Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.ufrn.br/handle/123456789/31222
Title: Um instante no tempo, gênesis de mundos: a construção de um Rio Grande do Norte na perspectiva de Newton Navarro (1928-1980)
Authors: Lucena, Henrique Alexandre Medeiros de
Keywords: Newton Navarro;Sertão;Mar;Natal;Rio Grande do Norte
Issue Date: 18-May-2020
Publisher: Universidade Federal do Rio Grande do Norte
Citation: LUCENA, Henrique Alexandre Medeiros de. Um instante no tempo, gênesis de mundos: a construção de um Rio Grande do Norte na perspectiva de Newton Navarro (1928-1980). 2020. 347f. Dissertação (Mestrado em História) - Centro de Ciências Humanas, Letras e Artes, Universidade Federal do Rio Grande do Norte, Natal, 2020.
Portuguese Abstract: O presente trabalho analisa a importância da obra do artista e intelectual Newton Navarro Bilro (1928-2002) para a formação de uma identidade para a cidade do Natal e para o estado do Rio Grande do Norte, partindo de uma dualidade espacial dicotomizada entre o sertão e o mar e a personagens ligados a esses espaços. O trabalho buscou analisar a construção de sua arte, que ao mesmo tempo foi uma representação de experiências biográficas, como também de um arquivo de imagens extraídas de suas leituras e de suas experiências estéticas. Ele elaborou uma serie de indivíduos psicossociais definidos por suas atividades profissionais como: vaqueiros, pescadores, marinheiros e jangadeiros que se constituíram em personagens ligados à cidade do Natal, bem como ao Rio Grande do Norte. Navarro estabelece uma figuralidade cartografando imagetica e socialmente esses espaços. O texto procura evidenciar que a produção artística atua como um documento histórico e ferramenta identitaria, que no caso da arte navarrena foi apropriada pelos governos municipal e estadual, entre os anos de 1960 a 1980. A análise das obras pictóricas navarreanas foi feita a partir de dois pressupostos: a compreensão de Navarro como sujeito psicossocial e, ao mesmo tempo, as transformações que Natal e o Rio Grande do Norte passaram, indo da modernização do sertão algodoeiro e pecuarista, passando pela Segunda Guerra Mundial e seus reflexos nas políticas de modernização dos governos municipais e estaduais, como o de Sylvio Pedrosa, Djalma Maranhão e Aluisio Alves. O primeiro capítulo consiste na análise de uma imagética navarreana ligada ao imaginário do sertão, articulando o elemento terra, a dimensão masculina, a relação com a figura paterna, em obras que buscam a representação do poder telúrico. O segundo capítulo se se volta para a constituição de um mundo matriarcal, representado por sua mãe e avó, que foi reestruturado pelos efeitos da Segunda Guerra Mundial. Nesse capítulo analiso a construção navarreana de um mundo natalense ligado ao líquido, ao onirismo erótico masculino que cartografa uma Natal litorânea e um espaço híbrido entre o rio e o mar. O terceiro capítulo, a partir da trajetória da vida adulta de Navarro, busca analisar a gramática visual navarreana, apoiada na hibridação de imagens do sertão e do mar, atravessada por uma profunda religiosidade e o conflito entre o sagrado e o profano, o desejo e a censura, o dionisíaco e o apolínio, a gramática visual de um homem dilacerado subjetivamente por conflitos e por performances sociais contraditórias.
Abstract: The dissertation analyzes the importance of Newton Navarro Bilro (1928-2002) intellectual and artist works for Natal and Rio Grande do Norte identity formation from a dichotomized spatial duality between the hinterland and the sea by the characters connected to these spaces. The work aims to analyze the construction of his art, which at the same time was a representation of biographical experiences, as well as an archive of images extracted from his readings and his aesthetic experiences. He elaborated a series of psychosocial individuals defined by their professional activities, such as: cowboys, fishermen, sailors and raftsmen who became characters linked to Natal, as well as to Rio Grande do Norte. Navarro establishes a kind of figurality by mapping imagetically and socially these spaces. The text aims to analyse how artistic production acts as a historical document and an identity tool, which in the case of Navarrese art was appropriated by the municipal and state governments, between 1960 and 1980´s. The navarrean pictorial works analysis was made based on two assumptions: understanding Navarro as a psychosocial subject and, at the same time, the transformations that Natal and Rio Grande do Norte went through, from the cotton modernization and cattle ranching, through the World War II and its effects on the modernization policies of municipal and state governments, such as Sylvio Pedrosa, Djalma Maranhão and Aluisio Alves govern roles. The first chapter analyse a navarrean imagery linked to the idea of sertão, articulating earth element, male dimension, and relationship with his father figure, in works that seek the representation of telluric power. The second chapter focuses on the constitution of a matriarchal world, represented by his mother and grandmother, which was restructured by the effects of the Second World War. Besides, it analyzes the navarrean construction about the city of Natal as a world connected to the liquid, to the male erotic oneirism that maps a coastal city and a hybrid space between the river and the sea. The third chapter, based on the trajectory of Navarro's adult life, seeks to analyze his visual grammar, supported by the hybridization of images about the hinterland and the sea, crossed by a deep religiosity and the conflict between the sacred and the profane, the desire and censorship, Dionysus and Apollo, the visual grammar of a man subjectively torn apart by conflicts and contradictory social performances.
URI: https://repositorio.ufrn.br/handle/123456789/31222
Appears in Collections:PPGH - Mestrado em História

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Instantetempogenesis_Lucena_2020.pdf3.29 MBAdobe PDFThumbnail
View/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.