropis Procera como adsorventes de petróleo. 2015. 88f. Dissertação (Mestrado em Engenharia Mecânica) - Centro de Tecnologia, Universidade Federal do Rio Grande do Norte, Natal, 2015.
Portuguese Abstract: Diante da evolução humana e do aumento populacional, fez-se necessário o surgimento de novas fontes de energia, o desenvolvimento de novos produtos e tecnologias. Um desses produtos, fruto da revolução industrial e de grande importância para o desenvolvimento da humanidade, é o petróleo, uma substância composta basicamente de hidrocarbonetos que dão origem a vários outros produtos como combustíveis, lubrificantes, polímeros, solventes, gás de cozinha, asfalto para estradas, fertilizantes, medicamentos, tintas, dentre outros. No entanto, o manuseio incorreto deste produto pode causar vazamentos e derramamentos que geram danos enormes para o meio ambiente e para a economia. Logo, com a finalidade de contribuir para amenizar está problemática, neste trabalho de mestrado foi efetuada uma intensa pesquisa da possível potencialidade das fibras de Ceiba Pentandra (L.) conhecida como “Kapok” e Calotropis Procera como bioadsorventes de petróleo. A escolha destas fibras deve-se a propriedades superficiais como oleofílicas/hidrofóbicas, sua flutuabilidade e ainda, serem polímeros naturais biodegradáveis presentes na região nordeste do Brasil. Foi utilizado um planejamento experimental com metodologia de superfície de resposta (RSM) com o software Design Expert. Os resultados obtidos se mostraram eficientes estatisticamente, obtendo um R2= 0,9995 para a Calotropis Procera e um R2= 0,9993 para o Kapok no sistema estático; já em sistema dinâmico, foi obtido um R2= 0,9996 para a Calotropis e um R2= 0,9991para o Kapok. Ambas as fibras apresentaram uma eficiência na adsorção, removendo mais de 80% do petróleo da água em estado estático e dinâmico.
Abstract: On the basis of human evolution and the population increase was necessary, the emergence of new sources of energy, the development of new products and technologies. One such product, object of the industry revolution and of great importance to the development of humanity is the oil, a substance composed primarily of hydrocarbons which give rise to several other products as fuels, lubricants, polymers, solvents, cooking gas, asphalt for roads, fertilizers, medicines, paints, among other. However, mishandling this product may cause leaks and spills that generate huge damages to the environment and the economy. Soon, with the purpose of contributing to decrease is problematic, in this master's work was carried out an intensive search of the possible potential of the fibers of Ceiba pentandra (L.) "Kapok" and Calotropis Procera as bioadsorbents of petroleum in water. The choice of these fibers is due to surface properties such as oleophylics and hydrophobic, their buoyancy and yet, being biodegradable natural polymers derived from the Brazilian Northeast. This research was used experimental planning with response surface methodology (RSM) with the software Design Expert. The results were statistically efficient, obtaining a R2= 0.9995 for Calotropis Procera and a R2= 0.9993 for Kapok. And that, both fibers showed adsorption efficiency, removing more than 80% petroleum in water static and dynamic state.
URI: https://repositorio.ufrn.br/jspui/handle/123456789/20022
Appears in Collections:PPGEM - Mestrado em Engenharia Mecânica

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
MayaraPatriciaGalvaoCoelho_DISSERT.pdf2.35 MBAdobe PDFThumbnail
View/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.