Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://repositorio.ufrn.br/jspui/handle/123456789/12069
Título: Modelo institucional do processo de estruturação de empresas de desenvolvimento de software: um estudo de múltiplos casos
Autor(es): Martins, Daniel de Araujo
Palavras-chave: Indústria de software;Teoria institucional;Estruturação organizacional;Modelo de negócio;Paradigma de desenvolvimento;Software industry;Institutional theory;Organizational structuring;Business model;Development paradigm
Data do documento: 4-Mar-2011
Editor: Universidade Federal do Rio Grande do Norte
Citação: MARTINS, Daniel de Araujo. Modelo institucional do processo de estruturação de empresas de desenvolvimento de software: um estudo de múltiplos casos. 2011. 316 f. Tese (Doutorado em Políticas e Gestão Públicas; Gestão Organizacional) - Universidade Federal do Rio Grande do Norte, Natal, 2011.
Resumo: Some authors have shown the need of understanding the technological structuring process in contemporary firms. From this perspective, the software industry is a very important element because it provides products and services directly to many organizations from many fields. In this case, the Brazilian software industry has some peculiarities that distinguish it from other industries located in developed countries, which makes its understanding even more relevant. There is evidence that local firms take different strategies and structural configurations to enter into a market naturally dominated by large multinational firms. Therefore, this study aims to understand not only the structural configurations assumed by domestic firms but also the dynamic and the process that lead to these different configurations. To do so, this PhD dissertation investigates the institutional environment, its entities and the isomorphic movements, by employing an exploratory, descriptive and explanatory multiple cases study. Eight software development companies from the Recife's information technology Cluster were visited. Also, a form was applied and an interview with one of the main firm s professional was conducted. Although the study is predominantly qualitative, part of the data was analyzed through charts and graphs, providing a companies and environment overview that was very useful to analysis done through the interviews interpretation. As a result, it was realized that companies are structured around hybrids business models from two ideal types of software development companies, which are: software factory and technology-based company. Regarding the development process, it was found that there is a balanced distribution between the traditional and agile development paradigm. Among the traditional methodologies, the Rational Unified Process (RUP) is predominant. The Scrum is the most used methodology among the organizations based on the Agile Manifesto's principles. Regarding the structuring process, each institutional entity acts in such way that generates different isomorphic pressure. Emphasis was given to entities such as customers, research agencies, clusters, market-leading businesses, public universities, incubators, software industry organizations, technology vendors, development tool suppliers and manager s school and background because they relate themselves in a close way with the software firms. About this relationship, a dual and bilateral influence was found. Finally, the structuring level of the organizational field has been also identified as low, which gives a chance to organizational actors of acting independently
metadata.dc.description.resumo: Alguns autores têm apontado para a necessidade de se compreender o processo de estruturação tecnológica nas empresas contemporâneas. Nesta perspectiva, a indústria de software tem tido papel fundamental, pois fornecem produtos e serviços diretamente vinculados à estruturação tecnológica de organizações das mais diversas áreas de atuação. No caso, a indústria brasileira de software apresenta algumas particularidades que a diferenciam de outras indústrias situadas em países centrais, o que torna seu entendimento ainda mais relevante. Há evidências de que as empresas nacionais assumem configurações estruturais e estratégicas diferenciadas para ocupar esse mercado naturalmente dominado por empresas multinacionais de grande porte. Por essa razão, a presente tese tem como objetivo compreender não só as configurações assumidas pelas empresas nacionais de desenvolvimento de software, como também a dinâmica e o processo que as levam a tal estruturação. Para isso, a pesquisa investiga o ambiente institucional, suas entidades e, consequentemente, os movimentos isomórficos associados à indústria de software, empregando um estudo, fundamentalmente, qualitativo, exploratório, descritivo e explicativo, através da estratégia de estudo de múltiplos casos. Foram feitas visitas técnicas à 8 empresas do polo de tecnologia da informação da região metropolitana de Recife, sendo aplicado um formulário e realizada uma entrevista com profissional em cargo de destaque dentro de cada empresa. Apesar de o estudo ser, predominantemente, qualitativo, parte dos dados coletados foi processada através de tabelas e gráficos, fornecendo uma visão geral das empresas e do ambiente investigados e subsidiando as análises em profundidade feitas a partir da interpretação do conteúdo obtido com as entrevistas. Como resultado, pode-se dizer que as empresas se estruturam em torno de modelos de negócio híbridos provenientes de dois tipos ideais de empresas de desenvolvimento de software, quais sejam: fábrica de software e empresa de base tecnológica. No que diz respeito ao processo produtivo, verificou-se que existe uma distribuição equilibrada entre o paradigma de desenvolvimento tradicional e o ágil. Dentre as metodologias tradicionais, a Rational Unified Process (RUP) é a predominante. Já a metodologia Scrum é a mais empregada entre empresas estruturadas a partir dos princípios do manifesto ágil. Quanto ao processo de estruturação, foi encontrado que as entidades presentes no ambiente institucional atuam de forma diferente umas das outras, gerando forças isomórficas distintas e com variada intensidade. Destaque deve ser dado às entidades como clientes, órgãos de fomento à pesquisa, arranjos produtivos locais, empresas líderes de mercado, universidades públicas, incubadoras, entidades setoriais, fornecedores de tecnologia para o desenvolvimento de software e escola de formação e o background dos gestores, pois esses mantêm estreita relação com a estruturação das organizações investigadas. Acerca dessa relação, pode-se dizer que existe dualidade, tornando bilateral o trânsito de forças isomórficas. Por fim, constatou-se que o campo organizacional identificado ainda possui baixo nível de estruturação, o que abre espaço para a ação autônoma dos atores organizacionais e, consequentemente, para as empresas de desenvolvimento de software
URI: http://repositorio.ufrn.br:8080/jspui/handle/123456789/12069
Aparece nas coleções:PPGA - Doutorado em Administração

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
DanielAM_TESE.pdf4,45 MBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.