Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://repositorio.ufrn.br/jspui/handle/123456789/12076
Título: Contribuições da inserção musical para a qualidade de vida no trabalho em ambiente laboral fabril
Autor(es): El-aouar, Walid Abbas
Palavras-chave: Qualidade de vida no trabalho. Comportamento humano no trabalho. Música funcional. Música no trabalho. Indústria têxtil;Quality of work life. Human behavior at work. Functional music. Music at work. Textile industry
Data do documento: 30-Nov-2012
Editor: Universidade Federal do Rio Grande do Norte
Citação: EL-AOUAR, Walid Abbas. Contribuições da inserção musical para a qualidade de vida no trabalho em ambiente laboral fabril. 2012. 377 f. Tese (Doutorado em Políticas e Gestão Públicas; Gestão Organizacional) - Universidade Federal do Rio Grande do Norte, Natal, 2012.
Resumo: The present thesis aimed at understanding how the insertion of music in the work environment contributes to achieving Quality of Work Life. - QWL, under the perspective of biopsychosocial and organizational well-being. As to music insertion we considered the theoretical-empirical perception about how music is inserted at work and its functions on such place. The context where the study was taken was the manufacturing area of a major textile company, located in Natal, state of Rio Grande do Norte, Brazil, in which music is used during labor activities. The only study case was the research strategy adopted, with exploratory and descriptive purposes. The primary data were collected through the focus group technique, applied to the collaborator in the manufacturing sector. The semi-structured interview was done as a complementary tool, directed to the supervisor in that sector. Respecting the theoretical saturation criterion, we formed four focus groups, each one composed of eight members randomly selected, among the seventy-six collaborators in the sector. The data were analyzed qualitatively, through the content analysis technique, more specifically the category analysis. We identified twenty-eight QWL attributes. Six of them were found present in the four focus groups and in the interview. Among these ones, the attribute of Interpersonal Relationship at Work, contemplating the Psychological and Organizational dimensions, was the only one anticipated in four out of fifteen theoretical models here listed. The attribute Music at Work Environment could be inserted in the four QWL dimensions, highlighting the power and relevance of this attribute for the research participants. The way music has been inserted in the labor environment contributes to promoting well-being at work, which goes against theoretical conceptions, especially when it comes to musical genre. We identified nine functions of music at work, among which, Improving Work Conditions, Improving Interpersonal Relationship at Work and Favoring Motivation for Work had to be emphasized for being associated to three QWL attributes. In the total, we highlighted seven associations. The most affected QWL dimension through the insertion of music at work was the Psychological one, followed by the Organizational one. We conclude that music insertion provides biological, social and, above all, psychological and organizational well-being to the contributors, thus contributing to obtaining QWL at the labor environment researched. However, we should consider the context and proceed to periodical plans and adjustments in the way of music insertion so as to avoid health and well-being problems to those people at work
metadata.dc.description.resumo: A presente Tese objetivou compreender como a inserção de música no ambiente laboral contribui para a obtenção da Qualidade de Vida no Trabalho - QVT, na perspectiva da percepção do bem-estar biopsicossocial e organizacional. Com relação à inserção musical, partiu-se de concepções teórico-empíricas acerca da forma como a música é inserida no trabalho e das funções por ela exercida naquele ambiente. O contexto onde se realizou o estudo foi o setor de confecção de uma indústria têxtil de grande porte, localizada na cidade de Natal, estado do Rio Grande do Norte, Brasil, em que se utilizava música durante a atividade laboral. O estudo de caso único foi a estratégia de pesquisa adotada, com finalidades exploratória e descritiva. Os dados primários foram coletados através da técnica de grupo focal, adotada como instrumento principal de coleta de dados, aplicado aos colaboradores do setor de confecção. A entrevista semiestruturada foi utilizada como instrumento complementar, direcionado à supervisora daquele setor. Respeitando-se o critério de saturação teórica, foram formados quatro grupos focais, cada um dos quais compostos por oito participantes, selecionados de forma aleatória, entre os setenta e seis colaboradores do setor. Os dados foram analisados qualitativamente, através da técnica de análise de conteúdo, mais especificamente, a análise categorial. Identificaram-se vinte e oito atributos de QVT. Seis deles estavam presentes nos quatro grupos focais e na entrevista. Dentre esses, o atributo Relacionamento Interpessoal no Trabalho, contemplado nas dimensões Psicológica e Organizacional, foi o único previsto em quatro dos quinze modelos teóricos aqui elencados. O atributo Música no Ambiente de Trabalho pôde ser inserido nas quatro dimensões de QVT, evidenciando a força e a relevância desse atributo para os participantes da pesquisa. A forma como a música vem sendo inserida no ambiente laboral contribui para promover o bem-estar no trabalho, o que contraria concepções teóricas, sobretudo no que concerne ao gênero musical. Foram identificadas nove funções da música no trabalho, dentre as quais, Melhorar as Condições de Trabalho, Melhorar o Relacionamento Interpessoal no Trabalho e Favorecer a Motivação Para o Trabalho mereceram destaque por estarem associadas a três atributos de QVT. Ao todo, foram evidenciadas sete associações. A dimensão de QVT mais afetada pela inserção de música no trabalho foi a Psicológica, seguida da dimensão Organizacional. Conclui-se que a inserção musical proporciona bem-estar biológico, social, e, sobretudo, psicológico e organizacional aos colaboradores, contribuindo para a obtenção de QVT no ambiente laboral pesquisado. Contudo, faz-se necessário considerar o contexto e proceder a planejamento e ajustes periódicos na forma de inserção musical, de modo a evitar danos à saúde e ao bem-estar das pessoas no trabalho
URI: http://repositorio.ufrn.br:8080/jspui/handle/123456789/12076
Aparece nas coleções:PPGA - Doutorado em Administração

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
WalidAE_TESE.pdf3,24 MBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.