Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.ufrn.br/handle/123456789/46535
Title: Avaliação do comportamento mecânico do concreto reforçado com fibras de poliéster residual
Authors: Silva, Anderson Nunes
Advisor: Lucena, Luciana de Figueiredo Lopes
Keywords: Compósito cimentício;Resíduo;Baixos teores;Adição e fibras poliméricas
Issue Date: 29-Oct-2021
Publisher: Universidade Federal do Rio Grande do Norte
Citation: SILVA, Anderson Nunes. Avaliação do comportamento mecânico do concreto reforçado com fibras de poliéster residual. 2021. 113f. Dissertação (Mestrado em Engenharia Civil) - Centro de Tecnologia, Universidade Federal do Rio Grande do Norte, Natal, 2021.
Portuguese Abstract: O uso de fibras residuais na composição do concreto tem sido objeto de diversas pesquisas que buscam obter fibras de menor custo, aproveitar materiais considerados inservíveis e possibilitar melhorias das propriedades físicas e mecânicas desse compósito. Nesta perspectiva, esta pesquisa teve como objetivo avaliar o efeito da incorporação do resíduo de poliéster emborrachado no comportamento mecânico do concreto. Para tanto, foram analisadas as propriedades no estado fresco e endurecido do concreto convencional reforçado com as fibras residuais de poliéster em dois comprimentos (40mm e 60mm) e em três teores (0%, 0,15% e 0,30% em relação ao volume do concreto). No estado fresco foi realizado o ensaio de slump test e para o estado endurecido, aos 28 dias, foram realizados os ensaios de índices físicos, resistência à compressão axial, resistência à tração por compressão diametral, resistência à tração na flexão, resistência à tração na fratura e tenacidade. Os resultados no estado fresco mostraram que a adição de fibras provoca uma redução do valor do abatimento conforme aumenta-se o teor de adição e comprimento das fibras. No estado endurecido, observou-se que com a adição de fibras tem-se uma tendência de aumentar o índice de vazios e o teor de absorção de água do concreto. Os concretos reforçados com fibras apresentaram massa específica menor do que o concreto sem fibra. As fibras aumentaram a resistência à compressão axial e à tração por compressão diametral de todos os traços, com os traços reforçados com as fibras de 40mm apresentando melhores resultados. No ensaio da tração na flexão os traços reforçados com as fibras residuais de 60mm tiveram melhor desempenho, com o teor de reforço de 0,15% apresentando o melhor resultado. Os concretos com fibras apresentaram tenacidade superior ao traço de referência. Por fim, verificou-se que as fibras de poliéster residual possibilitaram melhorias em algumas propriedades mecânicas do concreto, aumentando a capacidade de deformação e a resistência do compósito cimentício.
Abstract: The use of residual fibers in the composition of concrete has been the object of several researches that seek to obtain fibers at lower cost, considering materials considered unserviceable and enabling improvements in the physical and mechanical properties of this composite. In this perspective, this research aims to evaluate the effect of incorporating rubberized polyester waste in the mechanical mechanism of concrete. For this purpose, they were analyzed as properties in the fresh and hardened state of conventional concrete reinforced with residual polyester fibers, in two lengths (40mm and 60mm) and in three contents (0%, 0.15% and 0.30% in in relation to the volume of the concrete). In the fresh state, the slump test was performed and for the hardened state, at 28 days, the tests of physical index, axial compression strength, tensile strength by diametrical compression, tensile strength in bending, tensile strength in fracture and tenacity. The results of the treatments increased that the addition of fibers causes a reduction in workability as the addition content and length of the fibers increase. In the hardened state, it was observed that with the addition of fibers there is a tendency to increase the void index and the water absorption content of the concrete. Fiberreinforced concrete with a lower density than fiber-free concrete. The fibers increased the axial compression strength and tensile strength by diametrical compression of all the mixes, with the 40mm fiber reinforced mixes better results. In no flexural tensile test, the mixes reinforced with 60mm residual fibers had the best performance, with the 0.15% reinforcement content changed being the best result. Concretes with fiber fibers tenacity higher than the reference mix. Finally, it was verified that the residual polyester fibers allowed improvements in some mechanical properties of the concrete, increased the deformation capacity and the strength of the cementitious composite.
URI: https://repositorio.ufrn.br/handle/123456789/46535
Appears in Collections:PPEC - Mestrado em Engenharia Civil

Files in This Item:
File SizeFormat 
Avaliacaocomportamentomecanico_Silva_2021.pdf2,24 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.