Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.ufrn.br/handle/123456789/25075
Title: Simulação realística como estratégia de ensino-aprendizagem no processo transfusional
Authors: Tibúrcio, Manuela Pinto
Keywords: Educação continuada;Hospitais de ensino;Enfermagem;Estudos de validação;Conhecimento;Transfusão de sangue
Issue Date: 7-Dec-2017
Citation: TIBÚRCIO, Manuela Pinto. Simulação realística como estratégia de ensino-aprendizagem no processo transfusional. 2017. 147f. Tese (Doutorado em Enfermagem na Atenção à Saúde) - Centro de Ciências da Saúde, Universidade Federal do Rio Grande do Norte, Natal, 2017.
Portuguese Abstract: A educação continuada nos serviços de enfermagem norteando as práticas transfusionais contribui sobremaneira para a redução de eventos decorrentes de erros e complicações. Os conhecimentos devem ser oferecidos aos profissionais de enfermagem de maneira que eles possam compreender a significância e o impacto da aprendizagem em sua prática profissional. Para isso, lançar mão de metodologias ativas, como a simulação realística, pode ser uma alternativa a fim de tornar o processo mais interativo e eficiente. O objetivo do estudo é avaliar a simulação realística como estratégia de ensino-aprendizagem na aquisição de conhecimentos no processo transfusional para profissionais de enfermagem. Estudo quase experimental do tipo antes e depois realizado nos hospitais pertencentes ao complexo da Universidade Federal do Rio Grande do Norte (Hospital Universitário Onofre Lopes-HUOL, Maternidade Escola Januário Cicco e Hospital Ana Bezerra), em quatro etapas: 1) construção e validação do instrumento de avaliação do conhecimento sobre o processo transfusional junto aos juízes da pesquisa; 2) elaboração do roteiro de simulação realística e organização dos cenários; 3) avaliação do conhecimento dos profissionais antes e após a simulação realística; 4) avaliação da satisfação dos profissionais de enfermagem frente a estratégia de ensino simulação realística. Foi apreciado pelo Comitê de Ética e Pesquisa do HUOL, com CAAE 58511516.0.0000.5292. Para análise dos dados, realizou-se análises descritivas e inferenciais, adotando nível de significância estatística de p-valor < 0,05. O questionário do conhecimento elaborado, composto por dez questões de múltipla escolha, apresentou evidências de validade satisfatória (IVC – 0,95; Kappa - 0,83). Participaram da intervenção educativa 202 profissionais de enfermagem, sendo verificado que aprendizagem cognitiva aumentou significativamente após a realização da simulação realística. A melhoria do conhecimento entre o pré e o pós-teste ficou evidenciada em todas as questões e nas etapas do processo, mas principalmente nas que tratavam sobre o tempo máximo de infusão, o armazenamento e manuseio dos hemocomponentes e classificação das reações transfusionais imediatas e tardias. De modo geral, o nível de satisfação dos participantes com a metodologia de ensino foi muito bom, na medida em que a estratégia ajudou no seu aprendizado e contribuiu para o ensino de conhecimentos e habilidades, sendo considerada interessante e útil pela grande maioria deles. Diante do exposto, optou-se por rejeitar a hipótese nula deste estudo e aceitar a alternativa em que o conhecimento dos profissionais de enfermagem é significantemente melhor após a intervenção com simulação realística. Espera-se que o estudo tenha contribuído para destacar a importância de se pensar a metodologia da simulação realística enquanto estratégia aplicável a ações de educação em saúde, desde cursos técnicos, graduação até o treinamento dos profissionais que se encontram em exercício na área da saúde.
Abstract: Continuing education in nursing services guiding transfusion practices greatly reduces the number of events due to errors and complications. Knowledge has to be provided to the professionals the way they can understand the significance and impact of learning in your professional practice. To do this, using active methodologies, such as a realistic simulation, can be an alternative in order to make the process more interactive and efficient. The objective of the study is to evaluate the realistic simulation as a teaching-learning strategy in the acquisition of knowledge in the transfusion process for nursing professionals. Pre-and-after quasi-experimental study performed in the hospitals belonging to the Federal University o Rio Grande do Norte (Hospital Universitário Onofre Lopes- HUOL, Maternidade Escola Januário Cicco e Hospital Ana Bezerra), in four stages: 1) Construction and validation of the instrument for the evaluation of the knowledge about the transfusion process with the judges of the research; 2) elaboration of the realistic simulation roadmap and organization of the scenarios; 3)Evaluation of the knowledge of professionals before and after the realistic simulation; 4)Evaluation of nursing professionals' satisfaction with the teaching strategy realistic simulation. It was appreciated by the Ethics and Research Committee of HUOL, with number CAAE: 58511516.0.0000.5292. For data analysis, descriptive and inferential analyzes were performed, adopting the statistical significance of p-value <0.05. The elaborated questionnaire, composed of ten multiple choice questions, presented evidence of satisfactory validity (IVC - 0.95; Kappa - 0.83). The total of 202 nursing professionals participated in the intervention, and cognitive learning increased significantly after a realistic simulation performance. Improved the gap of knowledge between pre-and post-test was evidenced in all questions and steps of the process, but mainly in those that dealt with the maximum time of infusion, storage and handling of blood components and classification of immediate and late transfusion reactions. In general, the level of satisfaction of the participants with a teaching methodology was very good, insofar as the strategy contributed to their learning and to the teaching of knowledge and skills, being considered interesting and useful for the vast majority of them. In view of the above, we opted to reject a null hypothesis of this study and accept an alternative in which the knowledge of nursing professionals is significantly better after a realistic simulation intervention. It is hoped that the study has contributed to highlight the importance of thinking about the methodology of realistic simulation as a strategy to health education actions, from technical courses, graduation to the training of professionals who are in the health area.
URI: https://repositorio.ufrn.br/jspui/handle/123456789/25075
Appears in Collections:PPGE - Doutorado em Enfermagem

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
ManuelaPintoTiburcio_TESE.pdf2,43 MBAdobe PDFThumbnail
View/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.