Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.ufrn.br/handle/123456789/31210
Title: O avanço do mercado informal e o empreendedorismo individual: uma análise mercadológica no camelódromo do bairro alecrim em Natal/RN
Other Titles: Entrepreneurship and the informal single market: a market analysis informal trade at alecrim district in Natal/RN
Authors: Queiroz, Jamerson Viegas
Pereira, Marcelo Henrique Neves
Figueiredo, Elisandra Melo
Carvalho, Gilberto Sousa de
Lutif Júnior, Jorge Assef
Keywords: Empreendedorismo;Mercado informal;Administração Mercadológica
Issue Date: 2013
Publisher: Faculdades FACET
Citation: PEREIRA, M. H. N.; FIGUEIREDO, E. M.; FERNANDES, L. I. C.; LUTIF JÚNIOR, J. A.; QUEIROZ, J. V.. O avanço do mercado informal e o empreendedorismo individual: uma análise mercadológica no camelódromo do bairro alecrim em Natal/RN. Revista Gestão do Conhecimento (Curitiba. Impresso), v. 7, p. 128-151, 2013. Disponível em https://www.facet.br/gc/artigos/resumo.php?artigo=53. Acesso em 17 dez. 2020.
Portuguese Abstract: O objetivo deste estudo foi analisar em que medida o programa do empreendedor individual está potencializando os resultados dos comerciários do camelódromo do Alecrim. No tocante a Metodologia, a pesquisa é do tipo exploratório e descritivo. No que diz respeito à amostra, foram pesquisados 100 camelôs escolhidos de forma aleatória. O instrumento de pesquisa foi um questionário estruturado, composto por 18 questões estrategicamente desenvolvido a fim de alcançar o objetivo geral. A coleta dos dados foi realizada “in loco”, através de entrevista pessoal e analisadas com base no referencial teórico. No geral, a maioria atua no mercado entre 1 e 5 anos e entre 11 e 15 anos para os mais experientes. De forma geral ficou claro que o programa “Empreendedor Individual” não está potencializando os resultados dos comerciários. Um ponto a destacar é que muitos não conhecem detalhadamente o programa e que caso conhecessem os benefícios para se tornarem empreendedores individuais, a grande parte dos camelôs entrevistados desejaria sair da informalidade. Os pontos críticos observados para se tornarem formais foram a falta de informação, a burocracia e a falta de credibilidade. Segundo os entrevistados, nenhum deles recebe incentivos claros para aderirem ao Programa “Empreendedor individual”
Abstract: The objective of this study was to analyze to what extent the program is the individual entrepreneur leveraging the results of trading, the informal trade of Alecrim. Regarding methodology, the research is exploratory and descriptive. With respect to the sample, were investigated vendors 100 randomly chosen. The survey instrument was a structured questionnaire comprised 18 questions developed strategically to achieve the overall goal. Overall, the most active in the market between 1 and 5 years and between 11 and 15 years for the more experienced. Overall it was clear that the "Individual Entrepreneur" is not leveraging the results of business people. A point to note is that many do not know in detail the program and that if they knew the benefits to become individual entrepreneurs, most of the vendors interviewed want out of informality. The critical points observed to become formal were the lack of information, bureaucracy and lack of credibility. According to respondents, none of them receives clear incentives to join the program "Entrepreneur individual
URI: https://repositorio.ufrn.br/handle/123456789/31210
ISSN: 1982-0666
Appears in Collections:CT - DEP - Artigos publicados em periódicos

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
OAvançoDoMercadoInformal_Queiroz_2013.pdf209,48 kBAdobe PDFThumbnail
View/Open


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons