Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.ufrn.br/handle/123456789/24333
Full metadata record
DC FieldValueLanguage
dc.contributor.advisorPereira Filho, Sebastião Faustino-
dc.contributor.authorFreitas, Maralice Magalhães de-
dc.date.accessioned2017-11-20T23:24:32Z-
dc.date.available2017-11-20T23:24:32Z-
dc.date.issued2017-09-01-
dc.identifier.citationFREITAS, Maralice Magalhães de. Radiodifusão pública no Brasil segundo os princípios da UNESCO. 2017. 192f. Dissertação (Mestrado Profissional em Gestão de Processos Institucionais) - Centro de Ciências Humanas, Letras e Artes, Universidade Federal do Rio Grande do Norte, Natal, 2017.pt_BR
dc.identifier.urihttps://repositorio.ufrn.br/jspui/handle/123456789/24333-
dc.description.abstractThis thesis analyzes Public Communication as an instrument for building citizenship, popular emancipation and commitment to social issues, differentiating the expression of other forms of communication funded with public resources. The research is done in dialogue with Brazilian authors, such as Brandão (2012), Duarte (2012), Matos (2012), Haswani (2013) and Bucci (2014). It also has, as a theoretical basis, the studies of Habermas (2003) and Zémor (1995), world references on the subject. Based on this intellectual support, the work presents the specificities that characterize and separate the private, public and state broadcasting systems, especially in the "programming" aspect. In this scenario, we present the Case Study that analyzes a journalistic program of Rádio Universitária FM de Natal, of the Federal University of Rio Grande do Norte. To reach the objectives, the qualitative study of a descriptive character uses bibliographical and documentary research; application of questionnaire and structured interview with open questions with the subjects responsible for the program in the period between August 2015 and February 2017; In addition to the auditioning of five program editions through recordings. The content analysis is based on the principles of universality, diversity, independence and differentiation, as proposed by the United Nations Organization for Education, Science and Culture (UNESCO, 2001) as the characterization of a public broadcasting vehicle. The four criteria were gathered and interpreted to form a methodology for evaluating the public character of journalistic broadcasting in Brazil. The collected data point to a programming that values the truthfulness of the facts and the plurality of voices, despite the lack of interaction of the team with the listener; gives visibility to cultural manifestations, but in a discreet and not very effective way; presents a lack of deepening of controversial issues and of the promotion of the debate of ideas; repeats themes and approaches found in private broadcasters without giving experimentation and originality to content. The research also inferred that the participation of the academic community as a source of qualified information is expressive, but the team of the newspaper acts with autonomy in relation to the public authorities and to the market. Finally, it intends to contribute with a reflection on the role of a broadcaster funded with public resources inserted into a university context and with suggestions to improve and strengthen the journalistic work in a public channel.pt_BR
dc.languageporpt_BR
dc.rightsAcesso Abertopt_BR
dc.subjectComunicação públicapt_BR
dc.subjectRádio Universitáriapt_BR
dc.subjectProgramação jornalísticapt_BR
dc.subjectUNESCOpt_BR
dc.titleRadiodifusão pública no Brasil segundo os princípios da UNESCOpt_BR
dc.typemasterThesispt_BR
dc.publisher.countryBrasilpt_BR
dc.publisher.initialsUFRNpt_BR
dc.publisher.programMESTRADO PROFISSIONAL EM GESTÃO DE PROCESSOS INSTITUCIONAISpt_BR
dc.contributor.authorIDpt_BR
dc.contributor.advisorIDpt_BR
dc.contributor.referees1Guimarães, Patricia Borba Vilar-
dc.contributor.referees1IDpt_BR
dc.contributor.referees2Oliveira, João Emanuel Evangelista de-
dc.contributor.referees2IDpt_BR
dc.contributor.referees3Rocha Neto, Manoel Pereira da-
dc.contributor.referees3IDpt_BR
dc.description.resumoEsta dissertação analisa a Comunicação Pública enquanto instrumento de construção da cidadania, de emancipação popular e de compromisso com as questões sociais, diferenciando a expressão de outras formas de comunicação custeadas com recursos públicos. A investigação se dá em diálogo com autores brasileiros, como Brandão (2012), Duarte (2012), Matos (2012), Haswani (2013) e Bucci (2014), tendo, ainda, como base teórica os estudos de Habermas (2003) e Zémor (1995), referências mundiais no assunto. A partir dessa sustentação intelectual, o trabalho expõe as especificidades que caracterizam e separam os sistemas de radiodifusão privado, público e estatal, sobretudo no aspecto “programação”. Nesse cenário, apresenta-se o Estudo de Caso que analisa um programa jornalístico da Rádio Universitária FM de Natal, da Universidade Federal do Rio Grande do Norte. Para atingir os objetivos, o estudo qualitativo de caráter descritivo utiliza as pesquisas bibliográfica e documental; aplicação de questionário e de entrevista estruturada com questões abertas junto aos sujeitos responsáveis pelo programa no período compreendido entre agosto de 2015 e fevereiro de 2017; além da audição de cinco edições do programa por meio de gravações. A análise de conteúdo tem como fundamentação os princípios universalidade, diversidade, independência e diferenciação, propostos pela Organização das Nações Unidas para Educação, Ciência e Cultura (UNESCO, 2001) como caracterizadores de um veículo de radiodifusão pública. Os quatro critérios foram reunidos e interpretados de forma a dar corpo a uma metodologia de avaliação do caráter público da radiodifusão jornalística no Brasil. Os dados coletados apontam para uma programação que preza pela veracidade dos fatos e pela pluralidade de vozes, apesar da falta de interação da equipe com o ouvinte; confere visibilidade às manifestações culturais, mas de forma discreta e pouco efetiva; apresenta uma carência no aprofundamento de assuntos polêmicos e na promoção do debate de ideias; repete temas e abordagens encontrados em emissoras privadas sem conferir experimentação e originalidade ao conteúdo. A pesquisa inferiu ainda que a participação da comunidade acadêmica como fonte de informação qualificada é expressiva, mas a equipe age com autonomia em relação às autoridades públicas e ao mercado. Por fim, pretende-se contribuir com uma reflexão sobre o papel de uma emissora custeada com recursos públicos inserida em um contexto universitário e com sugestões para aperfeiçoar e fortalecer o trabalho jornalístico em um canal público.pt_BR
dc.subject.cnpqCNPQ::CIENCIAS HUMANAS: GESTÃO DE PROCESSOS INSTITUCIONAISpt_BR
Appears in Collections:PPGGPI - Mestrado Profissional em Gestão de Processos Institucionais

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
MaraliceMagalhaesDeFreitas_DISSERT.pdf2,09 MBAdobe PDFThumbnail
View/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.