Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.ufrn.br/handle/123456789/30072
Title: Internacionalização da pós-graduação Stricto Sensu no Brasil: um estudo da mobilidade estudantil no período de 2003 a 2016
Authors: Nogueira, Fabiana Araújo
Keywords: Internacionalização da educação superior;Pós-Graduação Stricto Sensu;Mobilidade estudantil
Issue Date: 19-Feb-2020
Publisher: Universidade Federal do Rio Grande do Norte
Citation: NOGUEIRA, Fabiana Araújo. Internacionalização da pós-graduação Stricto Sensu no Brasil: um estudo da mobilidade estudantil no período de 2003 a 2016. 2020. 160f. Dissertação (Mestrado em Educação) - Centro de Educação, Universidade Federal do Rio Grande do Norte, Natal, 2020.
Portuguese Abstract: A presente dissertação tem como objetivo analisar as políticas e diretrizes para a internacionalização da pós-graduação stricto sensu brasileira no período de 2003 a 2016, tomando como referência a mobilidade estudantil fomentada pela Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior e o Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Considera-se que a internacionalização não é fenômeno novo, no entanto, na atualidade assume uma nova configuração, tendo em vista o processo de globalização e o desenvolvimento das tecnologias da informação e comunicação. O Brasil, pela sua posição nos rankings educacionais, se insere no processo de internacionalização de forma periférica, embora, atualmente, várias iniciativas estejam sendo implementadas para a consolidação desse processo. Os principais documentos norteadores das políticas de internacionalização para a educação superior são as políticas elaboradas pelo Ministério de Ciência e Tecnologia cujas diretrizes são contempladas nos Planos Nacionais de Pós-graduação e têm servido para induzir as principais ações das agências de fomento à pesquisa nacional. A abordagem de pesquisa adotada foi o materialismo histórico dialético. Os procedimentos técnico-metodológicos utilizados para a consecução da pesquisa foram de caráter bibliográfico e documental. Foram elaboradas, a partir da plataforma georreferencial da Capes (Geocapes), séries históricas com a finalidade de mostrar a evolução dos dados da mobilidade estudantil em nível internacional propiciada pelo financiamento da Capes e do CNPq. Os dados da pesquisa mostram que existe uma estreita articulação entre os documentos de planejamento elaborados pelo Ministério da Ciência e Tecnologia, os Planos Nacionais de Pós-graduação e a indução da política de fomento da Capes e do CNPq. Esse movimento é muito maior nos anos compreendidos entre 2003 e 2015, quando está em vigor no país uma concepção de Estado neodesenvolvimentista e de incentivo à internacionalização da educação tanto no nível de graduação quanto de pós-graduação. Considera-se que esse foi um período de grande investimento para a internacionalização da pós-graduação brasileira, no qual se observou uma maior expansão do número de bolsas concedidas. Apesar do aumento significativo, ressalta-se que é necessário maior investimento na distribuição dessas bolsas, de forma que contribuam para aumentar a produção de conhecimento e desenvolvimento tecnológico e reforçar a base técnico-científica do país.
Abstract: This dissertation aims to analyze the policies and guidelines for the internationalization of the Brazilian stricto sensu postgraduate course from 2003 to 2016, taking as a reference the student mobility promoted by the Coordination for the Improvement of Higher Education Personnel and the National Development Council Scientific and Technological. It is considered that internationalization is not a new phenomenon, however, nowadays it takes on a new configuration in view of the globalization process and the development of technologies and communication. Brazil, due to its position in the educational rankings, is inserted in the internationalization process in a peripheral way, although at present, several initiatives have been implemented to consolidate this process. The main guiding documents for internationalization policies for higher education are the policy documents prepared by the Ministry of Science and Technology, whose guidelines are contemplated in the National Postgraduate Plans and have served to induce the main actions of the agencies that promote national research. The research approach adopted was historical dialectical materialism. The technical-methodological procedures used to carry out the research were bibliographic and documentary. Historical series were also prepared based on Capes' georeferential platform (Geocapes) in order to show the evolution of student mobility data at the international level provided by funding from Capes and CNPq. The research data show that there is a close articulation between the planning documents prepared by the Ministry of Science and Technology, the National Postgraduate Plans and the induction of the Capes and CNPq development policy. This movement is much greater in the years between 2003 and 2015, when a conception of a developmental state and of encouraging the internationalization of education at both the undergraduate and graduate levels is in force in the country. It is considered that this was a period of great investment for the internationalization of Brazilian postgraduate courses, in which there was a greater expansion in the number of scholarships awarded. Despite the significant increase, it is emphasized that greater investment in the distribution of these scholarships is necessary to contribute to increase the production of knowledge and the development of technology and to strengthen the country's technical and scientific base.
URI: https://repositorio.ufrn.br/jspui/handle/123456789/30072
Appears in Collections:PPGED - Mestrado em Educação

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Internacionalizacaoposgraduacao_Nogueira_2020.pdf1.11 MBAdobe PDFThumbnail
View/Open


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons