Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.ufrn.br/handle/123456789/47199
Title: Teste da correlação espaço-temporal entre a comercialização de agrotóxicos e a ocorrência de malformações congênitas do sistema nervoso central no Brasil
Other Titles: Spatio-temporal correlation test between the pesticides commercialization and the central nervous system congenital malformations occurrence in Brazil
Authors: Santos, Suzanne Caroline de Farias
Advisor: Sequerra, Eduardo Bouth
Keywords: malformações congênitas;agrotóxicos;correlação espaço-temporal;teratógenos;defeitos do tubo neural;congenital malformations;pesticides;neural tube defects;spatio-temporal correlation;teratogens
Issue Date: 15-Feb-2022
Publisher: Universidade Federal do Rio Grande do Norte
Citation: SANTOS, Suzanne Caroline de Farias. Teste da correlação espaço-temporal entre a comercialização de agrotóxicos e a ocorrência de malformações congênitas do sistema nervoso central no Brasil. 2022. 43 f. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Ciências Biológicas) – Universidade Federal do Rio Grande do Norte, Natal, 2022.
Portuguese Abstract: Os agrotóxicos são substâncias químicas utilizadas para fins de melhoria da produção agrícola. Os potenciais riscos à saúde da população humana causados pelo uso de agrotóxicos no Brasil são pouco descritos na literatura, especificamente no que tange a quantificação de efeitos letais e nãoletais em embriões. A exposição aos agrotóxicos foi identificada como um dos fatores de risco para defeitos do tubo neural (DTN), um tipo de malformação congênita do sistema nervoso central (SNC). Para criar políticas de saúde pública efetivas, que mitiguem a ocorrência das malformações congênitas, faz-se necessário identificar quais são e como atuam os principais fatores de risco à saúde dos nascidos vivos. Nesse estudo ecológico, usamos dados secundários da população oriundos do Sistema de Informações sobre Nascidos Vivos (SINASC, DATASUS) e dos Relatórios de Comercialização de Agrotóxicos e dois pesticidas, cipermetrina e clorpirifós, do Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (IBAMA). A partir desses dados, nosso objetivo foi investigar se há correlação espaço-temporal entre a comercialização de agrotóxicos e ocorrência de nascidos vivos com malformações congênitas do SNC e/ou DTN nos Estados do Brasil, de 2010 a 2019, utilizando como metodologias o teste de correlação de Spearman e a produção de mapas temáticos. Nossos resultados indicaram que os Estados do Acre (AC), Maranhão (MA), Rondônia (RO), Goiás (GO), Paraná (PR), Bahia (BA), Rio Grande do Norte (RN) e Tocantins (TO) possuem ao menos 1 resultado de correlação significativa nas variáveis testadas. Aplicando a correlação de Spearman, testamos se: I) a comercialização de agrotóxicos influenciou a ocorrência de malformações congênitas do SNC (AC com correlação positiva) e de defeitos do tubo neural (AC, MA e GO com correlação positiva e RO com correlação negativa); e II) a ocorrência de defeitos do tubo neural teria algum tipo de associação com a comercialização de dois tipos de inseticidas: cipermetrina (TO, BA e RN com correlação positiva e GO com correlação negativa) e clorpirifós (TO com correlação positiva e PR e RO com correlação negativa). Sendo assim, identificamos correlações significativas entre a comercialização de agrotóxicos e a ocorrência de malformações congênitas do SNC em 8 das 27 Unidades Federativas (UF) do Brasil. Mais investigações são necessárias para detectar as características específicas dessas UF que podem influenciar a exposição maternofetal aos agrotóxicos. Os dados organizados nesse trabalho compõem uma análise exploratória da comercialização de agrotóxicos e da ocorrência de malformações congênitas do sistema nervoso no Brasil, tocando aspectos essenciais da vigilância epidemiológica de defeitos congênitos.
Abstract: Pesticides are chemical substances used to improve agricultural production. The potential health risks to the human population caused by the use of pesticides in Brazil are poorly described in the literature, specifically regarding the quantification of lethal and non-lethal effects on embryos. Exposure to pesticides has been identified as a risk factor for neural tube defects (NTD), a type of central nervous system (CNS) congenital malformation. To create effective public health policies that mitigate the occurrence of congenital malformations, it is necessary to identify what are the main risk factors for the live births health and how they act. In this ecological study, we used secondary population data from the Information System on Live Births (SINASC, DATASUS) and from the Pesticide Trade Reports and two pesticides, cypermethrin and chlorpyrifos, from the Brazilian Institute for Environment and Renewable Natural Resources (IBAMA). From these data, our objective was to investigate whether there is a spatio-temporal correlation between the pesticides commercialization and live births occurrence with congenital CNS malformations and/or NTD in the Brazil's Federative Units from 2010 to 2019, using Spearman's correlation test and the thematic maps production as methodologies. Our results indicated that the Federative Units of Acre (AC), Maranhão (MA), Rondônia (RO), Goiás (GO), Paraná (PR), Bahia (BA), Rio Grande do Norte (RN) and Tocantins (TO) have at least 1 significant correlation result in the variables tested. Applying Spearman's correlation, we tested whether: I) pesticide commercialization influenced the congenital CNS malformations occurrence (AC with positive correlation) and neural tube defects (AC, MA and GO with positive correlation and RO with negative correlation); and if II) the neural tube defects occurrence would be associated with the commercialization of two insecticides types: cypermethrin (TO, BA and RN with positive correlation and GO with negative correlation) and chlorpyrifos (TO with positive correlation and PR and RO with negative correlation). Thus, we identified significant correlations between the pesticides commercialization and the congenital CNS malformations occurrence in 8 from 27 Federative Units of Brazil. Further investigations are needed to detect the Federative Units specific characteristics that may influence maternal-fetal exposure to pesticides. The data organized in this paper comprise an exploratory analysis of the pesticides commercialization and the central nervous system congenital malformations occurrence in Brazil, indicating birth defects epidemiological surveillance essential aspects.
URI: https://repositorio.ufrn.br/handle/123456789/47199
Appears in Collections:CB - TCC - Ciências Biológicas (bacharelado)

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
TestedaCorrelação_Santos_2022.pdf2,17 MBAdobe PDFView/Open


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons