Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.ufrn.br/handle/123456789/27122
Title: Cada peça em seu lugar: recorrências e particularidades na configuração espacial de casas modernas em Fortaleza - 1960 a 1976
Authors: Santana, Ugo Dantas de
Keywords: Configuração espacial;Arquitetura Moderna Brasileira;Casas
Issue Date: 22-Feb-2019
Citation: SANTANA, Ugo Dantas de. Cada peça em seu lugar: recorrências e particularidades na configuração espacial de casas modernas em Fortaleza - 1960 a 1976. 2019. 284f. Dissertação (Mestrado em Arquitetura e Urbanismo) - Centro de Tecnologia, Universidade Federal do Rio Grande do Norte, Natal, 2019.
Portuguese Abstract: A presente pesquisa envolve identificar como os princípios do Movimento Moderno afetaram a configuração espacial de projetos de residências unifamiliares realizados entre 1960 e 1976, em Fortaleza, revelando expectativas de mudanças em certas práticas sociais domésticas. A teoria da Sintaxe do Espaço (Hillier e Hanson, 2005 [1984]) foi aplicada em um conjunto de 36 casas modernistas com áreas variando entre 159m2 e 643m2 . Estes edifícios – projetados por cinco arquitetos – representam o período em que arquitetos começam a ser contratados para projetos de residências em Fortaleza. São localizados em áreas de expansão urbana que atraiam investimentos das classes socais mais altas. O recorte temporal abrange a chegada de arquitetos formados em outras cidades para iniciar sua prática profissional em Fortaleza, onde ajudaram a criar o primeiro curso de Arquitetura e Urbanismo do estado. Quatro dos arquitetos nasceram em Fortaleza e apenas um foi formado na primeira turma dessa escola. Apesar das casas possuírem tamanhos variados, ter sido construídas em um período de 16 anos, e projetadas por arquitetos com formações diferentes, apresentam muitas semelhanças quanto à configuração espacial, indicando que códigos sociais foram cristalizados na forma construída. Apresentam características espaciais recorrentes na arquitetura doméstica brasileira – especialmente a nordestina – que misturam relações espaciais tradicionais e atuais, apontando para um processo contínuo de transformação. Entretanto, foram identificadas características relacionadas a decisões autorais e do lugar, que não estão presentes em conjuntos de outros autores. Mais marcante que a separação de setores influenciada pela lógica da arquitetura funcionalista, é a separação dos espaços ocupados por moradores de diferentes classes sociais, refletindo a profunda desigualdade da sociedade brasileira dentro do espaço doméstico.
Abstract: This research aims to identify how principles of the Modern Movement affected the spatial configuration of single-family houses designed between 1960 and 1976, in Fortaleza, revealing expectations of change concerning certain domestic codes. Space Syntax theory (Hillier and Hanson, 2005 [1984]) was applied to a sample of 36 modernist houses with built areas between 159m2 and 643m2 . These buildings – designed by five architects – exemplify a time period architects started being commissioned to design residences. They are located in urban expansion areas that were attracting middle and upper-classes investments. The period also coincides with the arrival of professionals graduated in other cities to start their practices in Fortaleza, where they helped to create the first course in Architecture and Urban Planning in the state. Four of the architects that designed the houses used as case studies in this dissertation were born in Fortaleza, one of whom graduated in the first class of the local school. Although the houses have varied sizes, have been built in a 16-year period and have been designed by architects with different backgrounds, they show similarities in their spatial configuration, indicating that social codes have been crystallized in the built form. The houses present recurring spatial characteristics found in the Brazilian domestic architecture – especially in its north-eastern guises – that amalgamate traditional and current spatial relations whereas pointing out to a continuous transformation process. Design trends that may be related to authorial decisions as well as local characteristics, not present in samples explored by other researchers elsewhere, were also unveiled. However, more emphatic than the clear delimitation and separation of sectors, affiliated to the logic of functionalist architecture, is the separation of spaces occupied by dwellers of different social status, reflecting within the domestic realm, the deeply unequal character of the Brazilian society.
URI: https://repositorio.ufrn.br/jspui/handle/123456789/27122
Appears in Collections:PPGAU - Mestrado em Arquitetura e Urbanismo

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Cadapeçalugar_Santana_2019.pdf104,08 MBAdobe PDFThumbnail
View/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.