Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.ufrn.br/handle/123456789/33424
Title: Análise funcional e de equilíbrio postural de idosos com provável doença de alzheimer em fase grave: uma série de casos
Authors: Martins, Priscila Silva
Keywords: Equilíbrio postural;Doença de Alzheimer;Idoso;Cognição;Desempenho funcional
Issue Date: 30-Apr-2021
Publisher: Universidade Federal do Rio Grande do Norte
Citation: MARTINS, Priscila Silva. Análise funcional e de equilíbrio postural de idosos com provável doença de alzheimer em fase grave: uma série de casos. 2021. 90f. Dissertação (Mestrado em Fonoaudiologia) - Centro de Ciências da Saúde, Universidade Federal do Rio Grande do Norte, Natal, 2021.
Portuguese Abstract: Introdução: A doença de Alzheimer (DA) é uma síndrome demencial com rápida ascensão e que mais afeta a população mundial, sendo uma patologia neurodegenerativa progressiva e irreversível que ocasiona a deterioração das faculdades intelectuais, funcionais e motoras, como o equilíbrio postural. Objetivo: Analisar os dados clínicos-cognitivos, funcionais e de equilíbrio postural em idosos na fase grave da Doença de Alzheimer. Método: Trata-se de um estudo observacional, transversal e descritivo realizado em sete idosos com idade igual ou superior a 60 anos e estadiamento em CDR3, no Centro de Referência Estadual de Atenção à Saúde do Idoso (CREASI) em Natal/RN. Foram utilizados os instrumentos: Mini Exame de Estado de Saúde Mental (MEEM); Teste do desenho do Relógio (TDR); Teste de Fluência Verbal (TFV), Teste Timed-Up-and-Go Test (TUGt), Teste Clínico de Interação Sensorial e Equilíbrio (CTSIB) e o Questionário de Atividades Funcionais. Os dados foram interpretados por meio de uma análise descritiva simples. Resultados: Observou-se uma perda funcional para as AIVD; tempo prolongado na mobilidade; prejuízo cognitivo, incluindo a linguagem; e condições anormais no equilíbrio postural. Conclusão: Os resultados apontam que idosos com DA na fase grave apresentam maior dependência funcional em detrimento das alterações cognitivas, de mobilidade e de equilíbrio postural.
Abstract: Introduction: Alzheimer's disease (AD) is a fast-rising dementia syndrome that most affects the world population, being a progressive and irreversible neurodegenerative pathology that causes the deterioration of intellectual, functional, and motor faculties, such as postural balance. Objective: To analyze the clinical-cognitive, functional, and postural balance data in the older adult in the severe phase of Alzheimer's Disease. Method: This is an observational, cross-sectional, and descriptive study with seven older adults aged 60 years or over and staging at CDR3 at the State Reference Center for Older adult Health Care (CREASI) Natal / RN. The instruments used were: Mini Mental Health Status Examination (MMSE); Clock design test (TDR); Verbal Fluency Test (TFV), Timed-Up-and-Go Test (TUGt), Clinical Test of Sensory Interaction and Balance (CTSIB), and the Functional Activities Questionnaire. The data were interpreted using a simple descriptive analysis. Results: There was a functional loss for IADL; prolonged mobility time; cognitive impairment, including language; and abnormal postural balance conditions. Conclusion: The results show that older adults with AD in the severe phase have greater functional dependence to the detriment of cognitive changes, mobility, and postural balance.
URI: https://repositorio.ufrn.br/handle/123456789/33424
Embargoed until: 2023-09-14
Appears in Collections:PPGFON - Mestrado em Fonoaudiologia

Files in This Item:
File SizeFormat 
Analisefuncionalequilibrio_Martins_2021.pdf
Restricted Access Until 2023-09-13
2,31 MBAdobe PDFView/Open    Request a copy


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.