Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.ufrn.br/handle/123456789/25123
Title: Sertaniando a Educação Básica: um estudo das políticas de acesso a EJA, construídas ou executadas na SUEJA/RN
Authors: Araújo, Liz
Keywords: Educação básica;Educação de Jovens e Adultos;Política de acesso
Issue Date: 23-Feb-2018
Citation: ARAÚJO, Liz. Sertaniando a Educação Básica: um estudo das políticas de acesso a EJA, construídas ou executadas na SUEJA/RN. 2018. 165f. Dissertação (Mestrado em Educação) - Centro de Educação, Universidade Federal do Rio Grande do Norte, Natal, 2018.
Portuguese Abstract: Discutimos neste trabalho o acesso à Educação Básica, modalidade EJA, circunscrita nas políticas de acesso à Educação de Jovens e Adultos (EJA), construídas ou executadas na Subcoordenadoria de Educação de Jovens e Adultos (SUEJA), no período de 2000, quando instituída na Secretaria de Estado, Educação e Cultura (SEEC), a 2016, analisando suas pautas atuais de atendimento a esse público no Estado do Rio Grande do Norte. Objetivamos construir uma análise histórica e crítica das políticas articuladas na SUEJA, tendo como foco as políticas para o acesso à EJA no RN. Articulamos a pesquisa com os estudos realizados na Linha de Pesquisa Educação, Política e Práxis Educativa do Programa de Pós-Graduação em Educação da UFRN, e com o grupo de pesquisa Sertania, Educação e Práticas Culturais, cuja abordagem teórica converge para problemáticas que movem o nosso pensamento no âmbito da diversidade. Assumimos o Materialismo Histórico e Dialético como método e a pesquisa qualitativa como referência nos procedimentos de construção e análise dos dados. Os instrumentos metodológicos se interpenetram a entrevistas de caráter livre conversacional, ao estudo em documentos garimpados nos arquivos da SUEJA de particulares e no Sistema Integrado de Gestão da Educação (SigEduc). Ademais, trabalhamos com fontes bibliográficas relevantes a temática, entre as quais teses de doutorado; dissertações de mestrado e títulos autorais que são referenciais no estudo de EJA. Com os estudos da literatura e dos documentos, bem como os dados apresentados nas entrevistas, foi possível compreender que as políticas para o acesso a EJA, criadas ou executadas na SUEJA no período de 2000 a 2016 não respondem às especificidades de vida, trabalho e formação continuada da maioria dos jovens e adultos a quem elas se destinam. Isso se dá em razão de que são marcadas, essencialmente, por políticas escolarizadas descontínuas, em sua maioria atendidas por projetos e programas temporários. Os dados que se somam da pesquisa expressam resultados que representam fragilidades no acesso e na permanência dos educandos da EJA no processo escolar, distanciando cada vez mais a responsabilidade do Estado com a política de acesso, permanência e conclusão para EJA.
Abstract: We discuss in this Master’s thesis the access to Basic Education, EJA modality, limited in the policies for access to Youth and Adult Education (EJA), built or executed in the Youth and Adult Education Subcoordinary (SUEJA), in 2000, when instituted in Secretary of State, Education and Culture (SEEC), to 2016, analyzing its current guidelines for attending this public in the State of Rio Grande do Norte. The objective is to build a historical and critical analysis of the policies articulated in SUEJA, focusing on the policies for access to the EJA in the State of the RN. We articulate the research with the studies conducted in the Education, Policy and Educational Praxis Line of the Graduate Program in Education of UFRN, and with the research group Sertania, Education and Cultural Practices, whose theoretical approach converges to problems that move the our thinking in the field of diversity. We assume Historical and Dialectical Materialism as a method and qualitative research as a reference in the data construction and analysis procedures. The methodological tools interpenetrate to interviews of free conversational character, to study in documents collected in SUEJA files of individuals and in the Integrated System of Management of Education (SigEduc). In addition, we work with relevant bibliographic sources on the subject, among which we highlight the doctoral thesis of Jane Paiva (2005, UFRJ); the Master’s thesis of Giovana Albino Gomes (2010, UFRN); the Master’s thesis of Berenice Pinto Marques (2015, UFRN); and the doctoral thesis of Walter Pinheiro Barbosa Junior (2002, UFRN). With the studies of the literature, the documents and the interviews, it was possible to understand that the policies created or executed in SUEJA between 2000 and 2016 do not respond to the specificities of life, work and continued formation of the majority of the young people and adults to whom they are destined. This is because public policies are essentially marked by discontinuous schooling policies, mostly served by temporary projects and programs. The data that are added to the research express results that represent weaknesses in the access and permanence of the students of the EJA in the school process, showing that the access policy in SUEJA distances itself from the characteristics of the students of the EJA, regarding the responsibility of the State with the access policy.
URI: https://repositorio.ufrn.br/jspui/handle/123456789/25123
Appears in Collections:PPGED - Mestrado em Educação

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
LizAraujo_DISSERT.pdf6,62 MBAdobe PDFThumbnail
View/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.